História Elira - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 7
Palavras 1.020
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Fantasia, Ficção, Magia, Misticismo, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Partida


  Era manhã, Lya já sabia que estava de partida naquele dia, por isso, levantou determinada.Logo no começo do dia ela penteava seus longos cabelos loiros na frente do espelho, era muito chato quando o pente encostava em suas sensíveis e avantajadas orelhas, mas afinal, a vida de todo elfo era assim, era algo genético, e mesmo assim Lya ficava incomodada.

  Após terminar de se arrumar, ela saiu mais uma vez pelos corredores do castelo onde morava, afim de tomar o seu café da manhã, como sempre, porém, hoje estava diferente, era estranho passar pelos corredores decorados e com grandes quadros de gerações passadas emoldurados na parede, pensando que seria o ultimo dia de muitos em que ela estaria ali, mas afinal de contas, o desejo de estudar em Ahrenhold partiu dela, e como não partiria? Lya sempre foi assim, era apaixonada pelos estudos e pela fascinante magia que nunca conseguiu fazer, quem sabe estudando lá ela conseguiria, ou até mesmo apenas vê-la, sempre quis ver algo mágico sendo feito diante de seus olhos, mas era extremamente raro, a única vez em que ela viu magia de verdade foi em Deeproath, uma grande cidade ao sul de Alion, que era onde Lya sempre morou.

 Sempre se perguntava se nas outras cidades era realmente tão raro ver um mago, naquele dia, em Deeproath, ela estava em viagem com seu pai, e passaram por um homem grisalho e barbudo, ele a olhou e ele fez uma pequena bola de luz ascender e flutuar em volta de Lya, que possuía 8 anos na época, hoje ela possui 17 e nunca mais viu algo como aquilo. Apesar de ter 17 anos, ainda era muito jovem para a idade élfica e tinha uma cabeça muito fértil, mais uma vez, pelos corredores do castelo, ela se via pensando nisso, até chegar a mesa do café. Lá estavam sentados, a sua mãe, Likaya, seu pai, Ashai e seu irmão mais velho, Konah, todos eram muito parecidos, loiros e olhos verdes ou azuis, Lya tinha os olhos verdes da mãe e o restante possuía olhos azulados.

- Já está preparada para a viagem? – Perguntou Konah.

- Não sei, nunca fui tão longe assim, e tão afastada de casa. – Respondeu.

  Após Lya sentar-se, vieram imediatamente duas criadas para servi-la, e a conversa continuou:

- Por que acordou tão tarde, filha? – Perguntou Likaya, casualmente.

- Acho que foi difícil acordar sabendo que iria ficar tanto tempo fora. – Respondeu Lya com sinceridade.

- Não se preocupe, Klamhar vai ir em viagem com você, vai dar tudo certo. – Klamhar era como um guarda pessoal da família, era muito próximo do Pai de Lya e sempre ajudava a garota quando ela precisava. E assim a conversa se prolongou durante todo o resto do café.

  Após terminarem a refeição, Lya decidiu ir a praia mais uma vez, para se despedir. Ela desceu as escadas do castelo e passou pelas formosas ruas de pedra de Alion, ela adorava passar por ali, o cheiro das flores e das comidas que estavam vendendo em pequenas tendas de madeira era relaxante e a multidão de compradores e pessoas comuns que passavam por ali, faziam Lya se lembrar de tudo que já havia vivido naquelas ruas. Enquanto passava, os conhecidos a cumprimentavam e desejavam boas viagens, era claro que eles sabiam, Alion não era tão grande e as informações se espalhavam rápido por ali, ainda mais quando as mesmas envolviam a família real da cidade.

  A pequena elfa continuou a passar pelas ruas e a receber pequenas lembranças de boa viagem do povo local até chegar na praia, era o seu lugar preferido, as ondas e o barulho que faziam ao se chocar com o mar era muito relaxante, assim como a areia fofa que podia sentir-se passar por entre os dedos de Lya e cobrir seus pés a medida que andava descalça pelo local.

  Ela andou sozinha até uma pedra que ficava um pouco acima do mar, escalou e sentou-se nela, apenas observando e despedindo-se de sua pequena cidade, onde morou a vida toda até aquele momento, ficou ali por quase uma hora inteira, até que desceu e começou a caminhar novamente para o castelo.

  Enquanto caminhava na areia, seus pés encostaram em algo frio, ela levou um pequeno susto, pois estava distraída, e quando tirou seu pé de cima, havia um colar, ele era feito de pequenas pedrinhas prateadas e possuía uma pedra vermelha em formato de chama na ponta, ela pegou-o na mão, não possuía nada de especial naquele objeto, mas mesmo assim ela o vestiu e continuou a andar até estar novamente em seu quarto.

  O resto da manhã passou rapidamente, logo ela estava almoçando e pegando suas coisas para a viagem, Klamhar a ajudou a levar seus pertences até a porta do castelo e ajudou também a botá-los na carruagem, provavelmente eles levariam dois ou três dias de viagem, então estavam levando comida e outros utensílios junto. Após tudo estar pronto Lya foi se despedir de seus criados, que apesar de serem pagos para fazer o serviço, sempre foram muito gentis e atenciosos com a menina, e claro, foi despedir-se de seus parentes.

- Adeus minha querida, espero que dê tudo certo. – Falou sua mãe, emocionada.

- Se cuide minha pequena Lya – Disse seu pai – Mande mensagens assim que puder.

- Até mais Lya – Disse o Irmão – Espero que você consiga encontrar o que procura em Ahrenhold.

  Após despedir-se Lya andou em direção a carruagem e momentos antes de entrar, um jovem, que claramente não era de Alion, a interrompeu.

- Moça! Espero não incomodar, mas para onde você está indo? – perguntou o jovem, que era humano.

- Eu estou partindo para Ahrenhold, mas por que a pergunta? – Respondeu Lya.

- Se não fosse de muito incomodo, eu poderia acompanhá-la em sua viagem? Eu iria para o sul, porém, perdi minha carona.

  Lya não sabia o que dizer, então olhou para seus parentes, que faziam uma cara negativa, e mesmo assim disse:

- Claro! Adoraria uma companhia durante a viagem!

  E assim partiram de Alion, para o colégio, e para o começo de sua jornada...


Notas Finais


Obrigado a todos!
Esta é minha primeira tentativa de escrever algo, aceito críticas e sugestões, espero que gostem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...