1. Spirit Fanfics >
  2. Elite >
  3. Chapter I - Welcome Stella!

História Elite - Capítulo 1


Escrita por: e italo3D4


Notas do Autor


Dai meus amores, espero que gostem
Deixem o like/comment para dar aquela força
Boa leitura!

Capítulo 1 - Chapter I - Welcome Stella!


Yuuei. Um colégio de elite para apenas os filhos dos mais renomados senhores do Japão. Todos que se formam lá se tornam grandes empresários e futuros líderes da bolsa de valores. Com apenas 110 vagas disponíveis, com atualmente 109 ocupadas.

Stella, uma jovem garota americana, encontra-se nesse exato momento agoniada em um dos bancos da secretaria da U.A. Concorreu a uma bolsa de estudos oferecida por um dos famosos cantores americanos para subir na mídia como uma pessoa “solidária”.

Acabou de fazer uma prova onde concorreu com outros 1.000 adolescentes que tem o sonho de fazer o ensino médio na U.A, e agora batia seu pé agoniada no chão aguardando pelo resultado.

Ela ficava ali encarando a parede branca inquieta, seus óculos caídos na ponta do nariz escondiam seus olhos baixos, seu cabelo preso em um rabo de cavalo longo desvalorizava o belo cabelo, ela usava apenas roupas sociais, mas ainda assim muito confortáveis, não é o tipo de garota mais atraente, nunca foi, nunca tentou ser.

Encontrava-se mexendo em alguns papeis importantes em sua pasta, quando um vento forte vem da janela ao lado, que arremessa todos seus papeis para frente, ela se assusta e quase chora desesperada ao ver os papeis. Seus olhos azuis, estavam quase brancos de pânico. Tentou acompanhar os papeis que iam para longe quando uma figura no corredor segura o papel que ia mais distante, um rapaz de cabelos e olhos bicolores, uma feição fria que agia de forma calma enquanto ia até a garota que estava envergonhada de estar ajoelhada catando os papeis. Ele logo se abaixa e a ajuda, ela mal sobe falar naquela hora.

- O-obrigada - Optou pelo básico, já estava ansiosa pelo resultado, não pode conhecer outro lugar da escola além da secretaria, mas já tinha certeza o quanto queria estudar aqui.

- Tudo bem, não foi nada - Disse terminando de juntar tudo e se levantando. Ela fez o mesmo em seguida e notou a diferença de altura na hora, além da postura e do perfume intenso vindo dele, ela o olhou bem e viu que os olhos dele estavam focados nos seus - Você é candidata pra vaga?

- Sim, sim - Falou nervosa encarando o relógio em seu pulso - O resultado vai sair daqui 37s e vai ser colado bem nessa parede, quis vim ver pessoalmente - Suspirou agoniada, não sabia como agir perto dele, nunca esteve perto de alguém tão bonito, era assustador

- E você é americana né? Tem um rosto bem diferente das garotas daqui - Ela coroou com o "diferente", não sabia nem se aquilo era um elogio na verdade, mas no tom de voz dele ficava tão elegante - Bem, só posso te desejar boa sorte.

- Muito obrigada - Sorriu largo ajeitando seu óculo que já estava caindo de seu rosto - Você é muito.... Ai! - Deu um grito ao ver um homem baixo colando o papel na parede.

Ela foi desesperada até a parede, o único lugar que importava era o primeiro, os outros entram em espera, ela ficou com tanto medo que começou de baixo pra cima, não estava nem entre o 2 e o 1000 candidato, então olhou pro topo e viu seu nome. Deu pra ouvir um bipe de hospital parando e apitando, ela começou a lentamente cair pra trás quase desmaiando e só parou por que o rapaz estava ali pra segurar ela, mas teve que soltar os papeis os fazendo cair novamente.

- Está tudo bem? - Ele fala preocupado dela estar com a pressão baixa e já leva a mão até seu rosto para medir sua temperatura.

A realidade dela voltou completamente quando se viu na situação que estava, acabou dando um pulo ficando mais afastada do rapaz e já foi logo se ajeitando.

- Sim, sim, me desculpe... por causar problemas - Falou rápido e enrolado - E-eu preciso ir - Precisava voltar para casa e ajeitar suas coisas para amanhã poder ir a aula.

- Não tão rápido - Surge uma voz feminina atrás de si, se virou assustada sentindo seu corpo se arrepiar - Olá, me chamo Momo.

- Oi - Respondeu tensa, mais tensa ainda pela beleza da morena, uma jovem de boa postura, cabelos de tamanhos medianos e seios avantajados, sentiu inveja da garota usar roupas tão justas possuindo um corpo tão exagerado, sempre usava roupas mais largas o possível para não retratar seu corpo.

- Hoje à noite terá uma festa, você deveria vir já que perdeu a primeira semana de aula - Sorriu largo se aproximando da garota nova - Só precisa usar isso - Entregou uma pulseira de cor branca para Stella, a loira percebeu na hora ser uma pulseira semelhante com a do garoto que a ajudava, porém a dele era da cor platina.

- Obrigada... Momo - Respondeu desconfiada aceitando a pulseira - Talvez eu apareça.

- Percebo que conheceu o Todoroki já, ele virá hoje - Falou sorridente segurando a mão da loira.

- Eu venho! - Respondeu rápido assim que soube que o rapaz vinha - Quer dizer, talvez eu venha.

- Perfeito! - Momo deu um pulo animada - Até mais tarde Stella - Dessa vez quem prestou atenção na conversa foi Todoroki, que agora, sabia o nome da garota.

Stella sai com o coração a mil, ela não era fã de festas, mas ao imaginar o rosto do Todoroki ela já se dava mil e um motivos para aparecer na festa, mas antes de pensar nisso precisava ir pra casa, a primeira coisa que fez foi ir até seu carro, era simples apenas para se locomover, ela sai dali notando alguém tirar foto dela e achou estranho.

Saiu dali apreçada para chegar em casa e ver que já tinha tudo que precisava, até os livros já tinha, o que não tinha era roupa pra tal festa. Como era uma festa na escola não pensou que precisava de algo tão bonito, até porque sua roupa mais bonita era um vestido que comprou para ir na festa de 15 anos de sua prima ano passado.

Decidiu vestir um tênis, uma calça preta larga, não queria que retratasse sua bunda, um moletom e mais um casaco por cima, tinha medo do frio e principalmente por estar nevando essa época. Amarrou seu cabelo loiro em um coque que estava preso em um lápis de escrever, e ajeitou seu óculos que ofuscava o brilho de seus olhos azuis.

Não sabia que horas exatamente era a festa, por isso esperou escurecer, se chegasse atrasada seria ainda melhor pra falar a verdade, então foi sem pressa alguma, mas quando chegou lá notou que a escola estava ainda cheia o que era bem estranho, todos os alunos iriam participar? E o mais assustador foi ver os professores saindo, quem eram os responsáveis pela festa? Ela não fazia ideia do que estava acontecendo, e quando foi até a entrada um ruivo apareceu com uma espécie de tablet.

- A oi, você tem cara de novata, sou Kirishima - Falou bem animado, mas bloqueando a entrada - Bem, sé é seu primeiro dia já sei que não vai se dar bem - Ele falava isso com um sorriso infantil e um tom animadinho, mas pra ela aquilo foi tipo uma facada.

- hmm... - Falou confusa o encarando - Uma tal de Momo me deu isso - Mostrou o pulso onde estava a pulseira, percebeu na mesma hora que o ruivo possuía uma também, porém dourada.

- Opa, então tudo certo, a entrada é 1000 reais - Falou estendendo a mão - Aceitamos cartão também viu? e se quiser pode abrir uma conta e pagar depois - Ela olhou tão confusa que chega ficou revoltada.

- Ah, então deixa - Virou de costas já pronta para sair, não fazia muita questão de entrar nesse lugar mesmo, mas assim que se virou bateu com tudo em algo que parecia uma parede, mas quando olhou para cima percebeu ter esbarrado em um rapaz alto, loiro, de olhos castanhos vivos penetrantes, pareciam até vermelhos dependendo do canto que olhasse.

- Oi? - Falou olhando confuso para em seguida dar um passo pra trás e encarar a garota, viu a pulseira e a cara de perdida dela e ficou até com dó - Ei Kiri, é o primeiro dia, vamos dar um desconto pra ela - Falou sorrindo - Hoje ela entra por minha conta okay?

- Tá generoso, esquisito em - Kirishima fala estendendo a máquina, Katsuki apenas estende seu braço mostrando sua pulseira platinada assim como a de Todoroki.

Stella não entendeu nada o que estava acontecendo, mas se sentiu péssima por um estranho pagar sua entrada, estava prestes a reclamar sobre isso quando teve sua mão puxada para dentro pelo loiro.

Se sentiu cega ao sentir as luzes vermelhas batendo em seus olhos, assim que pode olhar ao redor se sentiu assustada. O lugar era extremamente luxuoso, muitos bares, sofás brancos, mesas de vidro um palco no meio do salão com um pau de poledance, uma música alta... estranhou na hora não ter escutado essa música da rua... o lugar possuía isolamento acústico? Sua cabeça tentava processar o preço de tudo que estava nesse lugar.

- Me chamo Katsuki, vem comigo novata - Falou animado a puxando - Relaxa que aqui só tem a galera da escola, e já que é pequena então se alguma coisa acontecer a gente resolve - Falou a levando até uma escadas - Você tem cara que detesta festas e que não é muito de curtir coisas caras.

- Stella - Falou rápida o encarando - Me chamo Stella - Engoliu a saliva sentindo sua garganta ficar seca - Momo falou que era só uma festa de colégio...

- E é - Disse animado - As festas são assim sempre - Disse parando no meio das escadas - Você está muito preocupada - Segurou a mão dela e sorriu - Relaxa, você vai curtir - Ela não sabia dizer o porquê mas seu coração estava a mil com o jeito que ela o tratava, não esperava que alguém fosse simpático assim do nada.

Terminou de subir as escadas junto com ele e percebeu chegar em algum espécime de camarote. Tinha pouquíssimas pessoas ali em cima, até conseguia contar uma por uma... 5 pessoas, 5 homens.

- Katsuki? Quem é a diferentona ai em? - Um loiro fala largando um copo na mesa, um copo de bebida forte com pouco gelo - Qual o rank dessa ai?

- Ela chegou hoje na escola, ela não conhece nada - O loiro na hora arregala os olhos e faz uma cara mais simpática - Esse idiota ai é o Denki, mas não liga pra ele, vem, senta aqui e me fala qual é a sua - Ela nem se quer entendeu o pretexto da conversa.

- Qual é a minha? - O olhou confusa, não fazia a mínima ideia do que estava acontecendo, mas sabia que tinha algo de muito errado nesse lugar.

- Isso, veio aqui ser famosa ou algo do tipo? - Katsuki puxou dois copos que um bar tender ali em cima preparou para os dois, ela só não sabia se queria realmente beber aquilo.

- Famosa? - Agora sim estava confusa e foi obrigada a segurar o copo - Eu vim estudar - Falou como se fosse óbvio.

Nesse exato momento Katsuki soltou um sorriso divertido, tinha algo de diferente nessa garota.

- Você é incrível, aqui tem 110 alunos e a maioria são idiotas que só querem a fama de dizer que estudaram aqui - Falou pegando seu copo e dando um gole - Gostei de você desde da hora que te vi - Ela cora na hora o que a deixa ainda mais fofa.

- E você? - Perguntou curiosa - Quer a fama?

- Sou do tipo empresário - Falou  a vendo apenas segurar o copo - Quero fama, mas tenho que estudar, não é à toa que tenho as melhores notas... Ei não vai beber?

- Não sei se deveria - Encarou o copo nervosa vendo aquele líquido amarelo.

- Okay, acho que você não vai conseguir curtir muito a festa - Katsuki fala um tanto sem graça - Mas sugiro que beba, eles cobram o olho da cara por bebida aqui, essa é por minha conta, então só dessa vez que tal? - Ela nota que Denki ria de canto revirando os olhos.

- Ta bom - Decidiu tomar apenas para não fazer desfeita, não queria ser mau educada, mas assim que deu o primeiro gole sentiu sua garganta arder - É forte - Riu fraquinho de si mesma.

Katsuki ao ver o sorriso dela já se perguntava o que tinha por baixo daquelas roupas horríveis, desse cabelo mal arrumado e esses óculos ridículos, reconhecia de longe um rostinho bonito.

- Se quiser eu pago algo mais doce - Falou brincando com ela que já até pensava em aceitar quem sabe um suco ou um chá, mas antes que desse a resposta vem passos do camarote.

- Momo eu não estou brincando, aquele garoto veio dar em cima de mim, eu já te disse que detesto o Mineta, e não sei como ele não é o último do rank - Uma castanha subia, outra garota de corpo avantajado, mas essa tem muito mais bunda que peitos, e logo atrás vinha Momo que assim que entra vê Stella.

- Ai deus você veio - Correu pra ela toda animada mas parou antes de chegar vendo Katsuki ao lado dela - Já chegou poderosa né? Conheceu o maioral da escola no primeiro dia em.

- Maioral? - O olhou de canto e ele apenas deu de ombro sorrindo - Olá Momo - Deu seu melhor sorriso.

- Que bom que veioooo - Foi até ela dar dois beijinhos na bochecha dela mas aproveitou pra sussurrar, pena que Katsuki ouviu - o senhor Todoroki está a caminho viu - Katsuki se irritou na hora com a conversa - Mas me conta, por que não veio pronta pra dançar, nossa amiga Jirou hoje está bem animada e decidiu que ia botar pra quebrar, se quiser uma roupinha mais confortável acho que posso arranjar uma.

- Eu não pensei que todos vinham tão arrumados - Falou sem jeito - Não tenho nem coragem de me levantar daqui imagina dançar.

- Não fala isso, você vai ter que levantar e curtir pelo menos um pouco, Jirou é incrível, futura maior Dj da história - Ochaco fala animada enquanto Momo se senta ao lado de Stella, e logo em seguida Jirou aparece ali com uma mochila.

- Ouvi que alguém não vai dançar, vou ter que bater na pessoa? - Falou se fazendo de durona, e Stella bem que acreditou pela cara e pela jaqueta de couro - Olha uma novata? O Denki que te trouxe?

- Foi eu - Katsuki falou rápido passando o braço ao redor do pescoço da loira a puxando para perto, percebeu que ela chamava atenção demais e não gostou disso.

- Me, me desculpa, não queria ofender - Não sabia se estava vermelha por estar com medo de Jirou ou por vergonha pelo Katsuki.

- A... foi mal foi mal - Jirou fala recuando e Stella olha confusa, todo mundo parecia ter medo do loiro - Falando nisso alguém viu o Deku? Ele ainda não atualizou o rank hoje, eu tenho certeza que passei alguém.

- Não passou - Um garoto de cabelos verdes entra por outra porta ali no fundo - Só vai atualizar de noite e... - Deku na hora olha pra garota nova - Gente... O que ela está fazendo aqui... - Ela na hora abaixou a cabeça se sentindo uma intrusa, e Katsuki o olhou feio - Relaxa, eu só estou preocupado de você não conhecer gente legal da escola... - Tinha um motivo mais obscuro na verdade.

- Acho melhor eu ir - Falou baixinho para que Katsuki ouvisse.

- Nada disso, é minha convidada hoje - Katsuki fala segurando sua mão - Gente, vocês são um bando de idiotas, a garota nova merece uma recepção bem legal no primeiro dia - Falou se levantando - Jirou, você vai tocar a música que ela quiser, Stella - Ele fala a fazendo levantar - Aproveita essa noite okay?

- Pode tocar a música que quiser - Stella falou rápido encarando a garota - E-eu não quero mudar seu repertório - Jirou sorriu na hora vendo o jeito da loira, ficou com pena dela, apenas soltou uma risada e já foi logo saindo para tocar.

Todos ficaram em silêncio dessa vez, ninguém não obedece às ordens de Katsuki, mas logo o silêncio do lugar se quebra com Todoroki e Mina chegando, principalmente por Mina que chegava já segurando uma garrafa de champanhe cara em mãos.

- Hoje é dia de de festa, hoje é dia de festa - Ela chegava cantando e parou na frente de todo mundo apontando o Champanhe pra frente - Explode meu neném - Ela nem viu esperou pra sacudir e estourar o champanhe, esqueceu até de ver que tinha uma garota na reta, Stella fica travada vendo que aquela rolha ia direto no seu rosto, mas parou a centímetros graças a mão de Todoroki que a salva por pouco - Eita... Desculpa.

Abriu os olhos devagar, pode ver Todoroki bem em sua frente segurando a rolha em mãos, dessa vez sentiu que iria passar mal de novo.

- Obrigada - Falou quase em um suspiro pelo alívio.

- É bom que posso ser útil uma segunda vez no dia - Falou calmo como sempre, mas só de ver os olhos dele de novo já sentia que ia derreter ali mesmo, e claro que Katsuki notou o olhar dela e já ficou frustrado.

- Tá, vamos aproveitar, a contagem regressiva já vai começar - Katsuki fala cortando o momento, e na hora o garçom chega com uma bandeja com 10 copos de dose - Temos que virar antes de todos entrarem - Stella olhou em pânico, eles iriam virar a dose de tequila pura na frente dela.

Ficou em silêncio vendo mais uma garota de cabelos ruivos chegar no local e já pegando um dos copos em mãos, tinha um total de 10 pessoas ali, eles se olhavam como se fossem reis e participassem de alguma seita maluca.

Assim que viraram o copo a luz do lugar se apagou completamente deixando tudo escuro, mas logo Stella percebe uma luz surgindo em suas costas, se virou chegando perto das grades onde pode ver um telão enorme, apareceu primeiro uma foto da Jirou, Stella reconheceu na hora, mas ficou confusa com o número 10 em cima de sua cabeça.

Logo em seguida veio uma foto da ruiva, com o número 9, e assim foi indo em ordem... Ochaco, Denki, Mina, Kirishima, Momo, Midoriya, Todoroki e por fim Katsuki.

O silêncio no lugar era aterrorizante, como se aquilo fosse a coisa mais importante e esperada na noite. Mas logo em seguida apareceu outra lista, porém está não tinha as mesmas bordas douradas ao redor das fotos, e nem uma música tão animada de fundo.

Foi indo do mesmo jeito, porém ao invés de parar no número 1, parou no número 0, onde a foto que apareceu no salão era toda cinza com um ponto de interrogação no meio, como se esperasse a resposta de alguém.

- Katsuki, você quem escolhe - Momo falou se virando para ele com um sorriso enorme, a garota já imaginava o que iria acontecer.

- Como se fosse difícil escolher - Falou puxando o celular - Stella diga "x" - Ela não entendeu até ver o flash, ficou com a visão meio turva por um segundo e logo em seguida veio a imagem no telão - Parabéns Stella, você é a última do Rank.

- Última do rank? - Perguntou confusa com a visão meio turva devido a luz - O que isso quer dizer?

- Quer dizer que partir de agora você é minha cadelinha, e só vai latir quando eu mandar - O sorriso maldoso dele a deixou com um frio na barriga, não entendia o que estava acontecendo ali, mas logo notou os olhares maldosos de todos ali em cima, e outros olhares de pena...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...