História Elite School Satsuriku no Tenshi - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Satsuriku No Tenshi (Angels Of Death)
Personagens Personagens Originais, Rachel, Zack
Visualizações 499
Palavras 1.415
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura ♡

Capítulo 1 - Capítulo I


Fanfic / Fanfiction Elite School Satsuriku no Tenshi - Capítulo 1 - Capítulo I

 Vivo em um mundo onde anjos e demônios estão em Paz,  Essa Trégua Começou a Mais de 100 anos. Hoje eles Interagem , Trabalham e ate mesmo em casos raros Constroem uma família juntos. Me Mudei Recentemente para A Capital com a minha família, Com As minhas Habilidades reconhecidas e alguns contatos, fui aceita na Elite School Satsuriku no Tenshi. 


 É A primeira escola de elite mista , Ela forma Ceifadores , Arcanjos , anjos guardiões .. dentre outros, é claro que tem limitações , Um anjo não pode exercer profissões de um demônio e visse e versa.   Confesso que estava bem Ansiosa Para isso, Sou de uma família de Arcanjos , todas formadas nessa escola, então sinto a pressão e a necessidade de ser forte. 


 Meu nome é Rachel Gardner, Tenho 15 anos e sou um anjo , tenho 1.50 de altura , como sou bem pequena muitos acham que sou mais nova. Desci do carro e  o homem com o cabelo grisalho me entregou as malas. 


- obrigada.. papai..- o olhei por um momento. 


- voltarei no inverno. - falou brevemente entrando no carro. 


 Soltei um longo suspiro ao ver o carro partir , subi os degraus lentamente , uma Mulher de aparentemente 45 anos , cabelos negros curto Me esperava na frente da porta. 


- senhorita Rachel.. Sou a diretora daqui... - falou seria seguindo na frente, entrei olhando envolta. - por hora irei leva-la ao dormitório feminino... Normalmente as outras aulas dividem o quarto , mas seu pai nos pediu um quarto separado.


- eu tenho... problemas durante a noite, sou sonâmbula.


- espero que não cause nenhum problema.- me olhou sobre o ombro virando o corredor. 


 A escola era no modelo antigo mas tinha seu charme , mais parecia um castelo , diversos pilares seguravam o teto alto , várias aberturas , nada muito fechado, as portas eram de madeira e as paredes de pedra sem pintar. Definitivamente...era um castelo , fui tirada de meus pensamentos quando a mulher parou frente a porta com a placa 302. 


- aqui está. - ela me entregou a chave e uma pasta. - as aulas começam amanhã , a maioria dos alunos chegaram a uma semana , você pode tirar o dia para organizar suas coisas e conhecer a escola.


 - obrigado.-falei baixo sem expressão e a esperei sair , destranquei a porta abrindo empurrando a mala para dentro.


 O quarto era mediano , tinha um banheiro e os móveis eram rústicos , encima da cama estava meu uniforme devidamente passado , uma saia preguiada no ton preto e a blusa de botões branca.


  Para falar a verdade eu nem queria sair... Mas achei bom conhecer a escola antes de tudo.  Sai do quarto seguindo o corredor , alguns alunos passeavam mas não fazia questão de me olhar .. ser invisível sempre foi meu ponto forte , parece que nessa escola não será diferente. 


 Virei um corredor que dava acesso ao jardim , vaguei por minutos entre as flores e segui uma trilha de pedras que estavam afundadas no chão , após alguns  passos observei um corpo que estava deitado no chão ao lado de uma árvore, estreitei os olhos , um menino...enfaixado?


Me aproximei mais e não consegui ver o movimento no seu peito , me abaixei  ao seu lado e cutuquei sua bochecha com um dedo. 


- será que está morto ? - sussurrei baixinho enquanto observava. 


- o que pensa que está fazendo ? -seus olhos abriram de repente me fazendo cair sentada no chão ,eu não estava assustada , na verdade minha expressão não mudou nem um pouco. 


- desculpa..  achei que estava morto..  


- eu tenho cara de quem está morto ? - ele grunhiu  me olhando com raiva. 


Reparei em seus olhos eram de cores diferentes , ele vestia um moletom marrom, seus cabelos eram negros , possivelmente .. um demônio, me afastei levantando. 


" demônios gostam de causar brigas... fique longe  deles. " lembrei-Me das palavras da minha mãe ,meus pais ainda são muito conservadores , minha família inteira é ,odeiam demônios mas convivem com eles ..deis de pequena fui criada com essa mentalidade, mas ..apesar de tudo eu nunca tinha visto um demônio de perto. 


- ei , tá me ouvindo ? - ele falou mais alto e eu recuei alguns passos. 


- desculpa. - me virei indo para o quarto.  

  

 Não dormi naquela noite... como sempre , quando dormia era pior ainda , tinha crises de sonambulismo , sempre acabava em algum lugar , uma vez até me perdi na minha antiga cidade , acordei em um beco qualquer.


 Pela manhã levantei com os olhos inchados, tomei um longo banho gelado e penteei os cabelos ,  vesti o uniforme saindo com os livros que estavam sobre a prateleira, fui direto para a sala de aula , não sou acostumada a tomar café da manhã.  


 A sala estava vazia...ainda  bem , fui até a última carteira me sentando e ajeitei a coluna olhando para a janela , de repente um baque me fez desviar o olhar e fitar o garoto a minha frente , seu pé estava encostado na minha carteira.


- você está no meu lugar , pirralha. - o mesmo garoto do Jardim me olhava com raiva. 


- que eu saiba , esse é o primeiro dia de aula.


- hn? - grunhiu  empurrando a carteira mais uma vez. 


- não tem como esse ser seu lugar se quem chegou primeiro foi eu.


- tsc  - ele se aproximou puxando meu braço tentando me levantar .- saia logo esse sempre foi meu lugar. 


 O olhei por um momento e puxei meu braço de volta seria. 


- não toque em mim.. demônio nojento. - minha voz saiu mais fria que o normal , vi o menino por um momento ficar sem reação mas depois me olhar com ódio. 


- o que você...disse ...maldita - grunhiu quando uma voz chamou nossa atenção. 


- causando confusão justo no primeiro dia Zack ? - o homem de cabelo verde ajeitava o óculos colocando os livros sobre a mesa do professor - saia de perto dela. Ache outro lugar. 


 O menino soltou um suspiro irritado antes de empurrar a carteira novamente ainda me encarando com raiva se sentando em outro lugar. Logo depois os alunos chegaram , aquele homem de cabelos verdes era o professor  Danny.


No final da aula uma garota de cabelos brancos até a cintura se aproximou da minha carteira sorrindo. 


- oi.. 


- oi - falei brevemente me levantando e ela me seguiu. 


- sou.. Rebecca... tudo bem ?


- hn ... tudo ?- olhei estranho , nunca fui de conversar muito com outras meninas. 


- é que, você não apareceu no café... não conversou com ninguém durante a aula...achei que não tinha amigos.


-e não tenho.


-entao vamos ser amigas - ela se encostou  em mim sorrindo , rebecca tinha mais ou menos 1, 60 de altura , seu corpo era magro mas tinha belos atributos para a idade dela , olhei por um momento suspirando , não que eu me importe muito  , mas é difícil ser reta igual uma tábua.


Rebecca passou a tarde toda comigo , não parava de falar nem por um minuto , confesso que estava um pouco entediada no começo , mas até que ela é legal. De noite me puxou para o refeitório e nos sentamos juntas para comer. 


 Olhei o garoto de cabelos negros passar me encarando sério e na hora rebecca me cutucou.


- por que... O zack está te olhando assim ? 


" zack? Esse é o nome daquele ser deprimente ? " 


- ele ..queria tomar minha carteira - dei de ombros e ela me olhou assustada. 


- pera aí...voce.. não deu ?! - afirmei e ela colocou a mão sobre o rosto - escuta...Rachel.. eu sou do Conselho estudantil ... esses dias estava olhando a ficha dele , não é bom ser inimiga desse cara. 


- por que ? 


- olha ele é repetente , deve ter reprovado uns 2 anos aqui.


- então além de irritadinho  é burro. - falei baixo. 


- mas escuta  ! Ele pode ter sido reprovado em tudo na teoria , mas no exame prático ele tem os melhores recordes do colégio - ela falou baixo - além de que... ele se iguala na força física dos arcanjos ... 


- impossível- falei seria encarando zack de longe. 


- não é...porque ele é híbrido...


Desviei meu olhar por um momento a  olhando. 


- híbrido... ? 


Notas Finais


Obrigado ♡

Deixe seu favorito se gostou da história ♡

Uma oneshot sobre eles

Ps: não tem haver com a fanfic mas é bem daorinha (+18)
https://www.spiritfanfiction.com/historia/a-ultima-vez-14260170


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...