História Em algum momento, me responta tudo - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Paixão, Pensamentos, Perguntas
Visualizações 25
Palavras 493
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Crossover, Literatura Feminina
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Quando a paixão vem, as respostas resolvem se esconder, dá até a leve impressão que são todas de uma vez, e, conforme o tempo passa, ficam cada vez mais difíceis de se encontrar.

Capítulo 1 - Now, i need answers - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Em algum momento, me responta tudo - Capítulo 1 - Now, i need answers - Capítulo Único

De uns tempos para cá, você tem agido de forma diferente.

Está me olhando diferente;

Está sorrindo diferente;

Até sua distância física de mim está ficando cada vez menor. - Antes, quando eu sem querer encostava minha mão em qualquer objeto seu, você o limpava imediatamente, pois dizia que tem TOC. Pode até ser verdade, mas agora, é você quem parece querer ficar próximo demais de mim, “sem querer”.

Por que ainda fala comigo? Você não precisa mais de mim. Você já não é mais solitário, fez até alguns amigos. Sua amiguinha ainda olha para você... Por que você não vai ficar com ela? Ao invés disso, fica me esperando ir sentar ao seu lado no banquinho. Você deveria procurar alguém que fale menos besteira do que eu, mas por que ainda anda apenas comigo? Por que passa a maior parte do tempo ao meu lado? Por que simplesmente não foge igual a TODOS?

Uma vez você disse que quer gostar de alguém que “tenha o que você não tem”. Há várias maneiras de interpretar essa frase. Mas além dessa frase, tinha o seu sorrisinho de canto acompanhado de um olhar direcionado para mim.

 Não me importo mais com as tuas bizarrices - que para mim... São até bem legais. - Você sempre começa a cantar do nada. Eu me assustava no inicio, mas com o tempo acabei me acostumando. Tua voz é maravilhosa. Um tom grave e suave, que até homens de uma idade bem superior que a tua se surpreendem. Eu na maioria das vezes te acompanhava quando sabia a letra – quase nunca, teu gosto musical é bem peculiar pra nossa idade, e pra esse século também. Mas confesso que até gosto.

 Eu posso apenas estar me iludindo...

É tão difícil controlar o que sinto. Algumas vezes meus sentimentos são maiores do que meu coração.

Diga-me, o que eu sou pra ti? Será que sou apenas aquela garota estranha que se sempre tá com problemas de saúde e você sempre tem que perguntar se estou realmente bem?

Diga-me, o que você realmente sente quando eu chego e você me olha de uma maneira que não sei explicar?

Diga-me, por que você disse que não sabe o motivo de VOCÊ MESMO não saber a razão de querer me ajudar?

Por que você me segue, mesmo quando sabe que estou indo pelo caminho errado e você sabe qual é o caminho certo?

Por que faz isso comigo? Minha mente já é a maior confusão. Meu coração é o maior caos. Você vem e ainda me faz apaixonar por você?

Sei que não é sua culpa.

A culpa é minha mesmo, por ter me gostado da sensação de olhar no fundo dos seus olhos e quase enxergar o universo, de ter ouvido tua voz a cantar e ter imaginado o som das estrelas te acompanhando nas notas.

São muitas perguntas, e o espaço das respostas ainda está vazio.

E acho que vai continuar assim...


Notas Finais


É isso. Obrigada por lerem <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...