1. Spirit Fanfics >
  2. Em novo Sol >
  3. Um novo Sol

História Em novo Sol - Capítulo 1


Escrita por: TwitchBeezezz

Notas do Autor


Escrevi esse cap após o café da manhã. Então foi feito com a melhor e mais importante refeição do dia, logo feito com muito amor. Sei que está um pouco macabro, mas fazer o que se amo coisas macabras.

Capítulo 1 - Um novo Sol


Fanfic / Fanfiction Em novo Sol - Capítulo 1 - Um novo Sol

Hoje é dia de entrega de relatório, não entendo pra que nos dar esse trabalho se nossas ligações são gravadas e nossas anotações estão no computador da empresa. Eles acham que nosso trabalha será mais importante e formal por causa de um relatório todo mês? Meu trabalho é apenas ligar para os associados da JOJA Cola para perguntar sobre o atraso do pagamento e anotar os motivos para outra sessão ligar de volta para  decidi se merece mais uma chance ou entramos em processo. Na verdade não deveria nem ser o meu trabalho saber o que outra seção faz. Mas todo mês estamos todos reunidos após o trabalho para falar sobre o lucro e deslucro da empresa como se fosse mudar algo no nosso salário. Eles nem se dão ao trabalho de nos dispensar mais cedo para essas reuniões, sempre é em uma sexta feira e nos tira duas horas do nosso precioso fim de semana. 

Mas preciso ser forte, não 5 anos dessa palhaçada, não é hoje que mas reclamações da minha mente mudará algo, ao menos tenho um encontro a noite com uma pessoa que conheci por um app de relacionamento, ainda bem que ele existe, como poderia trabalhar e procurar pessoas ao mesmo tempo? nada que o match no meio da viagem pra casa não resolva. 

- Bom dia

- Bom bom dia... Que susto!

- Você estava fazendo aquela cara de novo...

- Que cara ?

- De que está reclamando de tudo mas nunca vai falar com seus superiores ou escrever na caixa de sugestões

- Você acredita que eles realmente ler alguma coisa daquela caixa? Ela é enorme para acumular mais frustações, quase maior que meu cubículo

- Quase não, é bem maior que nosso cubículo, tenho inveja dos pássaros na gaiola hahahahaha

- Mas hoje será um novo dia, tenho um encontro após a reunião.

- Saindo com estranhos que conhece por aplicativo de novo ?

- Claaaaaro que não, esse conheci pessoalmente

- Aonde?

- No no... No ônibus indo pra casa !

- Você tem que se conectar com pessoas reais, e não por ideias que elas criam de si na internet. 

- Nossa, você esta parecendo meus avós, daqui a pouco vai me mandar ir para o campo hahahaha

-Bem, já são 8h. Vamos ligar nossos computadores e começar a ligar

        Apesar de puxar minha orelha, Day é uma amiga muito divertida, faz os dias no escritório mais leves. Não sei o que seria de mim sem ela. Enfim, vamos lá ouvir voz de velhos que não assumem responsabilidades. 

Depois de um dia longo, chegou a hora da reunião. Que isso ? alguém passou correndo por mim, é a Day ? isso que é animo para o trabalho heim. Vou andar o mais devagar possível ate chegar naquela sala pequena e sem janelas para entregar algo que eles já tem em todos os computadores da empresa.

- Boa noite pessoal

Ué, cadê a Day ? eu juro que vi ela passando a minha frente, será que está no banheiro ? ai meu deus o chefe já esta entrando na sala e nada dela

- Boa noite a todos. 

Boa noite, disse todos em coral. 

- Devem está sentindo a falta de um dos nossos, acontece que a Dayana recebeu uma ligação do hospital e precisou ir. Mas vamos começar nossa reunião mensal

- O que aconteceu?

- Creio que não seja da nossa conta

- Ela mora com a Mãe, foi algo com ela?

- Não posso responder, enfim, vamos começar com o relatório do pessoal da dispensa

Eu não entendo, o hospital ligou no final do expediente, como foi tão exato ? será que aconteceu algo com a mãe dela, preciso ir dá apoio a ela. 

- Desculpa, mas tenho que ir!

- Se você se levantar, considere seu ultimo dia nessa empresa

- Amanha volto pra buscar minhas coisas

Agora vou sair dessa sala e ir direto na recepção, eles com certeza sabe qual hospital ela está. 

- Juliene, o que aconteceu com a Day?

- Parece que a mãe dela passou mal

- Justo no final do expediente ?

- Nãão, o hospital ligou de manhã, mas o gerente proibiu de passar a ligação, então eu só pude avisar no final do expediente, Espero que não tenha sido nada grave. 

- O que ? os filha da puta nos obrigam a desligar o celular com a promessa de que em caso de emergência pode liga para a recepção e ainda não passam o recardo ?

- Foi uma ordem, desculpa, mas aqui, toma o endereço.

Não acredito, só eu sei naquele escritório como ela é apegada a mãe, fugiram juntas do pai que assassinou sua irmã quando ela ainda era adolescente, ela já passou por muita coisa e agora isso. Como eles puderam ser tão egoístas? a vida de alguém vale menos do que ações da Joja ? meu uber chegou, logo logo estarei apoiando minha amiga.

- É uma emergência, vá o mais rápido possível! 

E logo cheguei ao hospital, na portaria já soube a noticia, a mãe da Day faleceu e não sabiam dizer onde ela estava. Mas um enfermeiro disse que a viu subindo as escadas de emergência.  Antes dele me informar a caminho já sair correndo para saída de incêndio mais próxima e subi as escadas.  Fui empurrando as portas pesadas uma por uma buscando alguma pista da onde ela podia está, até que cheguei no ultimo andar, era uma área aberta e ventava bastante.

- Day, eu sinto muito

Quando minha adrenalina abaixou pude prestar atenção, ela estava no parapeito, com os cabelos ao vento.

- Day, sou eu, por favor não cometa uma loucura

- Minha mãe... Ela está morta dês de manhã e ninguém me avisou. Que merda de cidade é essa ? Que merda de mundo é esse?  Eu não quero fazer parte disso, não quero viver sozinha

- Você não está sozinha, tem a mim!

- A você? Não somos mais que colegas de trabalho, nosso relacionamento, assuntos e encontros se resume aquele lugar terrível que não se importa com nossas vidas. Até nossos aniversários foram comemorados lá junto com vinte cabeças que nasceram no mesmo mês, não te acho uma pessoa ruim, mas nossa relação é falsa, criada como tudo nessa cidade. Gostaria de ter te conhecido em campo aberto, se conhecer de verdade para saber que você era real, a única pessoa real da minha vida acabou de partir e a conheci longe daqui, longe dessa cidade onde não temos tempo para conhecer quem vemos todos os dias. 

Enquanto suas palavras cortavam o meu peito, vi a Day dando um passo para frente, e ai que tive que agir.

Já faz uma semana dês do acidente, e estou aqui trabalhando para a empresa que tira um pouco das nossas vidas todos os dias. Não vejo mais sentido, me sinto sozinha, sempre estive, mas nunca foi tão gritante. A Day não está na cadeira dela, não está em lugar nenhum e não sei como a encontrar. Será que tudo é falso nessa cidade? Tudo é montado pela nossas obrigações e não existe livre arbítrio ?

- Bom dia.

- Bom dia Gerente

- Sinto muito pelo que aconteceu, mas não podemos deixar seu rendimento cair por um incidente

Aquelas palavras estraram no meu corpo como um choque elétrico, de repente tudo que a Day disse fez sentido.

- NÃO AGUENTO MAIS!

- Senhora?

- Tudo isso aconteceu por sua causa! Como pode proibir passar uma ligação tão importante? A mãe da Day era tudo que tinha na droga dessa cidade. Como você não teve o mínimo de empatia?

- Se acalme, não precisa ficar histérica

- ANTES HISTERICA DO QUE UM ASSASSINO!

- Se não se acalmar, chamarei os seguranças

- NÃO PRECISA! EU ME DEMITO

E foi assim que finalmente tirei uma pedra que não sabia que tinha, e percebi que não estava tão longe de seguir o mesmo caminho que a Day, eles não se importam e acabamos não nos importamos. Mas hoje acaba e hoje me salvo.

E simplesmente levantei e sai, a única coisa que me importei em levar foi meu porta retrato com vovô, quando fui visita-lo na fazenda. Lembro de me sentir feliz lá... 


Notas Finais


E assim foi o que se foi. No inicio pretendo escrever a minha historia todo dia, para entramos logo na apresentação dos personagens e partir para aventura. Espero que tenha gostado e até a proxima !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...