História Em Seus Braços - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Treta
Visualizações 7
Palavras 654
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Ok, mama.


A garota de pele pálida e longos cabelos ruivos a o vento andava pisando forte com seus saltos altos brilhantes à luz do luar. Seu cachecol voava com a velocidade do vento, que não era fraco. As rodinhas de sua mala estavam batendo forte no chão e ela, mesmo andando, ela parecia se segurar para não correr.... Ela queria desesperadamente sair correndo, mas não podia. Ela tinha chance de perder o bebê que tinha prometido cometer aborto.... Mas não conseguiu, Akuma Sokami, sua filha estava para nascer...

Sokami conseguiu chegar no hospital a tempo, A levaram para um quarto rapidamente e com cuidado, saiu Akuma Yurikami, a ruiva de olhos cinzentos de tão vivos...

Os anos se passaram e Yurikami já tinha quase nove anos.

Acordou de manhã com os cabelos bagunçados e sua cama desarrumada.

Mel'Ow Syoka, o tal pai de Yurikami se foi... ele nunca conheceu a filha, mas Sokami ainda guarda rancor e vive estressada a maior parte do dia.

Yurikami se levantou e pegou um vestido até o joelho amarelado com estampa de flores brancas, uma sapatilha de verniz preta, meias brancas, seu pingente dourado em forma de coração e logo foi para o banheiro.

Yurikami chamou por Sokami que veio correndo até sua amada filha

-Já acordou, querida? -Sokami

-Sim, Mama! -Yurikami

-Bem, vou preparar o banho, então vá até a cozinha e abra a janela, ok? -Sokami

-Ok, Mama! -Yurikami

Yurikami foi correndo com cuidado para não tropeçar no caminho do corredor até a cozinha que era pequena, mas arrumada. Chegou perto da janela e puxou com força, fazendo um barulho e um corte em sua pele fina. Logo veio Sokami pisando forte e isso só significava uma coisa: Ela está brava! Yurikami logo se ajoelhou no chão com a mão nos cabelos e em sua frente já estava Sokami.

-VOCÊ NÃO ENTENDE COMO ISSO É DIFÍCIL!? NÃO CONSEGUE ENTENDER O QUE PASSO TODOS OS DIAS APENAS PARA PODER PAGAR A MERDA QUE VOCÊ COME E AINDA DEIXA NO PRATO? NÃO CONSEGUE NEM ABRIR A PORRA DA JANELA QUE EU TINHA QUE DAR PELO MENOS UM POUCO DE AR NESSA MALDITA CASA!? VAI PRO BANHEIRO AGORA! -Sokami

e levou um chute na cabeça e a enterrou no chão... Yurikami tinha que passar por isso todos os dias, difícil. não?

-EU FALEI PARA VOCÊ IR! -Sokami

-S-Sim, Mama... -Yurikami

Yurikami se levantou com cuidado e foi andando, quase de arrastando pelo corredor para ir a o banheiro, sua cabeça doía muito... Quando chegou, tirou as roupas e o pingente logo entrando na banheira sentindo a água morna a abraçar carinhosamente

-Querida, Qual lacinho você prefere? são todos lindos, não é? -Sokami

-Sim, mama! Acho que.... você pode decidir por mim... -Yurikami

-Hmm... acho que vou te dar os brancos... o que acha? -Sokami

-Tenho certeza de que todas as suas escolhas são boas! -Sorriu Yurikami

Depois do banho, Yurikami colocou o vestido, as meias, as sapatilhas e depois o pingente. Foi para o quarto e se sentou na pequena cadeira em frente a penteadeira.

Sokami veio em sua direção e pegou a escova, logo penteado os fios finos e leves do cabelo de Yurikami

Ela penteou o cabelo de Yurikami e logo iria fazer os penteados

-Que lindos cabelos longos, não é, querida? -Sokami

-Sim, mama... são lindos... -Yurikami

-Por que o desânimo, querida? nós vamos finalmente ver sua avó, seu avô e seus tios... Legal, não é? -Sokami

-É que eu não queria ter cabelos tão longos assim... -Yurikami perdeu o sorriso

Recebeu um tapa forte na bochecha e logo se abaixou mais um pouco com as mãos em seus cabelos...

-VOCÊ ACHA QUE SEU PAI GOSTARIA DE TE TER POR PERTO!? QUEM CUIDOU DE VOCÊ FUI EU PELO RESTO DE SUA VIDA, QUEM NUNCA IRÁ TE ABANDONAR, HEIN!? -Sokami

-Sokami... -Yurikami

-QUEM TEVE QUE FAZER ESFORÇO POR UMA GAROTA INÚTIL!? -Sokami

-S-sokami... -Yurikami

-Então obedeça sua mãe e se arrume por enquanto, ok? mamãe tem que se arrumar também! -Sokami

O dia vai ser longo... 


Notas Finais


Bem loka essa Sokami.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...