História Em tempo Record - Jikook, Taeyoonseok - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Gay Couple, Gravidez Masculina, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Namjin, Shipps, Sope, Taegi, Taeyoonseok, Vhope
Visualizações 32
Palavras 1.551
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem
Não revisado, desculpem os erros
Coemetem o que estão achando por favorzinho

Capítulo 8 - Capítulo 8


Fanfic / Fanfiction Em tempo Record - Jikook, Taeyoonseok - Capítulo 8 - Capítulo 8

Jimin acordou com os barulhos de alguns trovões e raios que o assustaram o Park morria de medo de chuva e acabou por se esconder embaixo de suas coberta fofinhas e quentes

- Minnie? - Jungkook perguntou ao despertar ainda com os olhos meio fechados e uma voz sonolenta

- desculpa te acordar pode voltar a dormir eu também vou - disse ainda com cobertas em cima de seu corpo deixando sua voz abafada

Jungkook pegou seu celular e checou as horas

- nada disso você precisa trabalhar se esqueceu? - tirou os panos de cima de Jimin que tentou impedir segurando-os com força mas falhando

- eu não quero tô cansado - respondeu manhoso

- podemos ir de carro eu te acompanho, assim você não se molha e nem se cansa em ir pedalando

- tá... - fez um biquinho que Jungkook o mordeu

Os dois se arrumaram e fizeram suas higienes
Jimin vestia uma calça Jeans clara e apertada juntamente à uma camiseta branca e uma jaqueta rosa bebê que certamente o deixaria quentinho no dia frio
Jungkook vestiu uma calça Jeans preta e rasgada, uma camiseta preta e um casaco de lã que ia até mais ou menos suas canelas também preto 

- vamos senhor gótico? - Jimin disse rindo

- vamos senhor... - parou e pensou - senhor bebê? - disse e os dois riram


Jimin e Jungkook saíram sem tomar café afinal não estavam com fome ou tempo para isso então não se importaram em pular essa refeição

[...]

- te vejo mais tarde? - Jimin perguntou se despedindo ainda dentro do carro por conta da chuva

- eu tenho algumas coisas pra fazer então passo pra te buscar ok? - Jimin assentiu e deu um beijo rápido no namorado

- bom dia Hoseok - Park entrou em seu local de trabalho sorridente e saltitante

- bom dia - sorriu - você tá animadinho demais pra que está atrasado

- só uns minutinhos e... Uou a noite foi boa ein? - disse apontadando para as marcas escuras e arroxeadas em seu pescoço

- porra pq não me falou antes? que vergonha - tapou a região rapidamente e sentiu as bochechas esquentarem

- talvez por que eu acabei de chegar - Jimin riu e entregou sua mochila para Hoseok - toma procura minhas maquiagens aí e cobre isso menino

Jung saiu rápido em direção ao banheiro entrou na cabine e fechou a porta, em seguida abriu a mochila do amigo e começou a procurar por alguma base ou corretivo já que as marcas estavam realmente escuras

- aah cadê? - disse impaciente

Procurou mais um pouco e encontrou um envelope grande e branco lacrado, havia estampado a marca de um laboratório na frente Hoseok sabia que não era certo mas abriu-o mesmo assim
O homem encarou o pedaço de papel, nele havia um exame de dna com resultados positivos, não tinham muitas informações... Jung então percebeu que aquilo era muito pessoal e deciciu guardar novamente


[...]


Depois de ter as marcas cobertas voltou a loja e foi de encontro a Jimin


- Chimmy... - chamou baixo

- precisa de alguma coisa Hobi?

- desculpa eu estava curioso demais e abri o envelope... Por que fez um teste de dna

- você não deveria ter aberto, era algo pessoal Hoseok

- desculpa - disse envergonhado por ter mexido nas coisas do amigo

- tudo bem agora já foi - tocou os ombros do Jung


[...]



- Porra Yoongi o que eu vou fazer? - Jungkook perguntou nervoso passando os dedos entre seus fios escuros

- ei calma aí cara eu não sei... Isso é muita grana - Yoongi disse tentando manter a calma - Por que não pede pro Jimin?

- Tá louco?! eu não vou pedir dinheiro pra ele pra poder pagar minhas drogas

- E pros seus pais? - um silêncio tomou conta do ambiente - olha sei que isso é complicado mas eles ainda são seus pais e esse cara é perigoso se você não pagar ele vai vir atrás de você ou até mesmo do Jimin

- bom... Eu preciso ir Jeon, qualquer coisa me liga

Yoongi estava caminhando de volta para casa, alguns pingos de chuva molhavam sua jaqueta de couro e sua touca de lã quando de repente ele escutou alguns sons vindos de um beco


- nós tínhamos um trato - o homem disse segurando a gola da camisa do outro o empurrando na parede

- e-eu não quero mais isso eu pensei que você quisesse sexo não ajuda com drogas eu não vou mexer com isso


- é o que veremos - o homem socou o rosto do outro



Yoongi pensou em seguir em frente afinal ele não era muito de ajudar os outros e poderia acabar saindo machucado


- Hoseok!? Você vai me ajudar ou não?! - o homem perguntou lhe dando mais um soco fazendo o virar o rosto


Min pode perceber que aquele Hoseok se tratava do "seu" Hoseok, era seu amigo então sem pensar mais se aproximou e retirou o homem de cima de Jung e pode ver que o homem que batia em Hobi era Minheo, suga então começou a distribuir socos no maxilar do homem, suas mãos estavam começando a ficar roxas pelo impacto e havia um pouco de sangue do rosto alheio em duas mãos


- SUGA! PARA - Jung puxou o garoto de cima do Lee


E os dois saíram deixando Minheo no chão

Hoseok foi para um lado e Yoongi para o outro


- onde vai? - suga perguntou se virando e vendo que não estava sendo seguido


- pro trabalho eu preciso voltar


- de jeito nenhum, vamos para minha casa você precisa de cuidados


- mas... - tentou impedir mas sua mão foi segurada fortemente o que lhe causou arrepios estranhos


Os dois caminharam um pouco e logo já estavam na mansão de Yoongi, eles entraram e foram para o quarto do Min

Se sentaram um de frente para o outro na enorme e macia cama que havia no quarto. Suga pegou uma caixa de primeiros socorros e voltou ao lado de Jung


- vai arder um pouco - Hoseok apenas assentiu com a cabeça


Yoongi segurou o rosto de Hobi delicadamente e começou a limpar as feridas com os medicamentos que a caixa continha


- awn - Hoseok gemeu baixo pela ardência em sua pele


Jung então percebeu que o "branquinho" encarava seus lábios e parecia devora-os fazendo com que as bochechas de Hoseok esquentassem e tomassem uma coloração avermelhada


Yoongi olhava para os delicados e belos lábios de Hobi, eram carnudos estavam um pouco vermelhos por conta do sangue que estava na boca do moreno por conta do corte que o soco causou

 depois de passar longos segundos olhando para a boca de Hoseok que ele tomou coragem e selou seus lábios


Jung achava aquilo errado por conta de Taehyung mas a boca do menor era maravilhosa e tinha um gosto delicioso e era viciantes

Yoongi segurou o rosto de Hoseok e acariciou suas maçãs

Os dois continuaram com aqueles beijos por mais um período de tempo e depois Hoseok acabou adormecendo na cama do Min


- ah o que eu fiz? Eu não deveria... - disse suga nervoso 


- suga? - Hoseok acordou e esfregou os olhos espantando o sono 


- desculpa ter te acordado 


- Pq fez aquilo? Você gosta do Taehyung - disse triste 


- e-eu não sei... No momento não sei o que sinto por vocês 


- Vocês? Eu não faço parte disso 


- Hoseok você é lindo, simpático, gente boa, tem um sorriso maravilhoso - Jung sentiu as bochechas corarem - não é difícil se apaixonar por você, não que eu esteja. Taehyung disse que sentiu ciúmes de você e do Minheo e acho que eu também... Não sabemos o que estamos sentindo só queremos curtir você um pouco e esperimentar quem sabe sentimos algo a mais e eu o Tae estamos ficando e acho que tem sentimento sabe mas acho que ele não se importa se ficarmos algumas vezes sem se importar muito com isso de sentimentos ou não só uns beijos e algumas noites 


- Isso é sério?? Vocês querem me curtir e experimentar acha que sou o que?? Eu gosto do Taehyung e depois do nosso beijo sei lá algo mudou mas você e ele estão cagando pros meus sentimentos né? Querem me usar e pronto! Eu não vou mais ser trouxa! 


- Hobi espera! não é isso 


- não vou deixar vocês brincarem com meus sentimentos QUE SE FODAM ESPERO QUE APROVEITEM 


Jung pegou suas coisas e saiu da Mansão de Yoongi, ao colocar os pés fora do lugar Hoseok desabou e deixou as lágrimas escorrerem por seu rosto 


- p-por que? Seu coração idiota foi sentir essa merda por um escroto e como se não bastasse apareceu o Yoongi e piorou tudo, agora são dois - disse entre soluços 



[...]



Jimin estranhou que Hoseok não havia voltado e ligou algumas vezes para o amigo porém todas ligações caíram na caixa postal deixando Park preucupado mas deixou a preucupacao de lado pois pensou não ser nada


O garoto viu o carro parado em frente ao seu trabalho e saiu do estabelecimento com suas coisas em mãos e entrou no carro rapidamente por conta da chuva fechando a porta


- precisamos conversar... - Jimin e Jungkook proferiram em uníssono


Notas Finais


Aah tadinho do Hoseok os dois estão sendo dois canalhas com ele


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...