1. Spirit Fanfics >
  2. Emilly e a sociedade dos animais - Terror e Aventura. >
  3. " todo dia, a mesma coisa...."

História Emilly e a sociedade dos animais - Terror e Aventura. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Olá, meus caros leitores. Mais um capítulo dessa maravilhosa história que vocês tantão gostaram.
Fiquem com o capítulo.
Espero que gostem.

Capítulo 2 - " todo dia, a mesma coisa...."


Fanfic / Fanfiction Emilly e a sociedade dos animais - Terror e Aventura. - Capítulo 2 - " todo dia, a mesma coisa...."

Narrador por Emilly.

"AI VOCÊ ME MACHUCOU!!!!"

" OLHA PRA ONDE ANDA, HUMANA IDIOTA!!!!"

Todo dia, a mesma merda de sempre. Sempre sendo maltrata pelos outros. Sempre sendo a humilhada da história.

Mas fazer o quê. Eu não posso fazer nada. Eu tento dá o melhor todo dia, para os animais me aceitacem como uma pessoa normal. Mas todo dia, eles jogam pressão pra cima de mim. Como se eu fosse um lixo, um monstro.

Eu não ligo pra isso, eu já estou acustumada dos animais me julgarem, me xinagerem e me humilharem todo dia.

Os únicos animais que gostam de mim são o meu pai e minha melhor amiga Kitten.

Meu pai é um velho lobo de 2 metros de altura, com um pelo bem escuro. Ele me adotou e cuida de mim dês quando eu era criança. Eu sou muito grata por ele, pois foi ele que me deu um lar, comida, educação, escola, infância e etc. Por isso, eu considero ele o melhor pai do mundo. Mesmo ele não sendo o meu pai  biológico. Mas como dizia aquele ditado: "Pai não é o que faz, é o que cria."

A Kitten é uma gata de pelo branco um pouco mais alta do que eu. Ela é a minha única e melhor amiga da escola. Ela não liga o fato de eu ser uma humana, pois ele tem uma mente muito aberta - apesar de alguns acharem nossas amizade muito estranha.

Como sempre. Na escola, os meus colegas fazem de tudo pra tentarem me humilharem. Me xingam, me batem e até jogam algumas pedras.

Mas, a Kitten sempre me defende deles. Ela é a única que eu posso contar. Minha única melhor amiga. 

- xxx -

Era hora do recreio. A professora liberou mais cedo, porque já tinha terminado todo o assunto para a próxima prova.

A minha escola era cheia de variedade de espécies de animais, como: gatos, largatixas, tartarugas, leões, pássaros e etc. 

Como sempre, 

Eu sentei sozinha em uma mesa, acompanhada com a Kitten.

Nós duas conversavamos alguns assuntos aleatórios como política, homofobia, veganismo e etc. Eram assuntos muito maduros que a nós duas conseguimos compreender.

Kitten puxou um puxou um assunto bem aleatório que eu também fiquei interessada em falar.

- Você conhece essa comunidade chamada "Furries"? - indagou, comendo um pedaço de sanduíche.

- Conheço. Acho estranho esses desenhos de animais com corpos humanoides. Parecem um tipo de peça sexual ou algo do tipo, nada contra é claro-  respondi honestamente.

- Também acho estranho. Os humanos tem gostos muito peculiares. Não tem aquele filme dos vingadores ultimato? Os humanos são muito bons em fazer filmes! Não sei pra que tanto esse preconceito.

- Talvez porque animais tem uma visão ruim sobre os humanos. A minha própria espécie causou muito mal pra natureza....

- Sim, teve até o aquecimento global.....

- .....

Eu me sentia desconfortável falando desses assuntos envolvendo os humanos. Isso me deixava mais depremida e me sentindo inferior aos animais.

Kitten perbeu o meu estado emocional e se desculpou logo em seguida.

- Eu não queria deixar você tão abalada. Eu entendo que esses assuntos te deixam muito.... angustiada.

- Tudo bem, Kitten. Só por favor, não vamos mais tocar nesse assunto.... 

- Ok. Você quer um pedaço do meu bolo? A minha vó fez ontem.

Ela me entregou um pedaço de bolo. Era de chocolate, muito gostoso. 

A família da Kitten não aceitava nossa amizade. Pra eles, animais e humanos não se misturam. Entretanto, a Kitten não liga pra essas regras de familia, ela realmente gosta muito de mim.

Pra minha má sorte, dois animais vieram encher meu saco - uma hiena e uma gueoparda.

- Olha só, se não é a humana nojenta! -  exclamou a hiena.

- Eu tenho muita pena de você, Kitten. Por anda com gentinha como essa - falou a gueoparda para a Kitten - Sua família não disse pra não se misturar com humanos?

- Cala boca, Lúcia! Eu não tenho que dá satisfações pra você! Eu ando com que eu quiser! - respondeu Kitten.

- Você é uma vergonha pra nossa raça, Kitten. Igual essa humana nojenta. O lugar dela não é aqui! Os humanos são todos malignos e demoníacos!!

- JÁ CHEGA, LÚCIA!!!!!

Eu não aguentava aquelas palavras, e me levantei da mesa pra tentar fugir daquela confusão.

- Vai aonde, humana? Você está com medo? - indagou Lúcia, querendo me provocar - Como você pode ser tão fraca. Pode sair correndo, quanto mais longe, melhor. Vadia........

Eu estava com muita raiva. Com muito ódio. Com muita pressão. Eu não aguenta tanta humilhação na minha vida.... Eu queria chorar, sair correndo pra bem longe...

Esse lugar não é pra mim....

- Para com isso, Lúcia!! Qual é o seu problema com os humanos??? - indagou Kitten.

- Por que você a defende tanto, Kitten? Os humanos são seres impiedosos, mal-carátes, os verdadeiros demônios!!! Essa humana não deveria está  aqui!!! O lugar dela não é aqui!!! Ela nunca será uma de nós!!!! Essa vagabunda vai se arrepender de ter nascido!! ELA MERECE MORRER!!!!

Eu não aguentava....

Eu sentei no chão....

E chorei.....

E todos os animais que estava presentes no recreio, riram da mim.

Começaram com os apelidos maldoso:

"MONSTRO!!!!"

"NUNCA SERÁ UMA DE NÓS!!"

"VOCÊ NÃO DEVERIA TER NASCIDO!!!"

"POR QUE ESTÁ CHORANDO, HUMANA??? VOCÊ É TÃO FRACA!!!"

" DEMÔNIO!!!!"

" EI, LEVANTE AI, SEU MONSTRO HUMANO INÚTIL!!!!"

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.


.

.

.

.

Eu não aguentei tanta dor....

Eu não aguentei tanta humilhação.....

Aqueles animais não se importam com o que eu sinto.....

Como eu sou tão idiota.....

Não importa o que eu faço......

Não importa o quanto eu tento.....

Eu sempre estarei derrotada....

Por que os animais me odeiam tanto?

Eu não fiz nenhum mal pra eles.....

Eu só quero viver em paz....

Eu só quero ser livre....



Eu só quero....


Ser aceita.....



Que me respeitem.....









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...