História Emison - Boate da luz vermelha - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Caleb Rivers, Emily Fields, Ezra Fitzgerald, Hanna Marin, Jessica DiLaurentis, Melissa Hastings, Mona Vardewaal, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh
Tags Emison, Hot, Intersexual, Prettylittleliars
Visualizações 631
Palavras 1.270
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa tarde pessoal! Primeiramente gostaria de agradecer a todos, pelos comentários e favoritos. Espero com o decorrer da fic superar as expectativas de todos. Cap. novo para vocês.

Boa leitura <3

Capítulo 9 - Surpresa desejada


Fanfic / Fanfiction Emison - Boate da luz vermelha - Capítulo 9 - Surpresa desejada

ALISON

Eu acho que nesse momento meu coração estava batendo mais que escola de samba em dia de desfile, eu ainda estava de costa para ela, me deu um pânico pensei que não iria conseguir virar, mais ao ouvir a música mudar essa era a hora, virei e  na hora nossos olhares se cruzaram, ela ficou paralisada, e isso me deixou poderosa, fui fazendo a coreografia, desci do palco ainda olhando nos olhos dela, sem desfiar nenhum momento, fui chegando perto e ela não movia um musculo, dava para ver seus olhos brilharem. Cheguei bem perto e coloquei minhas mãos na sua coxa, e minha boca perto do seu ouvido

- Feliz Aniversário. – Dei uma leve mordidinha em sua orelha, e senti ela se arrepiar toda respirando fundo. – Sorri

Subi para o palco e com o dedo chamei ela para subir, na hora ela levantou.

Coloquei ela sentada em uma cadeira e amarrei suas mãos, ela não flava nada apenas me observava com aquele olhar de desejo, sentei no seu colo e rebolei, deu para senti seu membro que deu para ver que tinha acordado, continuei rebolando e ouvi um gemido sair da sua boca.

-Era você esse tempo todo. – Ela disse ofegante

Coloquei o dedo na boca dela, no sinal para ela não falar mais nada, passei meus lábios pelo seu pescoço, dando leves mordidinhas e beijos, fui subindo até sua boca, e não podia perder essa chance, meu corpo está quente e via que ela queria isso também, nossas respiração se juntaram, e colei nossos lábios, fui eletrizante, as duas queriam aquilo, ainda beijando soltei suas mãos e ela na mesma hora, pegou minha cintura me puxando para mais perto intensificando o beijo, paramos por falta de ar, e ela me olhou sorrindo e eu sorri de volta.

-Acho que devo algumas, explicações. – Falei ainda sentada no seu colo.

-Não precisa falar nada, só não sai da minha vida Alison. – Ela disse me encarando

-Eu não vou sair. – Falei e dei um selinho que acabou virando um beijo completo.

Levante do colo dela, e estendi minha mão para ela levantar também

-Tem uma festa rolando do outro lado, vamos? – Falei

-Aqui está bem melhor. – Ela disse com aquela cara que só ela sabe fazer

-Você já ganhou sua surpresa, vou trocar de roupa e vamos, tá bom! –

-Tudo bem. – Ela disse e me deu outro beijo, mais agora foi carinhoso como ela beija bem.

Voltei no camarim e ela ficou me esperando, nossa que loucura eu fiz, mais não imposta fiz o que meu coração mandou, troquei de roupa, peguei a máscara e voltei ela estava sentada me esperando um sorriso lindo no rosto, e me a mão e voltamos para festa.

EMILY

Eu não tive nenhuma reação, eu não acredito que a mulher que eu tanto desejei era a Alison que eu estava querendo também. Ela foi sensacional me deixou louca, meu amigo está louco para sair da cueca box, mais não era hora. Como ela beija bem, eu não quero perder essa mulher nunca mais. Esperei ela trocar de roupa e voltamos para festa, fiz questão de pegar na mão dela, eu não conseguia esconder minha felicidade, eu olhava para aqueles olhos azuis eu só queria leva ela para minha casa e fazer sexo com ela anoite toda. Assim que entramos de volta da festa, ela na hora soltou minha mão, olhei para ela achando estranho e ela chegou perto do meu ouvido

-Desculpa, mais meu irmão está aqui, eu nunca me relacionei com uma mulher, prefiro contar primeiro para não saber no susto. – Eu entendi ela, concordei e sorri fomos em direção as meninas, que já estavam bem animadas

-Nossa onde vocês estavam? – Aria

-Encontrei a Alison ali na porta e ficamos conversando. – Eu sou uma ótima atriz

Continuamos conversando, mais minha vontade mesmo era beijar aquela boca de novo, no final da festa, puxei ela e parei no seu ouvido

-Não vou conseguir ir para casa sem você. – Falei

-Mais quem disse que você vai sem mim. – Ela falou com um sorriso malicioso

-Estou precisando de você a muito tempo, só não sabia que você estava tão perto. –

-Aproveita o tempo perdido então. – Ela disse. Eu vou casar com essa mulher

Me despedi das meninas, e ela saiu junto comigo

-Emy, eu vim de carro, onde é sua casa que eu chego logo. –

-Me segui eu vou pegar meu carro. – Falei antes de sair voltei e dei um selinho rápido nela

Ela foi seguindo meu carro, eu estava muito excitada de imaginar ela na minha cama. Chegamos em casa esperei ela para o carro e ela veio estava com aquele sorriso lindo.

-Nem acredito que você está aqui comigo. -Falei

-Olha que eu belisco para você ver que é verdade. – Ela riu e eu a puxei pela cintura.

-Você é muito linda Alison, mais agora quero te levar para meu quarto. – Puxei pegando ela no colo, ela deu um gritinho acho que não esperava aquilo, eu ri dela e fui para meu quarto

Chegando, eu até pensei em ser romântica, mais o tesão estava mais forte e vi olhar de desejo dela, ela colocou sua mão no meu amigo e apertou e eu respirei fundo virei ela de costa e fui descendo o zíper do seu vestido e deixei ela cair, deixando a mostra aquele conjunto íntimo e que bunda era aquela, tirei minha roupa e fui beijo ela, ela parou e me encarou, depois sorriu

-Eu primeiro – não entendi até que ela sentou na beirada da cama e me puxou, colocando meu membro a mostra ela olhou para mim novamente e beijou a cabecinha eu pirei com aquilo, ela começou a chupar gostoso meu pau, eu não contive o gemido, que boca ela tinha, começou um vai vem, deixei ela no comando, tirei seu sutiã enquanto ela me chupava deixando a mostra aqueles lindo seios, apertei e vi ela gemendo.

-Uhmmmm simmm, você é fantástica! ”, falei
“Chupa gostosa!

Eu não estava aquentando mais. Aquilo estava bom demais

-Ali eu vou gozar. –

-Goza na minha boca vai... quero tomar seu leitinho. – Não precisou falar duas vezes gozei na boca dela, e ela tomou tudo e limpo meu pau com a sua língua

-Agora eu quero você dentro de mim Emily. – Ela disse ofegante, deitei ela na cama, e me deitei por cima beijei ela intensamente, enquanto minha mão brincava com seu clitóris, desci beijando seu pescoço, e fui percorrendo um caminho até seu intimo

-Tão molhada, que delicia – falei ao senti ela molhadinha.

Estiquei minha mão na mesinha e peguei uma camisinha, rasquei com o dente e coloquei.

-Vai devagar Emy, seu pau é muito grande. –

-Relaxa, eu vou devagar, se doer você fala. – Beijei ela enquanto passava a cabecinha, fui penetrando devagar e ela gemia de dor e prazer, fiquei parada um pouco para ela se acostumar enquanto chupava seu peito. Comecei um vai e vem gostoso e a Ali não se aquentava mais começou a gemer alto e aquilo só me dava mais tesão

-Vaai Emy, mais rápido aaaaah.....-

Meti mais rápido nela e vi que ela ia gozar, enquanto metia nela, chupava seu pescoço, ela chegou ao ápice, e eu tirei, ela tirou a camisinha e voltou a me chupar, gozei de novo na boca dela e ela tomou tudo. Que mulher perfeita.

Deitamos e ela deitou a cabeça no meu peito, fixamos ali por um tempo fiz cafuné nela, e senti novamente aquele cheiro.

Depois de descasadas levantamos e fomos tomar um banho juntas, que virou outra transa. Passamos a noite acordadas. Fomos dormir já amanhecendo, de conchinha.

 

 

Continua.............


Notas Finais


O que acharam? .... Lembrando que a noite tem mais...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...