História Emison - The love I never imagined - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Emily Fields
Visualizações 44
Palavras 807
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura seus lindos💘

Capítulo 14 - Uma pequena stalker


(Pulo no tempo) *4 anos depois*


(Canadá, 16:30hs) 


Oi, meu nome é Alison... Alison dilaurentis. Faz exatamente 4 anos desde que eu me mudei pro Canadá. Digamos que a minha vida mudou de uma forma que nem eu sei explicar. 

Daqui a 3 anos irei me formar em psicologia. Estou casada. Isso mesmo,

C A S A D A, com o Archer. Ele é incrível mais... não é oque eu planejava quando eu tinha 17 anos de idade. 

A emily... ela continua sendo o amor da minha vida. Se ela voltasse agora pedindo pra casar comigo... acho que eu aceitaria na hora. 

Minha mãe continua morando em rowseood por conta de seu trabalho como diretora da escola elite. E eu? Eu não faço a mínima ideia de onde a Emily tá, oque aconteceu com ela, será que ela já tá formada? São perguntas que eu realmente não sei se um dia terá respostas.

Pra falar verdade, eu não pretendo olhar pra cara da minha mãe tão cedo. Em relação ao Archer, como eu já disse, ele é incrível, mais... nós temos problemas. Não consigo fazer sexo com o Archer. Sinto pena dele por conta disso, mas, eu nunca consigo. Parece que algo me trava na hora, não consigo sentir tesão por ele de jeito nenhum. Eu literalmente não gosto de homem, tenho que lidar com isso. Minha tia e todos meus familiares acham que encontraram a "cura gay" comigo. Mais não. 

A mudança foi horrível, chorei de rowseood até o Canadá. Mas já superei, o tempo é sempre o melhor remédio. 

A faculdade de psicologia tem sido INCRÍVEL, sou grata por todas as amizades que tenho lá. 

As pessoas podem até achar que minha vida é um inferno por eu ser casada com alguém que eu nem ao menos transo, mais o Archer é muito carismático e querido comigo. Ele sempre entendeu meu lado. Ela conhece minha história e desde então, ele é a única pessoa que eu me abri sobre a minha sexualidade. Sim. O Archer sabe que sou lésbica. Por isso ele não força nada. Ele foi a primeira pessoa que veio falar comigo quando cheguei. Se não fosse ele, eu estaria sozinha até agora.

Minha tia é "legalzinha" ela só é um pouco fina de mais, me sinto aliviada por não morar mais com ela. Digamos que ela seja um pouco melhor que a minha mãe. Mas também não é um amor de pessoa.


Não tem um dia se quer que eu não pense na Emily, será que eu nunca vou superar essa garota? 


PERA! SERA QUE EU CONSIGO ACHAR AS REDES SOCIAIS DA EMILY? Que pergunta idiota, Alison! Óbvio que consegue. Todo mundo tem redes sociais hoje em dia sua besta! -- penso


Não penso duas vezes antes de botar meu plano em prática. Pego meu notebook e vou direto no Instagram. Pesquiso @emilyfields e não acho nada. Apenas um monte de gente desconhecida. Até que resolvi mudar, pesquiso @emilyfieldsoficial e... tatataam... não acho também.

PENSA, PENSA ALISON, VOCÊ CONSEGUE! 


Fecho os olhos por 2 minutos até que lembro de uma conversa que tive com a Emily um pouco antes de eu sair de rowseood.
Lembro que ela me disse que sempre amou unicórnios e que se um dia eu quisesse sequestrar ela, para achar os dados dela era só botar o nome dela e o alguma coisa que envolvesse unicórnios ao lado.
Foi aí que começou minhas tentativas...

@emilyfieldsunicornio (não achei)

@emilyunicornianafields (merda, não achei)

@emilyfieldscorniana (putz que merda) 










.







.







@Emilyunicolor

(ACHEIII PORRA) 


Lá estava ela, a menina que sempre mexeu com meu coração. Ela continua... Ela continua perfeita!
Eu chorei. Eu chorei muito ao ver Emily. Não conseguia conter minhas lágrimas ao rever a minha linda morena. Era como se eu tivesse voltado aos 17 anos de idade, a época do colegial.
Seu feed do Instagram era lindo. Pelo visto a Emily não amadureceu nadinha. Continua um bebê. Pois seu feed era todo colorido e metade das suas fotos era dela com pijamas de unicórnios, fazendo careta, com crianças no colo, coisas que só uma pessoa imatura posta. Mas confesso que achei lindo ela ter continuado com seu espírito jovem ativo.
A maioria de suas legendas eram incentivando as pessoas a viverem a vida sem medo. ESSA É A MINHA GAROTA!
Ela se tornou uma pessoa com uma áurea tão boa. Daquelas que da vontade de grudar e não soltar mais por te fazer tão bem.

Tá, beleza, oque eu faço? Começo a seguir?? Não. Não posso voltar assim, do nada.


Mando direct?? Não também. Seria estranho. 


PORRA OQUE EU FAÇO? ignoro? Só stalkeio de vez em quando? Isso seria imaturo pra caralho! 


Foda-se! Vou mandar direct.


[Via direct ]


Oi. Lembra de mim? Sou eu, Alison. Senti sua falta. Resolvi te mandar mensagem. Não ignora por favor. Podemos conversar?



.


.

Mandei e sai correndo...



[...]


Notas Finais


Oi amores, capítulo novo pra vocês 🌻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...