História Encrenqueiros - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Fantasia, Irmãos, Luta
Visualizações 40
Palavras 1.672
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bem sou o Otávio, mas me chamem de Fração, um apelido com meu nome envolvendo 1/8 ou "um oitavo" , e mandem suas opiniões caso gostem, me inspirei em alguns animes como: Dragon Ball, Nanatsu no Taizai e Bleach, e é isso.

Capítulo 1 - Irmãos


Fanfic / Fanfiction Encrenqueiros - Capítulo 1 - Irmãos

O irmão de 14 anos, o mais novo, Owen, de cabelos que chegavam até o início das costas,esguio e meio sarado, estava cozinhando, na verdade de todos o único que sabia fazer tal coisa era ele, era 8h00 da manhã, e após fazer uma incrível refeição, foi acordar os seus irmãos, (Jon, de 14 anos, alguns meses mais velho, Rodrigo, de 15 anos, Vitor, com o apelido de Thana, de 16 anos, Derik, de 18 anos, e o mais velho e protetor Binho, de 20 anos, e todos dormiam em quartos próximos). 
Owen: ÔÔÔ gente, tá na hora de levantar, o café tá na mesa, escovem os dentes e venham, antes que eu jogue um balde de água em vocês.

Todo mundo levantou, sem a necessidade do balde de água, tomaram um banho, se vestiram e foram comer. Pareciam lobos, estavam esfomeados, comiam praticamente tudo que viam pela frente, e então Binho resolve iniciar um belo diálogo.
Binho: E aí, tem algum trabalho novo Owen? Precisamos de mais dinheiro, quando protegemos a cidade, não somos pagos.
Owen: Na verdade, tem sim, o preço é de 42.000.
Jon: 42.000!? MEU DEUS, QUAL É A MISSÃO PARA ESSE PREÇO??
Owen: Calma, não tem necessidade de escândalo, é uma investigação sobre um tal túmulo de uma criatura infernal, que existe desde os primórdios da humanidade.
Derik: É só uma lenda, certo? Então se conseguirmos resolver a investigação, de modo que revele se isso é real ou não, ganharemos, de qualquer jeito, os 42.000.
Owen: Nisso eu tenho que concordar.

Owen, quando ia fazer missões, usava uma roupa especial, que esticava, era mais resistente a água e fogo, não rasgava com facilidade, uma camisa de manga comprida branca, calça preta, sapatos vermelhos parecidos com tênis, luvas marrom que faziam um detalhe no pulso e chegava até quase metade dos antebraços.

Eles foram na localização exata do que foi relatado dessa missão, e já começou o de sempre:
Rodrigo: Tô com fome, vocês tem algo aí?
Owen: Meus Deus do céu, a gente acabou de comer, mas ainda bem que vim preparado pra isso.

Owen entregou barrinhas de cereal, recheadas com chocolate para Rodrigo, ele gostava muito desse sabor, comia com um enorme sorriso no rosto, ele havia recebido 3 barras e comia lentamente para saborear melhor, eles chegaram e viram um caixão, parecia que havia sido aberto recentemente, as marcas na terra não eram velhas, estavam em um local bem isolado da cidade, cheio de árvores e terra clara, era um verdadeiro bosque, até que chega uns malucos com cara de bocó, parecendo uns demônio, os bixin era feio que doía, chegaram querendo arrumar briga, dizendo que o senhor deles havia despertado, e que eles seriam protegidos, portanto podiam fazer o que queriam, Rodrigo se irritou e deu um soco bem dado no "líder" desse grupinho, o nariz dele estava sangrando muito, parecia que tinha quebrado, mas Rodrigo não tava nem aí, só olhou para eles de um jeito assustador e disse:
Rodrigo: Sumam da minha frente!

Eles logo meteram o vazão, os infelizes das costa ôca, ficaram cagado até as pernas, Derik, apenas riu deles, riu muito, ficou vermelho, até Binho o mandar parar, já que estava ficando assustado, Binho tinha um cabelo curto, não era liso, era bem alto, bebia um pouco, usava uma camisa azul escura, calça preta, uma jaqueta de couro com gola alta que chegava até o pescoço, pelos lados e atrás, usando sapatos com a cor preta e branca.

Os irmãos passaram dias e dias tentando resolver, até que resolveram descansar, foram a uma pizzaria se livrar da pressão do trabalho, Binho pediu logo 2 garrafas de cerveja, e tomava com muito gosto.
Owen: Binho, não tá preocupado com sua saúde?
Binho: É...é o que?

Ele já estava com sinais que ia ficar muito louco, todo mundo já ficou preparado para o pior... menos Rodrigo, que devorava 2 pizzas na mesa, enquanto os outros estavam distraídos, quando os outros voltaram a si para comer, ele se afastou rindo baixinho como se nada tivesse acontecido. Mas Vitor, mesmo sendo bem idiota, havia percebido o "crime" .
Vitor: Ô seu corno, pense que eu vi não, peste, lhe mato aqui mesmo, sem dó nem piedade.
Rodrigo: Cole aqui então, babaca, tu viu o que?
VitorApontava para Rodrigo enquanto chamava os irmãos Ô velho, esse fi da peste tá roubando comida, e quem paga não é nem ele.
Derik; Não me botem nesse meio.
Jon: Porrada nele!!
Owen: Ô O PAU QUEBRADO DESGRAÇAAAA!!!

Quando a porrada ia comer solta, eles ouviram um rugido extremamente forte, e parecia de qualquer maneira, estar longe da pizzaria (graças a Deus) Owen, Jon e Rodrigo já tremeram na base, mas Derik e Vitor ficaram alertas, e Binho....estava com a cabeça na mesa dormindo depois de 5 garrafas de cerveja e 2 doses de Vodka, com o rosto vermelho e balbuciando coisas que nem um e.t entenderia, ele resolveram pagar logo a conta e levar seu irmão para casa, pois estava em um estado bem grave, Owen prestava bastante atenção no local, a casa deles era um pouco longe e diferenciada, havia 2 andares e um sótão, com um enorme portão de grades, com um vasto quintal que rodeava a casa, era enorme, o terreno tinha um belo gramado e árvores lindas em volta, mas na noite dava um efeito macabro, e ao longe havia uma criatura de olhos brilhantes amarelos, olhando-os esperando o momento perfeito, era conhecida como caveira canídea, um esqueleto de lobisomem cuja força e atributos físicos haviam sido melhorados com o uso de magia negra, mudando assim totalmente o seu corpo poderoso, sua caixa torácica era muito grande e cobria a barriga inteira para melhor proteger, e seus ossos eram muito largos, quase como se fosse uma armadura, essa criatura pula de onde estava e para silenciosamente atrás dos irmãos, Owen percebe algo e se vira, ele havia visto a caveira.

A mesma resolve atacar, rugindo, fazendo todos olharem, ela pulou muito alto e usou as garras com a intenção de matar, Owen, por sorte, era ágil, e desviu com facilidade, ignorando os medos, dá um chute na cara do lobisomem esquelético, que estava quadrúpede no momento, isso só irritou mais ainda, Owen sabia que a morte era iminente, quando seu irmão Derik aparece com um pedaço de aço nas mãos e golpeia com uma força descomunal a cabeça da caveira canídea, fazendo uma leve e pequena rachadura, isso bastou, a caveira fugiu, no dia seguinte, resolveram investigar, pegaram os livros sombrios e sobrenaturais de Derik e resolveram desenvolver um maior conhecimento do assunto, e descobriram que a fraqueza de lobisomens era prata, e esqueletos reanimados, a fraqueza era o ouro refinado, eles então usaram o que tinham e combinaram os dois dando o nome de "ourata" fizeram armas e armaduras relativamente leves, e foram atrás dela semanas depois. 

Ela havia deixado rastros, e ia direto para o bosque, e por sorte, encontraram aquele demônio, aquele filhote do anticristo tava encurralado, mas o bixin era endemoníado, saltava a até 7 metros de altura se fosse preciso, eles golpearam sem piedade, fazendo-a sofrer, pagar pelas vítimas que havia feito nessas semanas todas, Owen deu o golpe de misericórdia, puxando um taco feito de "ourata" e desferindo no crânio, quebrando-o, 1 mês de comemoração se passa, eles haviam ganhado o dobro de 42.000, 84.000.

Eles acabaram dormindo no restaurante, e acordaram com os gritos e cheiro de fumaça, ele viram, a caveira canídea sem nenhum arranhão, só que agora com 3 metros de altura,  2 caudas, chifres, olhos negros brilhantes, 4 braços e um terrível instinto assassino, eles foram para casa e se revestiram e armaram-se de "Ourata" mas, ela estava muito forte, cuspindo radiação matadora, havia derretido as armas e armaduras, até que lança radiação neles, tudo aparentava ser o fim.

A caveira gargalhava, com uma voz rouca e grave, algo que provavelmente era originário do inferno, mas.... quando as esperanças das pessoas havia se esvaído, Owen e os outros abrem os olhos, eles levantam sem nenhum dano, com as cabeças baixas, e um espírito aterrador.
Owen: AGORA É A NOSSA VEZ!!

Eles liberaram uma forte aura, mostrando o nível elevado de E.D.A (Energia. Da. Alma, 1 de E.D.A = 2 de Ki em Dbz, fiz isso só pra mostrar que eles são daora mermo) Owen podia assumir e misturar qualquer forma animalesca, Jon podia blindar e melhorar seu corpo com metais, minérios e minerais, usando, de início o poder do bronze, Rodrigo havia recebido o poder dos 4 elementos, no início um bastão de pedra e controle do fogo, Vitor, uma força literalmente além da compreensão humana e olhos de laser ( que correspondiam apenas 20% de seu poder de laser total) Derik, ganhou o poder de sangue demoníaco manifestado, e Binho ganhou a eletricidade, um poder que apenas metade poderia abastecer o dobro de tamanho de sua cidade, eles desferiram vários ataques usando seus novos presentes que haviam despertado, Binho carregou raios no corpo e deu um grito muito alto, fazendo uma lança de corrente elétrica, arremessando com toda sua força nela, atravessando seu corpo, ela foi arrastada, Owen quis finalizá-la sozinho, desfrutando de sua velocidade criando uma cortina de fumaça, o que ninguém percebeu foi a mudança de poder de Owen, a íris de seus olhos havia ficado amarela, e seus olhos tinham um contorno preto, aparecendo marcas no rosto que se assemelhavam a pontas negras, 1 no centro da testa que meio que "saía" da cabeça e aparecia no rosto, 1 no queixo, ainda vertical, duas na altura dos olhos, uma em cada lado e duas na altura do nariz, 4 nas costas de maneira horizontal como um tigre, ele em um piscar de olhos deus mais de 50 socos e chutes na caveira fazendo seu corpo explodir em luz, acabando, com o perigo, Owen já tinha até pensado no nome desse novo poder, a poderosa forma "Monster Rage", e agora os irmãos teriam que conviver com suas novas dádivas.


Notas Finais


Muito obrigado por lerem até aqui, foi meu primeiro capítulo, essa história foi criada por mim, ou melhor pelo meu subconsciente, essa história toda foi tirada de um sonho meu, até breve e aguardem para mais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...