1. Spirit Fanfics >
  2. End is Just the beginning >
  3. Reconciliação parte 3

História End is Just the beginning - Capítulo 33


Escrita por: e choiManoela


Notas do Autor


Para esse capítulo recomendo escutar promise do ateez.
Boa leitura.

Capítulo 33 - Reconciliação parte 3



Tempos depois...


Se passaram três anos desde o que aconteceu; tudo mudou nesses anos, eu e wooyoung nos casamos e agora somos pais de um casal de gêmeos: Sam e wooseok moramos em uma casa no meio de uma floresta. Devo admitir que esses foram os melhores anos da minha vida, bom... Manoela está grávida de seu primeiro filho, o hongjoong não a larga nem por um minuto. 

O jongho ele agora é o meu dongsaeng, sempre me ajudando com os gêmeos wooyoung trabalha em uma empresa de Design junto do hongjoong. 

Uma vida feliz, com uma família feliz do jeito que eu sempre sonhei...



Saiu dos meus pensamentos ao ver que o wooyoung avia chegado do trabalho, ele me vê sentado na varanda e sorri vindo em minha direção.

_ Oi, amor! - ele me beija. - tudo bem? 

_ sim, e você? - entramos para dentro de casa vendo wooseok brincando com Sam.

_ estou bem! 

_ PAPAI!!! - os dois correm para os braços dele, o enchendo de beijos.

_ aiii meus amores, papai sentiu saudades - fala dando beijos nos dois.

_ também sentimos, papai - os dois falam ao mesmo tempo.

Sorriu vendo a cena dos três, era assim todo dia. 

_ crianças o papai está cansado, vamos o deixar descansar.

_ não!! - eles reclamam abraçando mais o pai.

_ não tem problema amor, deixa que eu cuido deles, só deixa eu tomar banho primeiro. - eles concordam e vão para o chão.

_ tudo bem...

_ Oi, nonna! - jongho abre a porta entrando com Mingi.

_ Oi - abraço os dois.

_ titios - os gêmeos correm até eles.

_ vamos brincar? - Mingi pergunta aos dois que concordam saindo.

_ não vamos muito longe - jongho fala saindo.

_ tudo bem!!

Subo até o quarto e abro a porta devagar vendo wooyoung se arrumando, ele estava sem camisa com uma calça moletom...

_ ah, amor não vi que você estava aí - fala sorrindo e se senta na cama. - vem cá - vou até ele e me sento em seu colo. - comprei para você - ele me entrega uma caixa com um colar prata com um topázio.

_ aí amor, que lindo! - beijo ele. - obrigada..

_ gostou? - ele faz carinho em minhas costas.

_ eu amei - coloco a caixa no criado mundo e o beijo passando minhas pernas ao redor dele.

_ eu te amo - ele coloca uma mexa do meu cabelo atrás da orelha me beijando. 

_ eu também te amo! - me separo dele e me levanto indo até a porta. - vem, eu vou arrumar o quarto das crianças e vou fazer um lanche para você.

_ tudo bem - ele se levanta fui até o quarto das crianças e peguei os brinquedos do chão. - amor? 

 _ hum - falo arrumando as coisas.

_ eu tava pensando.... - ele para pensativo. - você não vai achar isso idiota, né? 

_ não sei - presto atenção no mesmo.

_ é que eu tava pensando em... Que tal hoje a noite a gente... - alguém atrapalha sua fala, era hongjoong. - hongjoong quem abriu a porta para você? 

_ entrei assim mesmo, vocês não me ouviram.

_ desculpa Joong, eu estava arrumando o quarto das crianças.

_ tudo bem nana - ele sorri e wooyoung o olha irritado.

_ hongjoong pra quê você veio? 

_ queria... Falar com a Nanda! 

_ hum... Termina de arrumar pra mim? - pergunto ao wooyoung e saiu dali sem esperar por uma resposta. - pode falar.

_ ahh - ele olha para mim e sorri. 


WOOYOUNG ON~

Continuo arrumando as coisas assim que termino vou direto pro quarto me deitando na cama. " O que será que o hongjoong quis falar com Fernanda? " 

Suspiro e começo a mexer no celular para ver se tinha algo de bom...

Bloqueio o celular e coloco ele na cômoda, me levanto e vou até a cozinha onde vejo San conversando com jungkook.

_ oxi - eles me olham. - o que estão fazendo aqui? 

_ ah vim pegar umas ervas - jungkook fala me olhando.

_ e eu... Também! - San sorri.

_ hum... Pediram a Nanda? 

_ sim - falam ao mesmo tempo.

_ ok - tomo minha água, olho para o copo e bufo indo para o quarto.

( ... ) 


22:30 


Olhava para o relógio em cima do criado mundo, já eram 22:30 estava esperando Nanda terminar de colocar nossos filhos para dormir.

Hoje eu queria ter um momento com ela já que faz três meses que não fazemos sexo e estou sentindo saudades do seu corpo.

Vejo a porta ser aberta vendo ela entrar bocejando.

_ tudo...bem? - pergunto quando vejo ela se deitar na cama.

_ sim - fala fechando os olhos. - boa noite amor.

_ tá... Boa noite! - falo com tristeza na voz.



Concerteza hoje não é o dia certo.





Notas Finais


Até o próximo capítulo!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...