História End Of Dating...JIKOOK - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Jikook
Visualizações 5
Palavras 576
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 02 - Jungkook


São tantos sentimentos dentro de mim, que ao menos sei os explicar.

Conheço Jimin, desde que nasci, nossas mães eram melhores amigas de infância, e como morávamos em Busan juntos, acharam que seria chato nos separar.

Pedi-o em namoro com apenas 14 anos, no começo ele ficou receoso, mas logo se entregou ao todo. Passamos longos 5 anos juntos e, nossa, foram os melhores anos ao lado do meu pequeno.

Recentemente, tivemos uma longa discussão e Jimin, por impulso, ou não, terminou nosso relacionamento. Disse a mim que não suportaria mais nenhuma briga boba por ciúmes.

Mas, porra, quando você ama, sente ciúme, não?

Doí tanto vê-lo todos os dias na faculdade, por que tivemos que ser tão parecidos a ponto de fazer uma faculdade igual?

- Aigoo, hyung, eu o amo tanto. Sinto falta dos teus carinhos - Pensei alto, colocando um fone nos ouvidos, e coloquei um música no aleatório.

Serendipity.

Por que logo essa música?

Senti minha garganta arder, meus olhos queimarem e uma lágrima se formar. Esfreguei meus olhos antes que ela pudesse por ímpeto escorrer.

Encostei minha cabeça na árvore em que me encontrava encostado com as costas e fechei os olhos, deixando que a música me escutasse.

Por que se não a música, quem me escutaria?

Acontece que sem a música, eu ficaria sozinho com meus pensamentos. E os mesmos, ainda poderiam me matar.

Flashbacks vinham a minha mente, momentos bons que passei ao lado de Jimin.

Porque é sempre assim, você nunca lembra das coisas ruins. Lembra apenas dos bons momentos, na putaria que a gente viveu em baixo do nosso edredom. Vale a pena dizer que ele também tem o melhor beijo do mundo.

- Jeonkookie? - Ouvi uma voz doce me retirar de meus pensamentos. Era ele. Seu sorriso de sempre estava estampado em seus lábios carnudos, seus dentinhos tortos eram visíveis.

- Ah, oi, Jimin - Sorri fraco para ele, tirando meus fones do ouvido.

- O que foi? - Me fitou e eu o encarei perplexo. Como assim "o que foi"? - Não é por que terminamos que não seremos mais amigos, não é - Ele me olhou triste - Aish, Kook, somos amigos a vida inteira. E eu gosto de você! 

- Esse é o problema, Jimin - Sorri de canto, e ele me olhou surpreso - Você gosta de mim, e eu te amo - Levantei e sai andando, mas antes me virei uma última vez, Jimin fitava o chão, pensativo.

Caminhei até o refeitório da faculdade e todos ainda estavam lá. Via casais trocando carícias e mais flashbacks passaram pela minha cabeça.

*Flashback On*

Eu estava sentado em uma cadeira ao lado da de Jimin. Mesmo que não fossemos comer algo da cantina, passávamos o tempo livre, sentados ali, na nossa mesa de sempre.

- Você é tão lindo - Sorri vendo ele fazer o mesmo. Passei um dos dedos por suas bochechas rosadas, agora mais ainda por conta da vergonha.

Mesmo namorando a anos, Jimin se envergonhava quando eu o elogiava, mais uma das muitas coisas que eu achava fofa em si.

- Jungkook-ah, pare - Cobriu o rosto com as palmas das mãos.

- Aigoo, eu amo-te tanto, Park Jimin - Tirei suas mãos de seu rosto e roubei-lhe um selar.

- também te amo, pabo - Jimin sorriu, se aproximando e selando nossos lábios.

*Flashback Off*

Por mais que não quisesse, Jeon sentia uma imensa saudade de Jimin.

E o buraco que o menor deixará em seu coração, doía muito, cada dia mais.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...