1. Spirit Fanfics >
  2. Ensina-me amar novamente(Itahina) >
  3. Deixe-me te dar prazer.

História Ensina-me amar novamente(Itahina) - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura❤🔥

Capítulo 20 - Deixe-me te dar prazer.


Chegamos à minha casa, antes de entrarmos nos beijamos na porta, enquanto eu tentava abri-la, Hinata desafivelou meu cinto e abriu o zíper da minha calça, tirei o meu membro para fora já ereto, a virei de costas e a penetrei fundo, ela soltou um gemido, desferi tapas pela suas nadegas enquanto puxava seus cabelos, fazendo a mesma jogar a cabeça para trás, estava estocando freneticamente enquanto à beijo.

Hinata on*

Sinto que vou partir em dois, estou sentindo tanto prazer, Itachi é tão bruto.

---Ita...chi... ahn...--- Eu tive que pôr a mão na boca para conter os gemidos.

---Hinata...--- Ele gemia baixinho, enquanto mordia e chupava a dobra do meu pescoço. O mesmo levantou uma das minhas pernas, e estocou mais fundo.

---Ita...chi, eu...vou...

---Eu também...--- Ele deu mais três estocadas, e eu gozei, o mesmo tirou para fora e gozou no meu vestido, pôs a minha perna calmamente de volta ao chão, virei de costas para a parede e me escorei nela, fechei os olhos ainda sentindo meu corpo entorpecido, Itachi enterrou seu rosto na curva do meu pescoço. 

Estávamos ofegantes, abri os olhos e vi o seu lindo quintal, pus a mão na boca para evitar que uma gargalhada escapasse. Mas ele levantou o rosto e me olhou com a sobrancelha arqueada.

--- O que foi, Hyuuga?

--- Nós estamos na varanda.

---E qual é o problema?

--- Se alguém nos visse?

--- Não iria fazer nada.

--- Ma...--- Ele me beijou.

---Vamos entrar.--- Ele se abaixou, pegou a chave e abriu a porta, entramos na casa e tiramos nossos sapatos.

---Quer alguma coisa para beber?

--- Água, por favor.

Ele foi até a cozinha e voltou com dois copos de água, me deu e pôs o dru encima da mesinha de centro, pegou um lenço e começou a limpar o meu vestido.

--- Desculpe-me, por sujar o seu vestido. --- Coloquei o copo na mesinha e peguei o seu rosto com as duas mãos.

--- Tudo bem, eu não ligo se for você.--- Eu o beijei e tirei lentamente seu blazer. --- Agora deixa eu te dar prazer.--- Ele assentiu, peguei na sua mão, levantei-me do sofá e o puxei.

Subi para o segundo andar da casa. Sim, eu gravei onde fica aquele lugar excitante. Quando nós chegamos na porta da biblioteca, eu o olhei, ele estava com um olhar sedutor. Mordi o lábio inferior e adrentei o local, me dirigi até prateleira e peguei o livro. Logo, abriu-se uma passagem.

Entramos no quarto, a passagem se fechou novamente.

Soltei sua mão e me virei para ele, passei os braços envoltas de seu pescoço e olhei em seus olhos.

Aproximei nossos lábios, ele fechou os olhos.

--- Deixa eu fazer tudo... apenas sinta. --- Eu mordisquei seu lábio inferior.


Itachi on*

Ela separou os nossos corpos e foi em direção a parte onde ficava as vendas,  ela olhou por cima dos ombros e deu um sorriso malicioso, comecei andar até ela.

---Ei, eu não mamdei você se mexer! 

--- Oh, desculpe.--- Parei abruptamente quando ela disse isso.

Hinata veio na minha direção e pôs a venda em mim, ela me beijou e começou a desabotoar  a minha camisa, ela a retirou.

A mesma passou as suas pequenas mãos pelo meus ombros, peitoral, abdômen, ela desceu sua mão direita e começou à estimular meu sexo por cima da calça. Por conta dos meus olhos estarem vendado, sinto-me mais sensível aos seus toques.

Hinata abriu o zíper da minha calça, e abaixou junto com a minha cueca, até aos meus pés, e à tirou, a mesma me puxou, em algum lugar. Logo percebi que era uma cadeira, ela se afastou, por um tempo, a mesma pegou meus braços e colou-os para trás e os prendeu com a algema.

Senti suas mãos alisando minhas coxas e subindo até ao meu umbigo. 

Isso está sendo uma tortura excitante.

Ela começou a distribuir beijos pela minha virilha, até chegar no meu membro que chega à  doer de tão duro. 

Hinata começou a beija-lo até chegar no topo, ela deu um beijo demorado na cabeça do meu pênis. 

---O que você quer, Itachi?--- A mesma fala com uma voz manhosa , enquanto passa a sua língua aveludada pelo minha glande, me fanzendo ficar com ainda mais tesão.

--- Eu quero dentro da sua boca.

--- Assim? --- Ela pôs a cabeça na boca e girou a sua língua. 

--- É...--- Ela colocou até a metade na boca e a outra metade completou com a mão, começou a fazer movimentode vai e vem com a boca e com a mão, intensificando cada vez mais. --- Ah... Hinata... --- Gozei descontroladamente.

Escutei barulho de roupa. 

Senti os seios fartos e macios envolverem meu membro, ela começou a mover e logo aumentou a velocidade. Fiquei duro novamente, ela parou e subiu no meu colo, começou a esfregar sua intimidade no meu membro.

--- Você é tão gostoso.--- Ela sussurrou no pé do meu ouvido. --- Está gostando? --- Ela mordiscou o meu pescoço.

--- Sim...

--- Quer mais?

---Quero.

--- Então fala o que você quer.

--- Foder você. --- Ela encaixou meu pênis na entrada de sua intimidade e fez ele adrentar totalmente, quase gozei de novo. 

Ela começou a cavalgar rapidamente no meu pau.

--- Ahn... Itachi...--- Ela fez um movimento e soltou a minha algema, peguei nas suas coxas, a mesma tirou a minha venda.

Levantei, andei até a cama e à joguei, fiquei observando seu corpo perfeito, ela se virou e ficou de quatro, olhou por cima de seu ombro, fez um sinal com o dedo indicador me chamando. Sem pensar duas vezes, peguei nas suas nadegas e empurrei de uma vez na sua intimidade.

--- Anh...--- Deferi tapas por sua bunda. Ela começou a rebolar.

--- Como você é safada...--- Peguei no seu quadril e estoquei com mais força. Já estou chegando no meu ápice. --- Eu...vou...

--- Eu também...--- Senti ela apertar meu pau. Dei mais três estocadas e ela gozou, tirei-o e gozei nas suas costas.


Hinata on*

Ele caiu do meu lado e me puxou para deitar-me em seu peitoral.

---Eu te amo.

--- Eu também te amo.--- Ele disse e logo deu um beijo na minha cabeça.

Itachi sentou na cama, a xuxa que prendia seus longos fios estava na ponta, fiquei de joelhos atrás dele e terminei de tirá-la.

Peguei-os entre os dedos.

--- Seu cabelo é tão cheiroso, macio e bonito... Eu gosto dele. --- Interrei meu rosto nos fios negros.

--- Eu também gosto de seu cabelo, a cor é diferente, o cheiro é bom e é bonito. --- Eu o abracei por trás.

--- Eu amo o seu cheiro, amo quando me abraça.

--- Eu amo o seu jeito meigo, amo está ao está ao seu lado... --- Eu peguei o seu rosto e selei os nossos lábios em beijo calmo e cheio de carinho. --- Começamos quase agora, mas parece que você sempre esteve ao meu lado.

--- Sinto-me da mesma forma, você me completa tão bem. --- Ele me pegou e me  pôs no seu colo, tirou os fios da minha testa e depositou um beijo nela.

Itachi deu um sorriso mínimo, ele se levantou comigo em seu colo.

--- Me coloca no chão,  sou muito pesada.

--- Que nada!

---  Você é muito teimoso as vezes.

--- É, eu sei.--- Ele sorriu, saímos do quarto e fomos para o banheiro tomar um banho.


Continua...


Notas Finais


Demorei muito novamente ( todo dia é isso) ksksk, eu iria postar um capítulo mais longo, mas estou com sono então vou tentar escrever a próxima parte amanhã. Beijinhos e mil desculpas.

Obrigada pelos favoritos.❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...