1. Spirit Fanfics >
  2. Entardecer >
  3. Capítulo 18

História Entardecer - Capítulo 19



Notas do Autor


Hi xuxuzins😘

Capítulo 19 - Capítulo 18


Fanfic / Fanfiction Entardecer - Capítulo 19 - Capítulo 18

P.O.V Jane 

06:30 da manhã, eu queria tanto voltar pra Itália, era tudo muito corrido por conta da Guarda, mas eu não ligava pra isso.

Ficar aqui deitada olhando para o teto é deprimente e me deixa com maior tédio.

Saber que sou a pior irmã da história está me angustiando.

Não sentia essas sensações quando morava lá, mas aqui em Forks tem uma coisa que não tem na Itália, e o nome é Isabella Swan.

A Bella é melhor com sentimentos do que eu, ela poderia me ajudar com o que devo fazer com Alec.

Melhor eu ir até lá, tenho que falar com o pai dela mesmo, assim a gente conversa sobre isso antes. 

Não tenho coragem de pedir que Alec me de cobertura hoje, mas não sei se terá algum problema, e é final de semana então...

Decido pular a janela, sei que é a escolha mais correta.

Começo a dar passos rápidos em direção a casa da Bella, não está tão cedo, talvez tenha humanos andando por aqui, não posso ser pega.

Não sei se ela vai estar acordada ou não, acho que só indo até lá para descobrir.

P.O.V Bella 

06:40, acabo de sair do banho, o por quê de eu ter acordado tão cedo? Não faço a menor ideia.

Só sei que fiquei com vários pesadelos, deve ser a ansiedade de que a Jane vai vir aqui falar com meu pai, só isso.

Vai ser bem tranquilo e... quem eu quero enganar? Estou surtando! Ainda não entendo o que eu tinha na cabeça quando falei isso pra ele.

--Bella.--Charlie bate na porta.--Já está acordada?

--Sim, pai--Respondo enquanto visto minha blusa.--O que foi?.

Vou até a porta e abro pra ele, ele estava vestido com a roupa que ele sempre usa pra ir pescar 

--Esqueceu de hoje, não foi?-- Pergunto revirando os olhos.

--Me desculpe, mas eu prometo que volto a tempo pro jantar.--Ele responde com sua voz calma de sempre.--Tá tudo bem pra você e aquela... pessoa que você disse?

--Tá tudo bem sim pai, não se atrase.--Digo enquanto aceno com a mão pra ele.

Mas tá tudo bem sim, o único problema é que a minha namorada não come comida, só isso aarh.

--Olá, amor.--Jane parece pendurada na janela e eu me assusto.

--O que eu disse sobre portas?- Pergunto de braços cruzados.--E...Oi.

--Me desculpa, mas fiquei com receio por causa do seu pai.--Diz enquanto entra.

Ela está diferente, com olheiras escuras, talvez seja a falta de sangue constante que ela estava acostumada.

Os Cullen tem muitas, por conta da dieta deles.

Decido ignorar meus pensamentos e divertir ela um pouco.

--A toda poderosa Jane Volturi com medo de um xerife de cidade pequena?--Falo com voz debochada e começamos a rir.

Minha namorada começa a se aproximar de mim, dei um selinho nela e a puxo para ir a cama.

--Amor, vamos conversar um pouco, tá.--Ela diz, seu tom é sério.

--Claro, aconteceu alguma coisa?-- Pergunto preocupada.

Jane parecia estar em uma guerra interna, abria a boca para responder mas pelo que demonstrava, se arrependia antes.

--É o Alec.--Responde rápido.--ele não está bem, e não faço a mínima ideia de como ajudar ele.

--Ele explicou o motivo de não estar bem?--Questiono a tentando entender.

--Pelo que se parece, sou a pior irmã do mundo.--Jane responde e deita na cama.

--Tenta falar com ele, se desculpar e o mais importante, dê tempo a ele, talvez o que ele precisa é disso.--Falo tentando ajudar.

--Tem razão...--Começa a fitar o teto.--o que você acha que eu deveria falar ao seu pai?

Sorrio com a pergunta, acho fofo o quanto ela fica preocupada com isso, me aproximo dela, deitando em seus braços.

--Vai receber meu pai com seus olhos vermelhos?--Pergunto tentando não parecer tão séria.

--Tá no meu bolso, me acha tão louca e despreparada assim?--Ela responde rindo.

--Bom, você vai ter mais um tempo para pensar, na verdade, Até o jantar.-- Digo e vejo ela dar um sorrisinho de lado pela notícia.--Ele foi pescar, seu dia de sorte talvez.

--Depois que te conheci, todos os meus dias são de pura sorte.--Como essa garota pode ser tão romântica?

Junto nossos lábios com Saudade, os olhos de Jane expressando sentimentos impuros.

Suas mãos param em minhas coxa e a aperta, doeu bastante, bem provável que fique roxo, dou um grito baixo de dor.

A encaro e vejo seus olhos, estão completamente escuros, ela volta a me beijar, tento me afastar mas é inútil.

--J-jane, tá me machucando.--Tento fazer ela parar mas não consigo.

Em uma velocidade incrível ela fica em cima de mim.

--Eu preciso do seu sangue...- sua voz está áspera, nunca a ouvi falando desse jeito.

Após longos segundos, observo seus olhos voltando ao vermelho normal.

--Me desculpa, Bella, me perdoa por favor.--Ela diz enquanto se levanta indo até a janela.

--Quando foi a ultima vez que você se alimentou?--Pergunto enquanto abraço minhas pernas.

Ela provavelmente está ouvindo meu coração disparar, não imagino o quão difícil está para ela.

--Ontem, ou antes...os dias estão se misturando na minha cabeça.--Responde pondo suas mãos sobre a cabeça.--Não posso ficar perto de você desse jeito.

--E se eu te desse um pouco do meu sangue?--Ok, A ideia parecia melhor na minha mente.

--Eu não posso morder voc..-- Interrompo ela.

--Posso cortar só um pouco do meu dedo e por em um copo.--Ficar tanto tempo com a Alice deve estar me dando ideias mais loucas que o normal.

--Isso poderia ser bem excitante em outras circunstâncias...--Não acredito que ela disse isso, mas confesso que também pensei nisso por um breve momento.--Mas, não sei se é uma boa ideia.

--Fica aqui, segura seu super olfato de vampira, que eu já volto com seu café da manhã.--Digo e a vejo seguindo minhas instruções.

Caminho até a cozinha, com o olhar de Jane queimando minhas costas.

Ao chegar lá, pego uma faca e suspiro, tomando coragem...Acho que vou cortar minha mão e não o dedo.

Conto de 1 até 3 e passo a faca por minha mão, a ardência surge em um passe de mágica ruim.

Levanto a mão em cima do copo e a aperto, contendo meus gemidos de dor.

Assim que metade da taça está cheia, suspiro em alívio. Pego a caixa de emergência e faço um curativo.

Não está perfeito, mas já é o bastante.

Pego a taça e subo até o quarto, eu acho que estou sendo louca de fazer isso, mas é pela Jane.

Abro a porta do quarto e a observo, ela estava imersa em pensamentos, distraída.

Assim que sentiu o cheiro do sangue, ela apareceu em minha frente, seus olhos escuros novamente.

Ela pegou a taça e a bebeu em um completo êxtase, me olhando com devoção.

Ao está quase na metade da taça, ela rosnou em excitação, senti minhas pernas ficarem bambas.

Um leve incômodo entre minhas pernas, me fez ficar estática, não era hora de ficar excitada com uma vampira a sua frente.

Essa que estava cheia de sede, me afasto para ir até a cama, ficando de trás para ela.

Suas mãos agarram minha cintura e me puxam, colando nossos corpos. O leve incômodo em minhas pernas se tornará pior ao sentir seu membro duro.

--Onde vai?--Sussurra no meu ouvido, tão excitante. Isso foi o estopim para mim, um líquido descia por minhas pernas bambas.

Ofeguei transtornada, o que ela quer agora? O meu corpo? 

--J-jane.--Murmuro paralisada.

--Você é tão pervertida, Bella.--Jane respondeu rindo e se afastando.

Grunhi em irritação e fui trocar minha roupa molhada, entrei no banheiro possessa.

--Hey.--Ela me chamou e eu a olhei cruzando os braços.--Deixa eu só provar uma coisa.

A olhei curiosa, ela se aproximou devagar e me encostou na parede fria do banheiro.

--O que?--Indaguei.

Seu olhar se tornou malicioso, uma de suas mãos desceu até minhas pernas, subindo até a virilha.

Ela puxa o short para o lado e o leve incômodo que eu sentia antes, voltou, agora formigando.

Aos seus dedos encontrarem minha vagina, eu me arrepiei, esperando com espectativa o que aconteceria.

Seus dedos deslizam suavemente por meus lábios carnudos e me preenchem, solto um gemido baixo e Jane rosna extasiada.

Assim como entrou,seus dedos saíram, me deixando chateada, solto um gemido frustado.

--Não agora.--Jane sussurrou, levando seus dedos até a boca e os lambendo.

Sinto meu orgasmo escorrer por minhas pernas novamente, Jane me lançou um olhar de diversão e saiu do banheiro sem mais nada.

Eu não acredito que ela fez isso!

Decido tomar um banho para apagar meu fogo, quando me tornei tão necessitada?


Notas Finais


Bye xuxuzins 😘

@Letiigoomes372


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...