História Entre Amor e Desejo - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Arrow
Personagens Felicity Smoak, John Diggle, Oliver Queen (Arqueiro Verde), Personagens Originais
Tags Ashley, Desejo, Felicity, Oliver
Visualizações 207
Palavras 973
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Viagem supresa


Fanfic / Fanfiction Entre Amor e Desejo - Capítulo 4 - Viagem supresa

Na manhã seguinte eu acordei bem cedo e dei uma arrumada no apartamento. Fiz um café bem forte com panquecas e ovos mexidos.

- Isso é tão bom! – Emily diz de pé ainda esfregando os olhos

Ela estava falando do aroma de café da manhã que tomou conta do apartamento todo.

- Bom dia! – falo

- Bom dia. Que horas você chegou ontem? – ela fala já sentando a mesa e pegando a xícara para por café

- Às 2h da manhã. – respondo

- Se pegando com o gato do seu chefe? – ela fala sorrindo

- Não - falo rapidamente – Eu estava trabalhando para variar.

- Sozinha? – ela me interroga já esperando alguma brecha

- Não, ta legal! – respondo – Ele ficou lá.

- Nenhum beijinho? – ela me pergunta rindo

- Se continuar com isso, vai apanhar depois de grande – falo rindo, pois ela sabia que eu nunca encostaria nenhum dedo nela com violência – Vou ir trabalhar. – falo pegando minha bolsa e minhas chaves

- Dá um beijo nele por mim – ela grita ironizando

- Para de graça.- falo séria - Depois coloca a louça na lavadora e tranque tudo antes de sair.

Desço de elevador e na portaria falo:

- Bom dia senhor Johnson, o senhor está melhor? – pergunto enquanto passo minha digital no leitor

- Bom dia minha querida, já estou bem melhor. – ele responde carismaticamente

Eu então sorrio e saio rumo a agencia.

Quando chego lá começo ligando o computador, a impressora, abrindo as cortinas e ligando o ar-condicionado.

Enquanto ainda estou de costas sinto uma presença atrás de mim.

- Bom dia senhorita Smoak. – Oliver fala enquanto está encostado no batente da porta.

- Felicity, só Felicity – respondo – E bom dia! – eu sorrio – Deseja alguma coisa?

- Venha a minha sala, por favor – ele fala e já segue para lá

Eu o sigo e ao entrar encosto a porta. E então fico esperando que ele comece a falar.

- Senta aqui – ele me diz apontando para cadeira dele – Chegou esse email hoje bem cedo. Pode traduzir para mim? – ele pergunta

Eu então começo a ler e já traduzindo falo a ele o que está escrito lá:

“Prezado senhor Queen, estou imensamente feliz com a resposta rápida do convite que fizemos a ti e a sua empresa.

A companhia Queen Marketing tem se destacado no mercado publicitário e daqui onde estamos podemos ver o brilho desta agencia.

Agora, convidamos o senhor para que venha a nossa fábrica, para trabalharmos o contrato entre nossos negócios e assim podermos nos conhecer pessoalmente.

Esperamos a sua presença o mais rápido possível, e aproveite também para conhecer as belezas da Itália.

Aguardamos ansiosamente a sua companhia

A direção”

- Se tem uma parte que é realmente verdade é a da beleza da Itália – eu penso alto

- Você acha? – ele pergunta se aproximando de mim para ler o que eu estava escrevendo. Seu perfume entrou no meu nariz e era como se eu carregasse aquele cheiro delicioso comigo por onde eu fosse.

- Eu morei lá, e sei muito bem as belezas daquele lugar. – respondo saindo do transe e me levantando da cadeira

- Onde vai? – ele pergunta

- Posso ir para minha mesa? – pergunto

- Ainda preciso de você – ele fala e sorri e ele então me mostra a cadeira – Quero que compre duas passagens para Itália e reserve o melhor hotel de lá.

- Você tem alguma preferência? – pergunto já entrando no site de compras de passagens

- Você morou lá, acho que sabe melhor do que eu dos melhores hotéis. – ele diz todo simpático

 - É que os melhores são bem caros e não sei quantos dias você vai ficar lá – falo

- Bom, eu não sei quanto tempo eu vou precisar ficar lá, mas acredito que uma semana seja suficiente. – ele responde e faz uma pausa – E, pode ser o mais caro não tem problema.

- Um quarto? – pergunto profissionalmente

- Um quarto com duas camas. – ele responde

- Mais alguma exigência? – pergunto

- Suíte, hidromassagem, uma pequena sala de estar e varanda – ele responde

Depois de uns dez minutos procurando eu digo:

- Achei – eu olho para ele e ele vem até mim novamente para ver e quase se encosta em mim de novo – Você gosta? - pergunto

- Gostei. É muito lindo. – ele responde e olha o valor e acena um sim com a cabeça – Pode finalizar a compra.

Depois ele veio e fez o pagamento e como ele usava muito esse serviço a própria agencia de viagens trazia aqui as passagens dele.

- Está feito. Agora é só esperar. Precisa de mais alguma coisa? – pergunto

- Que você responda avisando que saio daqui amanhã a noite e estarei lá na outra manhã. – ele fala indo se sentar no sofá

Faço o que ele me pede e envio.

Até agora eu ainda estava meio confusa, porque um quarto com duas camas se ele vai com a sua noiva?

- Seu passaporte está em dia? – pergunto

- Sim. – ele faz uma pausa e fala – E o seu passaporte como ta?

- O que? – pergunto indignada

- Seu passaporte, Felicity, como ele está? Tá em dia? Como acha que vai passar no aeroporto sem o passaporte?

- Eu vou com você? – pergunto meio desconcertada

- Primeiro: você é minha secretaria particular. Segundo: Eu não sei falar italiano. E terceiro: Você é a única pessoa aqui que fala italiano fluentemente e pode me tirar de uma enrascada.

- Eu não sabia – respondo

- Você vai ganhar muito mais e suas despesas lá serão todas pagas. – ele diz vindo perto de mim

- Eu nem falei com a minha irmã – falo pensando na Emily

- Eu preciso de você lá comigo, Felicity – ele fala e coloca a mão no meu ombro e sorri

Eu sorrio para ele e aceno um sim com a cabeça.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...