1. Spirit Fanfics >
  2. Entre destino ou consciência?(reescrevendo) >
  3. Acampamento

História Entre destino ou consciência?(reescrevendo) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Olá, tive que mudar bastante coisas nesse capítulo e peguei algumas partes do cap 2 na outra conta enfim espero que não ficou tão confuso beijos
Insta: @vichaaam

Capítulo 2 - Acampamento


Fanfic / Fanfiction Entre destino ou consciência?(reescrevendo) - Capítulo 2 - Acampamento

Cheguei finalmente no acampamento, aqui tem muitos mosquitos que parecem mirantes de tão grandes que são, devia ter trazido repelente a senhora Diaz disse que isso faz eles irem embora ou algo assim. Tom estava indo em minha direção bem animado, isso me deixa feliz.

Tom: Que bom que você veio Star 

Star: Você achava que eu não ia ir? Haha

Tom: sei lá, vai que o Marco faz sua cabeça, nunca se sabe 

Star: É verdade haha, tem esse ponto mesmo. Mas ele foi bem de boa sobre isso - tive que mentir se não ele ia me encher de perguntas e eu quero relaxar nesse acampamento

Tom: Você está mentindo, você não me engana Star haha mas tudo bem você tá linda

Eu concordo com a cabeça, e ele me apresenta o acampamento e damos uma pausa pra guardar minhas coisas

Star: Nossa aqui é hiper grande Tom

Tom: é mesmo, você tem que ver a floresta inteira, fiquei até perdido

Rimos e continuarmos a andar pelo acampamento

Tom: ah sim, veio uma amiga sua aqui também

Star: nossa sério!? Você consegue se lembrar o nome dela?

Tom: claro, o nome dela é-

A CABEÇA DE PÔNEI EMPURROU O TOM PRA LADEIRA QUE ESTAVAMOS PERTO HAHAHAH

Cabeça de pônei: AMIGAAAAAAAAA

Star: AMIGAAAAAAAAA

Nos abraçamos e fomos ajudar o Tom a sair de lá

Tom: vocês hein - ele diz irritado e vermelho

Cabeça de pônei: foi mal nenê não consigo me controlar quando vejo essa princesa linda beijinhos

Star: só você amiga hahahaha

Rimos, e fomos andar mais no acampamento. O acampamento era bem grande, tinha várias atividades legas sem falar da floresta linda que tinha ao lado, é verdade o que o Tom disse por que nossa ela é imensa. Tem algumas espécies de árvores bem grandes, cheias de mata com sapos mágicos, cobras e outras coisas que com certeza o Marco iria gritar quando vê. Ah Marco... Não queria que as coisas acabassem como acabou.

A minha intenção não era sair brigada de lá sabe?, Só queria ter um tempo pra mim, com o Tom um amigo bem próximo meu e agora com a cabeça de pônei. Eles parecem que se apresentaram antes de eu chegar, e ela chama ele de "grande amigo da janna" isso me deixa com um pouco de ciúmes, admito.

Tom: o que foi princesa?

Star: er a só tô pensando alto sabe 

Nessa hora a cabeça de pônei, já tinha saído perto da gente e ido para barraca de pôneis algo assim ela disse que tinha vários gatinhos e gatinhas la, não entendi o sentido e só ignorei.

Tom: agora que a cabeça de pônei saiu, você pode me contar por quê tá tão séria?

Eu acabo rindo dele, ele fica muito fofo sério

Tom: qual é a graça?

Star: eu imaginei que você perguntaria, é que eu lembrei de uma piada

Tom: ?

Star: só que cê não entenderia - digo rindo por causa de um vídeo que eu vi á uns dias atrás

Tom: humanos e seus vídeos né- ele fala rindo 

Continuamos andando, até achar um banco pequeno perto da floresta e sentamos lá. Ele já tinha me mostrado todo o acampamento e as coisas que tinha que fazer. Parecia bem legal mas na hora eu ainda estava magooada por ter saído brigada com o Marco, não foi minha intenção

Tom: ei princesa

Star: que foi tom haha

Tom: sabe que eu gosto de você né

Eu fico vermelha

Star: claro que sei, também gosto de voc-

Tom: então me conta por que cê tá assim carai

Star: idiota

Eu suspiro, e fico com a minha cabeça nos ombros do Tom, praticamente pronta pra chorar

Star: eu não entendo o Marco

Tom: eu não te entendo 

Star: é sério idiota, ele... Ele tá namorando a Jackie e tudo mais mas tipo ele literalmente me ignorou na escola e e- e tudo mais e eu não entendo se sou eu que sou ciumenta ou se-ooou se sabe eu só queria saber se eu tô certa ou-

Tom me abraça, eu tinha esquecido como a presença dele me faz bem. Ele não perguntou nada, o que me ajudou a me sentir bem, foi como se fosse um "a culpa não é sua". Ele parou de me abraçar, e secou minhas lágrimas

Tom: sabe, o ele só tá um pouco orgulhoso.. você não deve se sentir assim, você gosta dele e isso é tão lindo. Não se sinta culpada Star, se você saiu brigada com ele, relaxa respira fundo quando voltar vai estar tudo resolvido, você conversa com ele e vai dar tudo certo mas tem que prometer não chorar

Poxa, fico até arrepiada de ouvir isso dele. É tão especial isso

Star: p-prometo!

Não foi uma ajuda tão grande assim, mas já me deixou animada o suficiente para não querer tocar nesse assunto durante essas duas semanas que iria ficar lá.

Os dias passam voando, eu fiz muita coisa divertida, bem desde de fazer pingentes roxos á caçar um ogro em um rpg. Passou realmente voando, só restavam alguns dias até o acampamento acabar. Nesse meio tempo me aproximei muito do Tom, ficamos praticamente o tempo todo juntos, a cabeça de pônei ficou com uns pôneis lá e meio que só isso mesmo haha.

Bem, agora só faltam 2 dias para eu sair do acampamento e ir para Terra, sinceramente eu estou muito animada para aproveitar isso aqui.

Nos sempre acordamos, e vamos ao mural para ver que atividades temos, na maioria eu e o Tom sempre "matamos" essa atividades e vamos a floresta, para sei lá até ficar conversando, usando a varinha, ou conversando com o meu conselheiro, Glossarick até que nós lembramos que ele me avisou que ia tirar uns dias de descanso

Tom: Ei princesa

Star: já disse pra parar de me chamar assim Lucitor

Tom: já disse pra parar de me chamar assim staaaar

Star: haha boa tentativa- digo pulando em algumas pedras, que tem no riacho onde estávamos- eu só paro se você parar

Tom: então boa sorte princesa

Star: seu estranho e tem mas uma coi- acabo escorregando e Tom me segura

Tom: calma aí princesa

Star: te odeio

E ficamos a tarde, naquele riacho jogando pedras ou procurando jóias perdidas ou coisas assim. Os dóis dias passaram, e já era hora de irmos embora. Estava com um vestido que sempre uso e um colar com uma pedra que Tom tinha me dado/encontrado no riacho e em troca eu dei outra pra ele.

Tom: bem acho que é isso Star haha, adeus princesa nos vemos em outra hora?- ele fala se curvando para mim, esse estranho haha

Star: ah sinto muito pobre plebeu mas infelizmente venho a te dizer que não poderei comparecer ao nosso próximo respectivo encontro pois-

Tom: tá bom chega princesa hahaha

Rimos, e Tom pede para ir comigo até a Terra para me deixar lá, acho fofo. Eu não ia conseguir ir lá sozinha mesmo.

Star: ah droga

Tom: o que foi princesa?

Star: acho que deixei a minha tesoura mágica cair em algum lugar

Tom: e eu também não tenho a minha 

Suspiramos, até que ele começa a rir, estranho

Tom: tô brincando princesa, aqui oh eu tenho uma reserva

Star: te odeio

Ele abre o portal, e pego minhas coisas e passamos por ele, demoro muito para chegamos lá, Tom explicou que aquela tesoura era um pouco mais velha e por isso demorava para abrir o portal.

Star: fiquei sabendo que você tá saindo com a janna, o que acha dela? - tentei disfarçar o ciúmes que fiquei 

Tom: calma princesa, ela não vai roubar o seu lugar no meu coração- ele diz sorrindo docemente para mim, aí meu Deus

Chegamos, e ele deixa minhas coisas na sala, vejo que os pais do Marco não estavam, acho que saíram ou algo assim. "Acho que não tem ninguém aqui, será que estávamos invadindo?" Pergunto para ele, logo responde que teoricamente não, pois eu já morava lá. Rimos um pouco, e já íamos nos despedir quando o Marco apareceu gritando comigo

Marco: STAR ONDE VOCÊ ESTAVA? - ele parece muito bravo, fico sem entender ele vem em minha direção acho que ia me bater..

Tom vai correndo e separa eu e ele antes que o pior aconteça. Ele continua gritando algo sobre por quê eu sai com ele, e por quê eu não chamei ele e etc mas Tom parece bem calmo, e só fica sem graça com a situação, ele sussurra pra mim perguntando se o Marco bebe ou algo assim, respondo que pelo que eu sei não. Até que Tom perde a paciência

Tom; escuta aqui Marco, ela tava comigo no acampamento de férias, e tá tudo bem com ela, eu não chamei ela a força nem ameacei

Marco fica quieto

Tom: e olha aqui, se você ameaçar ela de novo eu juro, mas eu juro que eu volto e te dou uma lição bem dada. - ele diz sério se virando para mim.

Ele me dá tchau e tchau pro Marco, e abre outro portal e sai. Fica um silêncio estranho na sala. Marco sem jeito por toda aquela cena, e eu bem cheia de malas que alguns minutos atrás feliz. Ele me encara e eu encaro ele de volta. 

Marco: Ah Star bem... Como foi o-

Star: Agora não Marco, não fod- nem termino de falar, e já viro os olhos, não vale a pena. 

Subo nas escadas com as malas, deixando Marco sozinho na sala. Ele parece dizer algo mas eu ignoro, não tô com cabeça pra isso.

Amanhã vai ser um dia bem longo, arrumo minhas coisas e me deito

Star: obrigada pelo acampamento Tom..- caio no sono após cochichar isso


Continua ...





Notas Finais


É isso vlww2

Comenta pufavo meuh


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...