1. Spirit Fanfics >
  2. Entre Golpes e Beijos - Taekook >
  3. Capítulo 7 - A melhor noite de todas.

História Entre Golpes e Beijos - Taekook - Capítulo 7


Escrita por: e SornNukenin


Notas do Autor


Olá pessoinhas, tudo bem? Espero que sim.

Bom, mais um capítulo para vocês. Espero que gostem, boa leitura!

Capítulo 7 - Capítulo 7 - A melhor noite de todas.


Fanfic / Fanfiction Entre Golpes e Beijos - Taekook - Capítulo 7 - Capítulo 7 - A melhor noite de todas.

─ Taehyung... ─ Zitão apontou com o olhar para a porta, assim que olhei, Jungkook e os dois amigos dele haviam entrado.

─ Era só o que me faltava, ele está me seguindo, só pode. ─ Revirei os olhos.

─ Quem está te seguindo? ─ Perguntou Jisoo olhando para eles. ─ Ah, entendi. Até hoje nunca entendi seu problema com ele...

─ Só não quero ele perto de você, de nós, de mim. 

─ Não vai mesmo me contar o que rolou entre vocês para gerar esse "ódio" todo por ele? ─ Ela erguiu as sobrancelhas.

─ Não, é passado.

─ Mas você continua odiando ele. 

─ Eu não vou mudar isso. ─ Olhei para ela. 

─ Não estou pedindo que mude eu... Arg. ─ Ela bufou.

─ Sério que vocês vão discutir agora? ─ Jennie que estava ao lado de Zitão a um tempo disse pela primeira vez desde a nossa entrada no estabelecimento. 

─ Não. ─ Respondemos em uníssono. 

─ Ótimo! Vamos apenas aproveitar, os meninos jogarão em breve, e não terão tanto tempo assim para sair conosco. 

─ Prometo te contar depois, ok? ─ Ela acentiu e eu ergui seu rosto e a puxei para um selinho. 



Jungkook


─ Vocês sabiam que ele viria? ─ Perguntei.

─ O Taehyung? Não. ─ Enwoo respondeu. 

─ Relaxa cara, apenas ignore ele. ─ Jinsung colocou sua mão no meu ombro. 

─ Vou tentar, isso é tão desconfortável. ─ Suspirei. 

─ Olá, qual vai ser o pedido dos senhores? ─ O moço que antes estava na arquibancada estava parado em nossa frente. 

─ Hmm, queremos duas pizzas. Uma de calabresa e a outra de quatro queijos, e um refrigerante. 

─ Batata fritas também. ─ Sugeri. 

─ Só isso? ─ Acentimos. ─ Muito bem, já trago para vocês.

─ Legal. ─ Eunwoo sorrio. 

─ Vocês alguma teoria para contar? ─ Jinsung perguntou.

─ Jinsung é fanático por teorias, mais uma coisinha sobre ele. ─ Disse Enwoo. 

─ Tenho algumas de terror sobre personagens da Disney. 

─ Tinha que ser logo da Disney? Aquele parque é bizarro, na minha opinião.

─ Prefere que eu não conte? ─ Perguntei.

─ Do que está falando? Pois é agora que você tem mesmo que contar. ─ Respondeu Jinsung.

─ Certo, tem uma teoria sobre o Peter Pan, dizem que ele é um anjo que guia as crianças para a terra do nunca quando elas morrem ─ Jinsung me encarou incrédulo.

─ Por isso as crianças não envelhecem? Nunca mais assistirei Peter pan na minha vida. 

─ Essa nem é a parte bizarra, dizem que a Ariel da pequena sereia e ele são do mesmo universo e que o capitão gancho teria matado a mãe dela. ─ Concluí.

─ Nossa, conte uma de terror. ─ Eunwoo parecia animado.

─ Podemos falar de vídeo games. ─ Optou Jinsung.

─ Não seja medroso, hyung. Quero ver as teorias dele. ─ Eunwoo fez um bico. 

─ A uma teoria de que "jogos mortais" e uma continuação daquele filme de natal "esqueceram de mim". 

─ Wow, conte mais, conte mais. ─ Pediu Eunwoo.

─ De início eu fiquei: Cara, que viagem é essa? Mais parando para pensar, o personagem principal de esqueceram de mim, ficou traumatizado pelo fato de ter sido esquecido, de ficar sozinho e de quase ter a sua casa invadida por bandidos e por isso acabou se tornando o Jigsaw do futuro. 

─ Senhores, seus pedidos. ─ Assim que o moço disse isso, Jinsung gritou atraído olhares de todos, ele corou logo em seguida. ─ Oh, eu assustei você?

─ S-sim. ─ Ele ficou cabisbaixo. 

─ Desculpa. ─ Ele colocou a mão na nuca. 

   Já não estavam mais prestando atenção em nós, exceto Taehyung. 

─ Tudo bem. 

─ Aqui está o pedido de vocês, qualquer coisa é so chamar, com licença. ─ Esperamos ele se afastar. 

─ Ok, continua. ─ Abrimos a caixa de pizza e cada um tirou uma fatia.  

─ Acabou, vamos falar de jogos agora? ─ Ele modiscou um pedaço da sua fatia de pizza ─ Por favor. ─ Fez um bico.

─ Podemos falar sobre 

World of Warcraft. ─ Sugeri.

─ Joga Word of warcraft? ─ Eunwoo ficou surpreso.

─ Jogo, eu sou um nerd também. ─ Respondo.

─ O melhor dos vídeo games são os eventos, com certeza. 

─ Pode ser. 

─ Quer saber de uma coisa legal, Taehyung está indo embora. ─ Eunwoo disse num tom baixo para que ele não escutasse. 

─ Eu havia esquecido que ele estava aqui também. ─ Digo.

─ Relaxa, ele já está indo. 

(...)

  Andávamos pelos corredores vazios do prédio dezesseis, Eunwoo, Jisung e eu enquanto conversávamos sobre a noite de hoje. Depois que Taehyung saiu pude me soltar mais, e então decidimos usar o dance da la casa da pizza. Dançamos, fizemos karaokê e bebemos várias latinhas de refrigerante. Já era tarde, fomos os últimos a sair do estabelecimento, e eu cheguei a conclusão que jamais havia me divertido tanto quanto ao lado desses dois.

─ Cara, foi a melhor noite de todas. ─ Jinsung disse. 

─ Estou até cansado. ─ Eunwoo disse após um bocejo.

─ Também estou cansado, nunca havia me divertido tanto quanto hoje. ─ Sorri.

─ Está com nós agora. ─ Paramos enfrente ao quarto depes.

─ Até amanhã, Jungkook-san. ─ Eles disseram em uníssono.

─ Até amanhã. ─ Sorri e fiz um aceno. 


No dia seguinte...

     Quando abri meus olhos de manhã, percebi que ainda estava muito cedo. Quando olhei para o lado, Jimin não estava na sua beliche e Taehyung dormia tranquilamente na sua com uma mão atrás da cabeça e as pernas esticadas uma em cima da outra, cruzadas. Me levantei cautelosamente tentando fazer o mínimo barulho possível para não acorda-lo, olhei para a beliche de Yoongi e ele também não estava nela, me perguntei aonde esses dois estavam tão cedo assim, olhei para o relógio e ainda eram seis e sete da manhã.

   Fui em direção ao banheiro, fiz minhas higienes matinais e voltei para o quarto para pegar a toalha e meu uniforme antes de voltar para o banheiro de novo. Após isso, tomei um banho demorado e lavei meus cabelos, e so sai daquele banheiro após secar meus cabelos e deixa-los de um jeito agradável. Na verdade, esperava demorar o bastante para não dar de cara com Taehyung quando saísse. Mas quando voltei ao quarto, ele ainda estava deitado na mesma posição. Observei ele por um tempo.

─ Ainda com essa mania de observar as pessoas enquanto elas dormem? ─ Ele continuou de olhos fechados. 

─ E-eu...

─ Esquece, foi uma pergunta retórica. ─ Ele abriu os olhos. ─ Teve uma ótima noite depois de estragar a minha? 

─ Eu não sabia que estaria lá. ─ Fiquei cabisbaixo. 

─ Jura, porque jurava que estava me seguindo. Está em quase todos os cantos...

─ Eu não sabia, tá ok? Eu só queria me divertir um pouco. Desculpa se estraguei sua noite. ─ Quando eu ia sair do quarto epe me chamou.

─ Espera ─ Me virei para encara-lo. ─ Eu não estava falando sério. 

─ Hmm. ─ Ele cerrou os olhos.

─ Jungkook...

─ Sim.

─ Eu queria saber se você... ─ Ele pareceu pensar. ─ Ah, esquece. Não é nada... ─ ele saiu do quarto sem ao menos deixar eu dizer uma palavra. 
 
─ Taheyung-kun... ─ engoli um seco e fui para a porta observar ele se afastar me perguntando o que será que ele queria. 


Notas Finais


Eu amo o Jinsung mano. 😔

Até a próxima!
.
.
.
.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...