História Entre Luzes e Sombras - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Asriel Dreemurr, Chara, Frisk, Papyrus, Personagens Originais, Sans
Tags Angst, Aus, Chans, Chara, Chariel, Charisk, Colegial, Crossmare, Dreamtale, Drink, Errorberry, Errorink, Frans, Frisk, Friskiel, Hatemare, Multiverso Undertale, Nightcross, Rarepair, Sans, Ship, Ships, Todomundovaisofrer, Underfell, Underswap, Undertale, Versões Humanas, Xtale
Visualizações 62
Palavras 850
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Fluffy, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Pansexualidade, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieee- tô viva. Descupa a demora, problemas com bloqueio artístico e com o arquivo, que acabou sumindo junto de umas coisas do pc, mas agora eu estou aqui, com o novo capítulo...! Espero que gostem! ^-^

Capítulo 2 - Alvorecer



Ao chegarem á escola, Cross e seus irmãos encontram um garoto de olhos azulados, o jovem usava um lenço de cor turquesa, roupas aparentemente de pessoas que costumam fazer caminhadas ou esportes e tinha a pele ligeiramente bronzeada, ao lado dele andava uma garota de cabelos ruivos e lisos, seus olhos eram de uma leve tonalidade carmim e as bochechas da jovem possuíam um leve rubor natural e algumas sardas. 

Frisk se aproxima dos dois, com o mesmo entusiasmo de sempre. – Olá! – Exclama o garoto de pele pálida, surpreendendo um pouco os outros dois pela sua chegada repentina.            – Quem são vocês? Eu sou Frisk! – ele pergunta aos dois, circulando-os algumas vezes.

O jovem de olhos azulados abre um leve sorriso ao ver a animação de Frisk e o cumprimenta com um aceno. – Oh. Olá, – fala o de lenço turquesa – Bem, pode me chamar de Blue. 

    A garota de olhos avermelhados acena e sorri quietamente. – Ah sim. E essa é Char. – Blue apresenta sua amiga, com um leve sorriso em seu rosto. Também demonstrando animação, Char anda até Frisk e estende uma mão, oferecendo um aperto de mão ou talvez um ‘toca aqui’.  

          Frisk decide aproximar a mão a de Char, com a intensão de fazer um ‘toca aqui’. Porém quando o de roupas em cores monocromáticas estava prestes a encostar a mão na da de roupas esverdeadas, ela afasta a mão rapidamente e, com um olhar brincalhão e sorriso vitorioso, sussurra para apenas o de cabelo escuro ouvir.  – Trolei.

    Frisk se sente surpreso, ele não esperava que ela fosse ter essa atitude, mas não se sente triste ou magoado. Frisk até sente os cantos dos lábios formando um leve sorriso. – pfff... Heh. Boa, mas da próxima vez não cairei nessa.

       A de olhos vermelho carmim sorri de forma jovial e fica com uma leve expressão de quem questiona se Frisk realmente conseguirá escapar da próxima pegadinha que ela planeja. 

Sem demorar, Char leva uma mão até um ponto da roupa de Frisk e fala para ele: – Oh. Aqui está sujo. – Frisk reflexivamente olha para o ponto indicado por Char, mas não há nada lá... Confuso ele olha para ela, que leva o dedo ate a ponta do nariz dele e o aperta levemente. – Roubei seu nariz. – A jovem de suéter verde e amarelo fala em um tom brincalhão. 

   Frisk olha para ela e não tem o trabalho de conter leves risadas de surpresa pela forma de agir de Char. – Hehe... Okay, vou admitir que talvez você tenha um talento nisso. – Fala ele, referindo-se á habilidade de Char com as pegadinhas. 

Chara suspira e franze o cenho, o de cabelos brancos apenas observava os dois até agora, mas decide falar algo, para o bem de sua própria paciência. – Ô criança eterna. Cresce. – Ele fala para Frisk, que provavelmente não prestou atenção, ou se prestou não parece ter ligado.

Cross olha para os três humanos.  – Eu acho que seria melhor se fôssemos logo para a sala. Pois como eu sou o mais ‘responsável’ dessa matilha de loucos, tenho que dar um exemplo bom. – Ele fala, com um sorriso irônico no rosto ao falar “responsável”, pois os três irmãos sabem muito bem que ele não é nada próximo a essa palavra. 

E assim, Cross, Frisk, Chara, Char e Blue vão até a sala de aula, prontos para o inicio de mais um ano letivo. Assim como outros alunos, o grupo não sabia o que esperar dos meses que viriam à frente.

_______°•°•°•°•°•°•°•°•°______

Um cheiro pungente de fumaça de cigarro pairava no ar, queimando as narinas dos que não fossem acostumados ao típico ar insalubre do local mal iluminado. Com passos incertos, uma figura se aproximava de um homem de roupas escuras que estava sentado em um ponto semelhante a um trono improvisado, olhando para sua pequena gangue da forma que um rei olharia o para seus súditos. Esse homem possuía cabelos em tonalidade cinza esfumaçado e pele escura, seus olhos vermelhos rubi brilhavam com um brilho perigoso, e suas vestes pretas eram decoradas com plumas e detalhes vermelhos.

–... Chefe? – A figura que se aproximava fala com. É possível ver que ele usa um casaco azulado e um suéter preto por baixo. O homem tem olhos com íris completamente pretas e uma expressão indecifrável no rosto.

– O que é? Se for problemas com aqueles ratos que vocês chamam de humanos, nem venha falar comigo. – Fala o de olhos avermelhados com um tom de superioridade. O de casaco apenas limpa a garganta e mostra um papel a ele. – Não. Vim falar sobre um ser mágico que vi quando estava indo ao colégio. Ele derrubou este papel. Tem algo sobre ódio e negatividade... 

     Ao ouvir essas palavras, o outro sorri e olha para o outro, com um brilho de interesse faiscando em seus olhos. – Hum. Traga esse ser mágico até aqui. Por bem ou por mal- – Ele parece pensar melhor e ter outra ideia. – Pensando bem... Descubra tudo sobre ele. Suas fraquezas, seus medos... Tudo. Eu quero um relatório completo até sexta-feira. – Fala o ser mágico de cabelo esfumaçado, dando um último sopro de fumaça e desaparecendo na mesma.


Continua...



Notas Finais


Ah sim. Eu vou remover alguns dos avisos, pois se eu for fazer algum lemon/nsfw/*insira a forma que você chama isso* será em um livro secundário, para que não dificulte a leitura de quem não é muito chegado à essas coisas.
Bem. Foi isso. ^-^ Espero que tenham gostado. Até a próxima...!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...