História Entre o amor e o ódio - Capítulo 11


Escrita por: e OhMaya

Postado
Categorias Matthew Daddario, Os Instrumentos Mortais, Shadowhunters
Personagens Matthew Daddario
Tags Abo, Amor, Casamento Arranjado, Ciumes, Harry Alfa, Lemon, Matthew Ômega, Mpreg, Ódio, Shumdario
Visualizações 35
Palavras 2.270
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Capitulo 10


Passa-se um tempo e eles já estão em dezembro, bem perto do natal. Faz um pouco mais de dois meses que Matthew e Harry se acasalaram, e agora, eles já se conhecem um pouco melhor e, então, foi mais fácil comprar os presentes de natal. Dessa vez, eles não precisaram de ajuda para os escolher.

Matthew e Harry estavam cada vez mais perto um do outro, mas ainda não tinha rolado o sexo ou caricias mais intimas entre eles. Em mais ou menos dois meses, Matthew entrará novamente no calor e eles esperam que possam concluir o acasalamento.

Como é o primeiro natal de Harry e Matt, eles resolveram dessa vez passar só eles juntos na véspera, mas eles irão passar o dia de natal com a alcateia e as suas famílias. E será nesse dia que ele irá o apresentar oficialmente a sua alcateia.

Eles estavam atrasados na decoração de natal, então, lá pelo dia 20 de dezembro, eles resolveram começar a enfeitar a sua casa. Eles não tiveram tempo de enfeitá-la antes, pois quando eles voltaram a trabalhar, eles estavam cheios de serviços.

Eles passaram uma tarde bastante divertida enquanto enfeitavam sua casa para o natal. Depois de pronto, eles admiraram o seu trabalho.

Em sua sala de estar, tinha uma árvore de natal de quase três metros de altura com diversos enfeites nelas e luzes coloridas.

Em cima da lareira, tinha alguns enfeites e em sua frente, tinha duas botas de natal. Na parede, tinham umas renas e papai noel pendurados. E por toda a casa, por dentro e por fora, tinham luzes de natal e alguns enfeites. Harry vendo o trabalho deles já acabado, puxa Matt pela cintura e o beija apaixonadamente. Matthew geme no beijo.

Depois que o beijo termina, Harry fica olhando para Matthew.

- O que acha de irmos tomar um banho de piscina, em? – pergunta Harry, olhando animado para Matthew.

Matt assente com a cabeça e eles vão se arrumar.

Harry coloca uma sunga de cor vinho e Matt de cor azul. Quando eles se veem em suas roupas de banho, o coração deles se aceleram e suas bocas ficam secas e eles começam a encarar o corpo um do outro. Então quando eles percebem que o outro reparou no que eles estavam fazendo, eles ficam corados e saem da casa e vão pra piscina.

Matt e Harry passaram a tarde toda se divertindo na piscina, o dia estava ótimo, com um sol radiante.

Harry foi pedir para as empregadas para preparar um lanche para os dois.  Quando ele voltou, Matthew estava sentado na beira da piscina, o alfa ficou observando o corpo de seu ômega, o olhava de uma forma quente. Harry apreciava muito o corpo de Matthew, o desejava muito.

O alfa se aproximou e se sentou ao lado de Matthew, na beira da piscina.

- Pedi o lanche. – falou Harry.

- Vamos dar um último mergulho! – afirmou Matt.

Ambos ficaram em pé, na beirada da piscina, e pularam na água de mãos dadas. Após o mergulho, eles começaram a se beijar, um beijo doce com uma pitada de pimenta. Arrancando suspiros de ambos, Harry o encostou na parede da piscina, o prensando. O alfa começou a beijar o pescoço do ômega, Matt começou a gemer, estava com o corpo todo arrepiado.

- Harry... Eu quero tentar uma coisa! – diz Matt, entre gemidos.

- O que você quiser, meu docinho. – diz Harry, lhe olhando com carinho.

Matt lentamente posicionou sua mão na sunga de Harry, com as mãos trêmulas o ômega começou a acariciar o membro do seu companheiro por cima do tecido. O membro do alfa já estava ereto, deixando Matt animado. Matt começou a movimentar as mãos no intuito de dar prazer ao seu alfa, Harry soltou um gemido rouco.

De repente, eles são interrompidos pela empregada.

- Senhores Daddario Shum? O lanche está na mesa. – diz a empregada com um sorriso tímido, mas fingindo não ter visto nada.

Matthew e Harry se afastaram frustrados.

- Obrigado. – Harry agradeceu a empregada.

Eles saíram da piscina, se secaram nas toalhas e foram para a cozinha lanchar.

 

E então chegou o dia 24, véspera de natal, o primeiro natal deles juntos. Eles esperavam que o seu companheiro gostasse do presente que eles tinham comprado. Harry, nesse dia, tinha dispensado a cozinha, pois ele queria fazer a comida para o seu querido ômega. Ele não ia fazer nenhuma das comidas tradicionais de natal. Ele faria as comidas preferidas de seu Matthew. Ele resolveu fazer uma lasanha de frango e um pudim para o seu ômega.

E então, depois que estava tudo pronto na cozinha, ele e Matthew resolveram ir se arrumar para a noite deles.

Matthew colocou um terno vermelho com uma camisa social de cor preta com sapatos pretos e ele arrepiou seus cabelos de como o seu alfa gostava que ele usasse. E Harry colocou um terno verde escuro com uma camisa social de cor branca e sapatos marrons.

Eles desceram e quando se encararam, eles perderam o fôlego com a beleza um do outro.

Então, Harry o puxou para um beijo apaixonado.

- Olá, lindo. – ele diz acariciando a bochecha do ômega.

Harry puxa Matthew para eles poderem tira algumas selfies juntos. E então ele pega e coloca uma delas de tela de fundo de seu telefone.

Então eles entrelaçam as mãos e vão para a sala de jantar desfrutar de um lindo jantar de natal.

Quando Matthew coloca a lasanha na boca, ele geme de prazer.

- OMG Harry! Isso é muito bom. – diz Matthew com uma expressão de felicidade.

- Que bom que gostou, querido. – diz Harry entrelaçando os seus dedos com os de Matt em cima da mesa.

Eles sorriem um para o outro.

Depois de um jantar maravilhoso e de uma sobremesa muito boa, eles vão para a sala de estar ficarem um pouco juntos antes de terem que ir dormir, pois no dia seguinte eles tinham almoço com a família e com a alcateia na casa Shum.

Matthew se senta no sofá enquanto Harry liga o rádio e começa a dançar e rebolar em sua frente o que faz com que Matthew fique ofegante. Harry sorri quando constata isso.

Quando começa a tocar a música preferida de Harry, que é I get to love you da Ruelle, ele vai até Matt e lhe oferece a mão.

- Dança essa comigo? – pergunta Harry.

Matt assente com a cabeça e Harry o puxa para perto. Eles se olham nos olhos e começam a dançar lentamente, sem tirar os olhos um do outro.

 

Um olhar para você

Minha vida inteira se alinha

Eu orei por você

Antes de chamar você de meu

 

Harry coloca a mão nas costas de Matt os aproximando cada vez mais. Seus corações se aceleram e suas bocas ficam secas. Então Harry se inclina e o puxa para um beijo apaixonado. Matt abre a boca e Harry adentra a língua em sua boca, aprofundando o beijo e o deixando mais quente.

 

Eu começo a te amar

É a melhor coisa que eu farei

Eu começo a te amar

É uma promessa que estou fazendo a você

O que for que aconteça seu coração vou escolher

Para sempre eu sou seu, para sempre eu sou.

 

Então eles entregam os seus presentes. Harry tem uma coleção de pulseiras e braceletes então Matt lhe deu uma pulseira de couro e no pingente da pulseira que ficava no meio dela, estava escrito Daddario Shum, o sobrenome de sua família.

Harry lhe deu um colar dourado e no pingente estava escrito “Always”.

Sem saberem, eles combinaram os seus presentes.

Então eles se beijaram.

Depois do beijo, eles se olham nos olhos e resolvem ir se deitar, pois no outro dia, teriam que levantar cedo.

 

No dia seguinte:

 

Eles se levantam lá pelas dez da manhã, se levantam, tomam banho e se arrumam pra irem para a casa Shum.

Matthew está vestindo uma bermuda de cor cáqui com uma blusa de manga curta de cor vinho e tênis brancos.

Harry está vestindo uma bermuda branca com uma blusa de manga curta na cor azul escuro e tênis pretos.

 

Na casa Shum:

 

Eles chegam lá e todo mundo está feliz lhes desejando um feliz natal. Harry resolve puxar Matthew e ir falar com a sua alcateia logo, pois ele sabe que depois ele irá esquecer e ele precisa falar com eles o mais rápido possível.

Então, ele olha cada membro de sua alcateia nos olhos e aponta em direção ao escritório e então eles sabem que devem seguir o seu alfa.

Na sala entram Will com Katherine, Emeraude e Alberto, Alexandra e David e por último Isaiah com Vanessa.

Harry está sentado na cadeira que fica atrás da mesa com seu ômega em seu colo. Matt esconde a cabeça no pescoço de Harry, pois fica com vergonha ao ver tantos alfas lhe encarando.

Alexandra percebe que a interação entre os dois está melhorando e ela fica feliz por seu irmão estar feliz com o seu alfa.

Quando todos se sentam nos sofás que tem no escritório, Harry ajeita Matthew em seu colo, puxa sua cabeça para frente, lhe dá um selinho demorado e finalmente olha para a sua alcateia.

- Bom, primeiramente, feliz natal para vocês. E segundo vamos falar de algumas coisas que vão mudar e mudaram em nossa alcateia. Vanessa, Katherine e Alexandra ainda não são oficialmente de nossa alcateia, mas em breve elas serão e é por isso que elas estão participando dessa pequena reunião para ver como as coisas funcionam em nossa alcateia. Sejam bem vindas. Como todos sabem, há quase três meses eu me acasalei com o meu querido Matthew aqui. – Harry olha com carinho para Matt deixando suas bochechas coradas – E com isso algumas coisas mudam. Ele será o meu braço direito em tudo o que diz respeito à alcateia. Então caso precisem de algo e eu não esteja, vocês devem falar com ele. Uma coisa que eu não aceito é que vocês o ordenem e caso eu descubra que alguém fez isso, terá graves consequências. As regras anteriores ainda estão em vigor. Só adicionei essas para vocês verem como tudo irá funcionar de agora em diante. Estamos entendidos? – pergunta Harry olhando para a sua alcateia.

- Sim, alfa. – a alcateia lhe responde.

Eles ficam em silêncio e então todos de repente começam a encarar Matthew. Isso o deixa desconfortável com tantos olhares sobre isso. Então, ele se mexe inquieto no colo de seu alfa o que faz com que Harry crie uma pequena ereção.

Harry segura sua cintura para ele parar de se mexer e não acontecer um constrangimento maior em frente a sua família e alcateia.

Harry olha para a sua alcateia e rosna para eles com os seus olhos vermelhos de alfa ativados.

Eles param de fazer isso e vão para a sala.

Eles passam um dia bastante agradável com sua família e com sua alcateia. Matt conheceu um pouco melhor a alcateia e ele gostou ao perceber que eles gostam dele. Ele fez uma amizade bastante rápida com Isaiah, mas, com os outros ele fará também, mas isso só levará um pouco mais de tempo.

Harry, Matt e Isaiah passaram o dia grudado um no outro conversando sobre os mais diversos assuntos.

O ano novo eles também passam sozinhos. Mas dessa vez, é a empregada que faz jantar para eles. Como é ano novo, eles estão com roupas mais esportivas nas cores brancas.

No momento eles estão sentados na beira da piscina com os pés dentro da água e as mãos entrelaçadas enquanto observam os fogos que marcam o novo ano que se inicia.

Eles se beijam apaixonadamente e como as coisas começam a esquentar eles resolvem ir para o seu quarto. Eles podem não chegar a concluir, ou seja, fazer sexo, mas eles podem dar uns amassos e deixarem as coisas esquentarem um pouco.

Eles entram em casa e vão para o seu quarto aos beijos.

Eles estavam jogados na cama, sem blusa, apenas de cueca. Harry por cima de Matt. Eles estavam se beijando, um beijo cheio de luxuria. Matt gemeu no beijo, deixando Harry louco de tesão, seus membros já estavam eretos.

Harry começou a beijar o pescoço de seu ômega, descendo até os mamilos e acariciando o membro de Matt por cima da cueca, arrancando vários gemidos de Matthew.

Harry começou a sugar, lamber os mamilos de Matt, fazendo uma trilha de beijos até a cueca. O alfa percebendo que não teve nenhum protesto, então avançou, abaixando a cueca do ômega.

Harry começou a masturba-lo bem devagar e começou a sentir o cheiro dele, cheiro de suor misturado com o cheiro natural de ômega. Ele começou a chupar e a lamber suas bolas, bem devagar e bem gostoso. Harry fazia um trabalho completo, lambia a cabeça, chupava, fazia uma garganta profunda o que o fazia babar pelo canto da boca. Matt estava entregue ao prazer da boca quente a aconchegante de seu alfa.

- Harry, eu ... eu... voou gozar. – diz Matthew entre gemidos se contorcendo na cama.

Mas Harry o ignorou.

O pênis de Matt começou a pulsar muito. Então Harry continuou chupando forte e lambendo toda a extensão. Sugando bem forte a cabecinha, o alfa tinha prazer em ouvir o seu ômega gemendo. Matt começou a gozar na boca de Harry, que tratou de engolir todo o líquido do seu companheiro. O corpo de Matt se arrepiou, seu coração acelerou, era uma nova descoberta, e o melhor de tudo, era descobrir e sentir isso tudo com Harry. Matt se sentia feliz e satisfeito.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...