1. Spirit Fanfics >
  2. Entre o amor e o ódio >
  3. Chácara do cisne branco part - 1

História Entre o amor e o ódio - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Nessa capítulo as garotas iram se desentender bastante. Aproveitem 😘

Capítulo 5 - Chácara do cisne branco part - 1


Fanfic / Fanfiction Entre o amor e o ódio - Capítulo 5 - Chácara do cisne branco part - 1

Acordei, só que dessa estava sendo chacoalhada abri devagar os olhos e vie ser meu amigo Jorge.

Ain me deixa dormi - falei fechando novamente meus olhos

Não, que já está tarde e hoje nós temos um passeio a uma chácara ou você já esqueceu o que o diretor disse? - falou. Todas às quintas teremos viagens pra uma chácara pra descontrair e nisso participar de gincanas pra ganharmos pontos na aula de natureza - falou sorrindo

Ah, eu havia esquecido - na verdade eu lembrava sim, mais não queria sair da cama pra isso.

Vamos amiga a viagem é daqui 1 hora portanto se levante, tome um banho, coma algo e apronte sua mochila venho te buscar daqui meia hora - falou saindo

Aff -bufei. Mais vai que seja divertido, preciso de ar puro me faz bem, sai da cama fiz minha higiene matinal, tomei um banho rápido, vesti minha cueca box, uma calça preta estilo moletom e uma blusa vermelha lisa e coloquei minha jaqueta também preta. Calcei um dos meus coturnos pretos arrumei meu cabelo em rabo de cavalo, fiz uma maquiagem leve como sempre resaltei meus olhos e minha boca. Peguei uma mochila média, coloquei todos os itens necessários os de higiene, remédios caso acontecesse algo, como eu tenho alergia é bom prevenir logo terminei de arrumar a bolsa e saí . Como meu amigo disse que daqui a meia hora viria me buscar eu teria pouco tempo pra comer, fui em busca de algo rápido entrei na cozinha e abri a geladeira vi uma torta de limão peguei-a comi um pedaço com suco de laranja, eu sei coisa doce com suco doce não é lá algo muito bom logo de manhã. Mas eu precisava de algo mais prático, terminei e nisso ouvi meu amigo entrando com Megan e Beth que também era nossa amiga, mas havia faltado no primeiro dia, disse que estava viajando mais sei que ela estava mesmo é nas baladas com os Boys. Nossa amizade é mais pra saídas, por isso mal vejo ela. O que torna Megan e Jorge os meus amigos mais próximos principalmente em situações difíceis, as quais Beth sempre some então.

Bom dia Liu - disseram as duas

Bom dia lindas - respondi

Jorge estava de calça preta, uma blusa azul social e jaqueta também preta ele calçava um sapato moderno e seu cabelo todo pra cima estava um gato. Já Megan vestia um vestido vermelho com alças, uma meia calça e seu coturno preto com salto não muito alto, uma maquiagem forte estava gata. Beth como sempre no seu jeito mais despojado, um short curto, um blusão da 1D e seu tênis de rock, estava com pouca maquiagem pois dizia amar o natural e claro ela fica linda de todo jeito. Só tenho amigos lindos - sorri com isso

E aí amiga pronta - Jorge perguntou. Vamos passar 4 dias fora, portanto pegue tudo que precisar, e repelente você é branca não quero que fique marcada - disse com ar protetor

Sorri com isso. Você sempre tão protetor - falei

Claro, não quero que sofra como na escola, que levou várias picadas de abelha passou uma semana trancada usando aquela pomada horrorosa e ainda adoeceu com isso, fiquei mal te vendo daquele jeito amiga - disse meio pra baixo

Eu sei, e te agradeço muito por todo o cuidado te amo muito - falei o abraçando

Nossa como vocês dois estão melosos hoje Beth - disse rindo. Não sabia que eram tão gays assim - riu

Verdade viu - Megan completou. E nós rimos

Vamos gatas, está quase na hora do ônibus sair - Jorge disse. Seguimos até a escola de onde sairia o ônibus.

Pov Kim

Ain Brian não me apressa - falei já nervosa. Voltei três vezes no meu quarto pra vê se eu estava arrumada suficiente, estava vestida com uma jardineira jeans azul clara não muito curta, uma blusa branca por dentro e meu all star azul, uma maquiagem leve e meu batom claro, passei lápis de olho e não resisti em abri a mala mais uma vez pra conferi se havia pego tudo pra não ter problemas na tal chácara. Eu já havia feito trilha, então estava de boa, repelente eu precisaria com toda certeza. Estou pronta - falei aparecendo no andar de baixo, onde encontrei meu amigo já impaciente. Ele vestia um lindo moletom azul escuro, e uma bota escura também, de óculos preto parecia um boyzinho eu achava fofo quando ele se vestia assim, hoje está frio mais vou usar apenas um casaco.

Até que fim, vamos. Temos 15 minutos pra chegar na escola - ele disse. Saímos cantando pneu e logo mais já estávamos em frente a escola, descemos do carro ele entregou as chaves ao motorista e ele foi embora, eu tenho meu carro mais Brian faz questão de me levar pra os cantos então eu mal uso ele, mas vou voltar a usá-lo em breve. Nós dois seguimos direto ao ônibus sentei no meio com meu amigo e minhas amigas mais a frente, começamos a conversar até que todo mundo já estava dentro do ônibus nem notei que aquela garota estava atrás de mim e aí o diretor entrou com a professora Cruz, e anunciou :

Bom dia alunos e alunas, como sabem iremos a chácara Lago dos cisne branco vamos passar 5 dias por lá um dia pra descanso e os outros três em atividades e gincanas pra acumular pontos na matéria Natureza e a pergunta é porque precisamos desta matéria? Digamos que é uma forma de auto conhecimento tanto na natureza, caso se percam algum dia o que espero que não aconteça ou em suas casa, viajens e etc é importante saber sobre tudo isso. Voltamos na segunda de tarde, como são todos adultos não precisarei da assinatura dos seus respectivos pais, mais peço que se comportem e mais uma coisa - ele disse. Os celulares seram recolhidos assim que chegarmos a chácara então é isso, quatro dias sem celular, sem redes sociais, sem nada que seja virtual, apenas alunos, professores, eu seu diretor e a natureza estamos entendido?! - falou mais um aluno falou com ignorância

O quê? Porque isso, não posso ficar sem minhas redes sociais, eu tenho uma reputação a zelar - disse o aluno o qual não dei a mínima em saber seu nome

Meu caro aluno? - deu espaço pra ele dizer seu nome.

Metty - disse. Sr. Metty, se não está de acordo, nem tem interesse em obter conhecimento para futuras situações as quais você pode passar em sua vida, pois medicina não é apenas atender pacientes ou ser um médico de prestígio - fez uma pausa e logo continuou calmamente. É também saber resolver situações em lugares que passe, atender pessoas é mais que só ser um bom médico e sim, saber ser um bom médico. Portanto se pra você nada disso vale a pena vendo que não pode ficar míseros 4 dias sem uma aparelho celular, o qual nesta profissão você mal terá tempo para usá-lo, peço que se retire e escolha uma outra profissão pois aqui é para os que querem e buscam conhecimento e não diversão - disse em tom sério, o que fez todo mundo ficar calado e olhando com nervoso. Então Sr. Metty o que me diz? - perguntou

Desculpe Sr. Diretor, eu vim pra aprender e quero esta aqui - respondeu meio cabisbaixo

Ótimo, agora sim podemos prosseguir com a chamada e em seguida com nossa viagem - disse e olhou pra professora que também olhava sério.

Chamou cada um e todos estavam presentes, saíram 5 ônibus com total de 18 alunos em cada ônibus, ou seja 90 alunos mais no meio do caminho três desses 5 ônibus iriam para uma outra chácara pois nesta que iríamos só cabiam 36 alunos com a divisória dos quartos entre meninas e meninos - a professora explicou.

A viagem foi longa e logo mais chegamos era muito lindo o lugar e bem grande também, com uma enorme placa ' Chácara do cisne branco adentramos o local já com nossas malas e a professora abriu a porta junto ao diretor, e começou a explicar.

Bem galera como nesta turma tem 9 garotas e 9 garotos, e a outra turma também tem a mesma quantidade de alunos e alunas os beliches daram suficientemente pra todos se acomodaram bem, são 9 beliches em dois quartos separados claro, estão todos marcados de 1 a 9 pra não haver confusão, vocês vão precisar dividir o beliche portanto marquem bem seu lugar pra não haver confusão o que eu sei que não dará né. O corredor do lado oeste ficam somente as garotas e do lado sul somente os garotos. Fora que o quarto dos professores é bem no meio então nós professores estaremos sempre de olho em vocês para ajudar quando precisarem - disse nós olhando. Por agora as 18 garotas comigo e os 18 garotos com o diretor Francis Neto - falou e logo a seguimos.

Entrem - ela disse

Pov Kim

O quarto era enorme era do mesmo jeito que ela acabará de descrever, 9 beliches 5 do lado esquerdo e mais 4 do lado direito. Cada uma tinha uma mesinha pequena do lado e no final do quarto tem uma escada que dá pra um primeiro andar onde fica o grande guarda roupa dava pra por umas mil roupas ali dentro de tão grande que é, e dos lados ainda no primeiro andar tinha 9 portas sendo 5 de um lado e as 4 do outro lado, creio que seja os banheiros tudo muito organizado já pra as 18 pessoas que ali ficariam por alguns dias e no fim do cômodo uma enorme janela já gostei - disse em pensamento.

Bom se acomodem, descansem por agora e depois desçam pra comer e cantar na fogueira. Amanhã no final da tarde estaremos dividindo as equipes e cada atividade dos grupos. Nos vemos daqui a pouquinho - disse a professora saindo

Pov Liu

Fui direto pra cama peguei um beliche na parte de cima, amo as alturas deixei meu livro em cima da cama já marcando meu território e Megan ficou na parte de baixo da minha beliche, éramos o beliche 2 e Bety ficou do nosso lado também na parte de cima e dividiu com uma garota da outra turma beliche 1 o dela, a garota é bem legal e logo fizemos amizade. Pra o meu desprazer aquela coisa irritante pegou o beliche do meu outro lado ficou com o 3 beliche já que os outros estavam todos ocupados muita mulher junta não ia da certo - rie

Liu - Megan chamou

Oi - Respondi

Vamos guardar nossas coisas? - perguntou

Vamos - respondi. Saí e quando cheguei fiquei admirada com a vista que dava pra vê pela grande janela, me aproximei e fiquei olhando um tempinho, notei que Megan já havia saído - aquela vaca saiu e me deixou sozinha - Pensei. Então fui guardar minhas coisas dentro do grande guarda roupa estava marcado o espaço de cada um, ou seja, não podiam ter espaço de mais e os outros de menos era tudo igual ali. Assim seria mais fácil, arrumei minhas coisas e senti um empurrão do lado acabei metende a testa na porta do guarda roupa e me irritei com isso.

Você percebeu que eu tô aqui - falei me ajeitando

Aa, desculpe é que eu não reparo em coisas inúteis - disse Kim rindo

Olha garota presta atenção em uma coisa - disse alisando a minha testa dolorida. - Baixe a bola que acha que tem aqui dentro e faça o favor de não esbarrar mais em mim - falei

Ooh, sory girl não tenho culpo se você ficou no andar errado - falou e isso fez meu sangue ferver

O que você disse? - perguntei a empurrando na parede com força do lado do grande guarda roupa sem me importar se ela iria se machucar, ela arqueou a sobrancelha sorriu debochadamente e disse :

Além de idiota ainda é surda? - falou. Eu disse que aqui não é o seu lugar.

Acha que por eu ser intersexual sou menos mulher que você? Como esta enganada Kimberly, e sinceramente eu sei o quanto é idiota e insuportável mais não sabia que era também tão insignificante, meu Deus que nojo que você me dá - disse a soltando e saí.

Pov Kim

Fiquei ainda ali na parede um pouco nervosa, e ouvi Hillary sair do banheiro.

Amiga o que deu em você - perguntou. Porque foi falar isso com ela, poxa Kim você não é assim e não devia ter dito aquilo, ela deve está se sentindo mal agora - falou

Eu sei que exagerei em dizer algo referente a condição dela, mais ela também me ofendeu - disse me defendendo

Você quem começou, olha amiga sério peça desculpas pois a Kim que eu conheço não é preconceituosa e ainda mais tendo uma tia que também é ou já esqueceu - falou me deixando pensativa sobre

É diferente - respondi

 Não é não e você sabe. Agora vamos, tô com fome - disse e saímos.


Notas Finais


Vishi, a Kim pegou pesado agora hein

Nos vemos no próximo CAP
Bjs🥰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...