1. Spirit Fanfics >
  2. Entre Países...? >
  3. Primeiro encontro

História Entre Países...? - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Primeiro encontro


Fanfic / Fanfiction Entre Países...? - Capítulo 1 - Primeiro encontro

Beep  Beep  Beep  Beep

Tu está escuro

Beep  Beep  Beep  Beep

Eu consigo sentir o sangue e o fogo na minha cara

Beep  Beep  Beep  Beep

Se eu pelo menos.... 

Beep  Beep

Tivesse tido.... 

Beep Beep

Mais tempo 

 

 

 

 

 

 

Beep  Beep  Beep  Beep  Beep  Beep  Beep  Beep

Eu abro meus olhos sentindo o sol no meu rosto e com o barulho irritante do despertador. 

Com um pouco de preguiça eu pego meu celular e vejo que já está na hora de eu me arrumar para a escola.

Mas eu não consigo pensar nisso agora. Aquele sonho... Eu tenho tido esse tipo de sonho todas as noites, desde alguns meses atrás.

Minha mãe acha que eu posso estar conectado a alguém... Algum país... 

Mas eu não sei ao certo. 

E já que você está prestando atenção em mim...

Oi, meu nome é Brasil e eu sou o país mais doido do mundo. 

 

 

 

É verdade, eu tenho um documento que comprova isso UwU) 

Eu preciso de tratamento owo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu vivo num lugar onde todos os países têm vida, têm as suas próprias opiniões e os seus próprios costumes. 

E tem os humanos também, pessoas que muitos países não acreditam que sejam reais, mas a própria ciência diz que os humanos são o que nos levam a fazer decisões. Eles até mesmo têm a sua própria sociedade dentro de nós acredita?

 

BRASIL! Llegaremos tarde a la escuela!

Brasil: Sim sim! Eu já estou indo! 

Essa é a minha irmã, Argentina. 

Eu tenho 11 irmãos

Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela

A nossa casa é só a 3° Guerra Mundial, a gente só não se mata porque se ama Únù

Talvez você ache estranho a gente ir pra escola tendo em conta que somos países.

Isso na verdade foi uma tática para que os países saíssem de casa e tivessem um rotina.

 

Todo mundo sem rotina estava um caus, vários países estavam com muita falta de interação social até com a própria família e isso preocupava a Terra e a Lua.

 

Eu achei uma boa ideia, além de criar uma rotina vai nos ensinar coisas dos outros países à nossa volta, talvez nos ensinar como os nossos corpos funcionam, nos ensinar a respeitar o próximo.

 

Eu sinto que vai ser uma boa experiência uwu

 

O primeiro dia de escola foi ontem, que a gente foi pra escola só para conhecer a escola, entender como os horários vão funcionar, as matérias que vamos ter e o mais importante! O lanche! Únù

 

Agora as aulas vão oficialmente começar! É empolgante owo

Talvez seja só hoje e daqui a 1 mês eu já não aguente mais ir pra escola? Talvez. Mas nada me impede de achar empolgante agora!

 

Eu entro na Van colorida da minha mãe juntamente com os meus irmãos e ela começa a dirigir pra escola ouvindo música bem alta. Dirigindo rápido e talvez perigosamente demais, a gente chegou na escola em 20 minutos. Ela parou o carro e nos desejou boa sorte para o primeiro dia.

 

A gente entrou na escola e já se deparou com vários Amigáveis na entrada da escola.

Amigáveis são robôzinhos fofos que estão em todo o lugar para evitar briga ou descumprimento de regras e fora da escola eles servem como Guardas/Polícias para manter tudo em ordem. Eles também são conhecidos por Programa 3 ou 3º Programa porque ele foi o terceiro modelo desses robôs. O 1º Programa serve como um médico para nós, o 2º Programa como um trabalhador, ele normalmente trabalha em Lojas, Cinemas, Cafés, Restaurantes, etc...

 

Eles são separados por cores. Os médicos são azuis, os trabalhadores verdes e os amigáveis rosas. O tamanho deles é mais ou menos tamanho da Índia.

Todos eles têm uma aparência fofa para que fosse agradável andar com eles. Eles não falam mas fazem uns barulhinhos muito fofos :3

Justamente para que não tivessem que escolher uma língua exata para eles. Os seus olhos também podem mudar de forma para que eles consigam se expressar melhor.

 

Enfim! Chega de falar de Robôs fofinhos Unu 

 

Nós fomos para os nossos armários para guardar as coisas que não iríamos usar agora, quando começamos a sentir um cheiro desagradável. 

Cheiro de cigarro.

 

Foi quando eu olhei para o lado reparei numa janela aberta que estava mesmo à frente dos.... Europeus.

Fumando como sempre.

 

Eles provavelmente notaram a nossa presença e olharam para nós com aquelas caras de mortos, com olheiras cinza nos olhos, lábios secos, peles pálidas...

Fico com raiva deles só de os descrever. 

 

Eu e os meus irmãos olhamos eles com raiva, especialmente para a Espanha. Mas o meu foco mesmo estava nele. Portugal. 

 

Eles apenas continuaram olhando para nós sem mexer um único centímetro dos seus rostos nojentos e voltaram a fumar como se nada fosse.

 

Humf.

Europeus. Acham-se melhores que todo o mundo só por causa dos seus rostos e corpos perfeitos e as suas histórias de escravização, conquistas e guerras.

Não sei como que eles mesmos se aguentam uns aos outros.

 

Pelos vistos a escola não vai ser uma experiência tão maravilhosa como eu pensei. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...