1. Spirit Fanfics >
  2. Entre sombras e sons >
  3. Impondo limites

História Entre sombras e sons - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Ola pessoal!

Segue o terceiro capitulo, curtam e comentem!

Essa semana pretendo postar mais alguns capítulos

Capítulo 3 - Impondo limites


Pov Snape 

Como o Weasley era idiota ele tinha acabado de chamar a menina de louca pronto agora tudo irá por água abaixo, tudo por um idiota de cabelos cor de ferrugem porque ele não ficou simplesmente de boca fechada porra! Meus pensamentos fervilhavam tanto que eu nem conseguia me atentar aos outros comentários, o discurso da irritante-sabe-tudo deixou bem clara a todos a razão do nosso envolvimento, a guerra era o que nos unia, tudo tinha origem no maldito plano de Dumbledore para derrotar o Lord das trevas. Um baque me tirou dos meus pensamentos, ela realmente tinha se irritado. 

Todos estavam cochichando baixo esperando por uma resposta até que o velho diretor resolveu se pronunciar novamente- Rony eu entendo a sua indignação e sei que seu espanto reflete o espanto de todos aqui, mas acreditem em mim nós não podemos arriscar a posição de Severo e por isso era preciso garantir que ele se casasse com alguém de nós. 

Potter foi o único a responder- Dumbledore nós confiamos em você, mas não no professor Snape e eu não posso permitir que a vida da minha melhor amiga acabe assim por causa da guerra, pessoas já sofreram muito por isso, acho que devemos acabar com isso logo, se sou eu que Voldemorte que ele me terá, assim tudo isso terá fim.  

     -Santo Potter, só porque você é o “eleito” não quer dizer que a guerra gire em torno de você, é claro que sua arrogância não lhe permite ver isso, você não é o único afetado aqui não é a única pessoa que perdeu alguém querido e não é o único que ver o fim da guerra, você assim como seu pai me dá nojo, como pode ser tão tolo- Eu praticamente cuspi as palavras estava cansado daquele garoto e de sua imaturidade. 

     Pronto agora tudo havia sido jogado pro espaço, eu havia respondido o Santo Poter na frente de toda a ordem e a confusão estava armada, confesso que se eu não fosse um espião treinado teria caído na gargalhada com o Black tentando defender o afilhado. 

    -E você só porque é o espião da guerra acha que pode falar assim com o Harry a seboso pelo amor de Merlim, você não consegue superar o passo neh por isso odeia tanto o Harry assim. 

   -É você, o enclausurado da guerra que não consegue superar a sua paixonite pelo Tiago é uma pena que ele não te quis Black.- Me diverti vendo o ódio tomar conta do seu rosto, se tem uma coisa que esses tolos grifinórios não conseguem é ser frios, já eu ser frio é o que faço de melhor não me deixei levar pela sua provocação, mas fiz questão de atingi-lo. 

    -Acho que seria prudente nos mantermos a calma agora, sei que este é assunto delicado, mas receio que a decisão já tenha sido tomada. - Dizia Dumbledore tentando acalmar os ânimos quando Minerva o interrompeu. 

   -Alvo a Srta Granger não pode se casar ela ainda é menor de idade! 

   -Receio que não Minerva, ela convenceu os pais a emancipa-la antes das férias de verão e o documento que eles fizeram tem validade tanto no mundo bruxo como no mundo trouxa, para todos os efeitos a Srta Granger é responsável por ela e pode assumir tanto o compromisso do casamento, como qualquer outra responsabilidade. 

    -Porque ela fez isso?- Dessa vez foi a jovem ruiva irmã do cabelo de ferrugem quem respondeu 

     -Prof° Minerva a Mione precisou tomar algumas decisões antes de vir cá ontem, e acredito que como os dias foram cheios ela ainda não conseguiu conversar com vocês, mas garanto que assim que for possível ela irá explicar tudo, peço apenas que confiem nela e a apoiem mais do que nunca ela precisa e não é só por causa do casamento que ela precisa. 

    Eu geralmente não leio a mente dos alunos e das pessoas com quem converso sem necessidade, mas bom de alguma forma eu quis entender o que se passava com a Granger então eu entrei na mente da Srta Weasley. Não é possível que a Hermione tenha feito isso, ela vai se arrepender da decisão que tomou no calor da guerra e se tem uma coisa que eu entendo é desse tipo de arrependimento. Eu preciso fazer algo pra resolver essa situação. 

    - Creio que sim Srta Weasley, no momento oportuno a Srta Granger nos contará tudo, agora o que precisamos e delimitar algumas coisas, eu peço por favor que a decisão que ela e que Severo tomaram não seja mais questionada, eles a tomaram poque lutam pelo mesmo que nós e precisamos apoia-los. Bom agora tem mais um anuncio para fazer antes de declarar essa reunião encerrada por conta do casamento e pra estar mais perto de nós Severo Snape passará a morar aqui na sede da ordem, como não temos quartos sobrando pensei que a Srta Weasley poderia dividir o quarto com seus irmãos Fred e George e a Srta Granger passaria a dividir o quarto com Severo, com isso declaro está reunião encerrada. 

   Dumbledore estava senil só pode, eu e Hermione dividindo o quarto, é obvio que os protestos o da ordem com relação a isso aconteceriam, mas como a reunião já estava encerrada eu não precisava ficar ali pra ouvir, me levantei e fui em direção ao laboratório o único lugar da ordem onde realmente me sentia bem, era impressionante meus pés já sabia exatamente o caminho para lá, enquanto ia pensava na reunião e na situação da jovem com que me casaria quando de repente sinto algo duro e pequeno batendo contra meu corpo, era ela porque a garota não olha por onde anda. 

  -Desculpe Professor- Ela me disse com um certo medo em seus olhos, esse era o impacto que gostava de causar nas pessoas, mas eu tinha que tentar amenizar isso nela até porque gostando eu ou não nós iriamos nos casar. 

  -Preste mais atenção da próxima vez, afinal se isso se repetir vamos ter problemas, a proposito se aceitar um conselho meu acho melhor você não descer lá agora a não ser que queira ser interrogada. -Dizendo isso segui o meu caminho deixando a jovem para traz. 


Notas Finais


Não deixem de cometar, esse feedback de vocês é muito importante para mim. Está a primeira história que publico !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...