1. Spirit Fanfics >
  2. Epherian >
  3. Capitulo -7-

História Epherian - Capítulo 17


Escrita por: e Taohan


Notas do Autor


Bom dia beninas,Aqui estou eu com o capitulo de domingo

espero que gostem

Capítulo 17 - Capitulo -7-


Fanfic / Fanfiction Epherian - Capítulo 17 - Capitulo -7-

P.O.V. Ji Eun 

 

Depois de atender aquele cara, tenho que admitir que seu olhar me dava arrepios,atendi os últimos clientes e fui limpar as mesas,quando cheguei na última mesa achei um bilhete,li e minhas mãos começaram a suar frio.Guardei o bilhete e trocar de roupa,Harin -meu melhor amigo- estava me esperando em seu carro para me levar pra casa. Enquanto trocava de roupa comecei a escutar alguns...sussurros ou algo do tipo,olhei em volta mas não tinha ninguém então eu vou até a pia do banheiro pra jogar uma água no rosto.

 

-Talvez eu esteja ficando doida-Digo a mim mesmo e jogo a água no rosto

 

Foi aí que algo muito estranho aconteceu. Olhei pra água caindo e aproximei minha mão dela,uma bolha se formou com o líquido no qual eu conseguia segurar,fiquei observando aquilo até ouvir as vozes das minhas colegas de trabalho,jogo a bolha de água na pia e volto para a sala para pegar minhas coisas,saio do local e vou até o carro de Harin.

 

Penso em contar a ele o que aconteceu no banheiro mas,como eu conheço o Harin, ele com certeza vai me zoar e me chamar de louca.

 

-Você viu aquele cara estranho que tava sentado lá na última mesa?- Pergunto pegando meu celular

 

-O que que tem? ele parecia normal pra mim-Harin diz focado na estrada cantarolando a música que tocava no rádio

 

-Sei lá,ele ficou me encarando

-Algumas pessoas gostam de manter contato visual,sabia,Ji?- O garoto fala e logo para o carro

 

Tínhamos acabado de chegar na minha casa,me despedi dele e fui para dentro,vejo SeokMin sentado no sofá e ChaeWoo e Hye na cozinha.

 

-Finalmente,estávamos ficando preocupados já-Seokmin diz e sorri vindo me abraçar

 

-Foram só 20 minutos de atraso Seok appa-Digo abraçando o mesmo

 

Desde quando perdi meus pais fui criada pelos pais da Hye,eles são muito carinhosos comigo e legais,como se fossem meus próprios pais.Vou até a cozinha e fico conversando com Chae e Hye enquanto elas faziam o jantar,subi para o meu quarto e tomei um banho,sai enrolada na toalha e entrei no closet para pegar uma roupa.Os pensamentos daquele cara e do que tinha acontecido no banheiro não saiam da minha cabeça,escuto alguém entrar no quarto então decido colocar minha roupa. Voltei pro quarto e vi Hye deitada em sua cama

 

-Como foi seu dia?-A garoto pergunta largando o celular na cama e virando para mim

 

-Aconteceu coisas estranhas comigo-Digo e Hye me olha confusa,conto tudo a ela e a mesma parecia acreditar em cada palavra que eu falava-Encontrei isso na mesa que ele estava sentado-Mostro o bilhete a ela

 

“Nos veremos em breve...foi um prazer em fim lhe conhecer Lee JiEun"

 

Leio e vejo Hye pensar

 

-Agora me explica Hye,como ele sabe meu nome verdadeiro?Eu sempre digo que meu nome é Kim Luna

 

-Eu sei,não tem como ele saber disso,será que não é outra Lee JiEun?- HyeMin diz se sentando na cama

 

-Ele ficava me encarando...e se ele foi mandado para me matar também? igual fizeram com a minha familia-Digo alto e vejo que meu rosto já estava molhado de lágrimas

 

-Ei,respira.Pode não ser isso Ji,fica calma-A mesma me abraça

 

P.O.V. Ivy

 

Depois do que aconteceu na Faculdade -O bilhete e o sorvete- isso começou a se tornar frequente,praticamente todo dia um sorvete diferente brotava em cima da minha mesa,é estranho?sim,muito. Não deveria aceitar? Claro que não, mas por algum motivo eu confio nesta pessoa,deveria confiar nela? não,até porque eu nunca o vi,mas né,se eu não morri até agora envenenada então tudo bem. Não façam isso crianças,não comam nada de um estranho.

 

Nesses últimos dias fiz duas novas amizades, Lawan e YooJin,combinamos de um dia elas irem na minha casa e esse dia chegou.Agora estou arrumando algumas coisas para fazermos,tipo jogos,filmes, comidas e muito sorvete, combinamos também delas trazerem seus animais de estimação já que falávamos muito sobre eles.Escuto a campainha tocar e vou até a porta,abro e vejo as meninas

 

-Oi meninas-Digo abraçando as duas

 

-Oi princesa-Lawan diz e entra na minha casa assim como YooJin

 

-Ain que coisinhas mais fofas-Digo me referindo ao gatinho preto nos braços de YooJin e ao bichinho peludo marrom da Lawan

 

-Esse é o Luy,meu porquinho da índia-Lawan diz acariciando o bichinho 

 

-Essa é Minky-YooJin diz-E o seu Bee?

 

Bee é um apelido,um tanto carinhoso,que as meninas me deram

 

-Ele deve estar na cama dele-Vou até meu quarto e vejo Floky vindo até mim,pego o cachorrinho no colo e o levo para sala-Esse aqui é o Floky,meu filhote de Husky Siberiano

 

-Ai que fofo-Eun diz e as duas começam a brincar com o cachorro

 

Passamos a tarde conversando,assistindo filmes e comendo,mas tinha algo me incomodando,não sei o que era mas estava incomodando.

 

-Vocês acreditariam em mim se eu dissesse que desenhei alguém que eu nem conheço?-Lawan diz comendo um morango

 

-Como assim?-Vejo a garota ir até sua mochila e pegar um caderno de desenho,depois de tanto procurar ela vira o caderno nos mostrando o desenho de um garoto

 

-Desenhei ele quando vinha pra Coreia,eu vi ele em um sonho que tive e resolvi desenhar-A garota explica e logo observa o desenho-Eu nunca vi esse garoto

 

-Isso é estranho,mas te entendo. Eu estava na biblioteca e acabei dormindo,eu tive um sonho...estranho.Eu estava em um lugar dourado, estava olhando  o campo de rosas douradas,de repente eu estava nos braços de um homem e ele tinha um belo sorriso,ai ele falou algo como “Você vai ser a mais forte e corajosa de todas”. Ai quando eu acordei tinha esse bilhete em cima da mesa,mas não tinha mais ninguém na biblioteca-Jin diz e nos mostra um bilhete

 

“Nos vemos em breve,não irei a perder de vista,princesa YooJin”

 

-Princesa?-Pergunto lendo a carta

 

-Eu também não entendi.Quando eu olhei pra fora tinha um cara de roupa preta me olhando,não dava pra ver o rosto dele mas vi que ele estava sorrindo

 

-Isso dá medo,isso sim-Lawan diz a acabamos rindo

 

-Eu também recebi um bilhete,foi no primeiro dia de aula,ele estava em cima da minha mesa com um sorvete-Digo entregando o bilhete que estava em meu bolso,eu estava olhando o bilhete de novo por isso deixei no meu bolso

 

“Coma,é para alegrar seu dia já que ele não começou muito bem,seja forte,estou por perto”

 

-Me diz que você não comeu o sorvete-Lawan fala enquanto YooJin lia o bilhete

 

-Comi,estava muito bom

 

-Menina você é doida? Podia ter veneno ou algo do tipo-Lawan

 

-Sei lá,parece que eu confio nesta pessoa,seja lá quem ela for-digo dando de ombros

 

P.O.V. HyeMin

 

Ji acabou tendo uma recaída depois da nossa conversa,disse que queria ficar sozinha pra pensar,eu sei que isso aconteceu por causa do trauma da morte de seus pais então a deixei sozinha. No fundo de casa tem um cômodo que era para ser um quartinho de ferramentas do meu Appa,mas eu transformei em um estudio onde posso ensaiar minhas coreografias,eu iria ter um concurso de dança e precisava ensaiar muito para ganhar.

 

A música que eu irei dançar será  “Mushroom Chocolate”,ela é um pouco...sexy,vamos se dizer assim

Um pouco não,muito sexy,para de mentir HyeMin!

 

Começei a ensaiar e depois de muito tempo escuto a porta ser aberta,sento no chão e vejo que era JiEun,e junto com ela vinha Mirae,Teddy e Moon,minha cachorrinha e os da Ji.As bolinhas de pelo pularam em mim e eu comecei a rir

 

-Como você está mana?-Pergunto pegando Mirae no colo

 

-Bem-Ela suspira-Mas parece que você não está-Ji diz se referindo ao meu estado

 

Eu estava com as bochechas vermelha,suada e com o cabelo um pouco bagunçado,ri em afirmação e suspirei

 

-Essa competição ‘ta acabando comigo,mas como eu amo dançar, está sendo divertido

 

-Vem,você precisa descansar-A mesma sorri e saímos do local

 

Já estava de noite então o quintal estava sendo iluminado apenas pelos postes da rua e pela luz na porta do estúdio,as luzes -por algum motivo que eu não sei- começaram a piscar,automaticamente segurei no braço de JiEun que riu com o ato

 

-22 anos na cara e ainda tem medo do escuro?-Ji pergunta brincando, até porque ela sabia o porque desse trauma

 

-Engraçadinha

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado,desculpem os erros e voltamos Terça com mais um capitulo

Bjs da Naka


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...