1. Spirit Fanfics >
  2. Era apenas uma aposta - Kim Taehyung >
  3. "É você quem eu amo e é você quem eu quero" Bônus Yoonkook

História Era apenas uma aposta - Kim Taehyung - Capítulo 28


Escrita por:


Capítulo 28 - "É você quem eu amo e é você quem eu quero" Bônus Yoonkook



Jeon Jungkook


Aqui estou novamente, perdido em meus pensamentos sobre Yoongi enquanto espero S/n. 

Esse garoto fode meu psicológico.

Sim, sim beijei ele uma vez e gostei, mas me apaixonei; a merda a paixão chegou até e foi logo com ele.

Resumindo, me apaixonar por ele foi motivos de muitas noites mal dormidas pois eu estava chorando horrores me afogando em um pote de sorvete de morango, enquanto jurava para mim mesmo que iria parar de ama-lo; sendo que me apaixonada cada vez mais, a cada segundo que se passava 

Ver ele beijando outras garotas, quase as comendo em público, sempre me quebrou de uma maneira inexplicável.

Pelo menos S/n está feliz, agora que namora Taehyung e todo o campus sabe. Faz dois mês desde do "final feliz dos dois"...Estão mais para dois animais no cio, é sério! Uma vez, nós fomos passar um sábado e domingo na casa de praia que a Tia Angelica alugou para nós, eu passei a madrugada inteira acordado ouvindo a cama bater na parede e gemidos ao extremo. Aqueles dois não parem um minuto desde que Oh perdeu a virgindadeda com Taehyung.

Alguém me socorre, aquela garota perdeu a sanidade e inocência dela. Vive cheia de marcas e nem se dá ao trabalho de esconder, com Kim não é diferente.

Também faz dois meses que Yoongi não fala comigo. Apenas escuto boatos de quem ele pega, como pega. Normalmente, com como mil facadas no meu coração judiado por aquele babaca.

Taehyung voltou a falar com Yoongi, parece que ele pediu perdão pelo o que fez, Jimim sumiu do mapa, ouvi boatos que ele havia se envolvido com bebida alcoólica e os pais dele estavam ficando loucos com isso e eu....Bom, estou na mesma.

- Vai continuar pensando no Yoongi até quando, Jungkook? - Ouço a voz de S/n Me tirar pensamentos

- Vai transar com o seu namorado, garota - Bufo

- Eu queria mesmo, mas ele ainda não chegou....Sera que ele iria topar uma rapidinha em alguém lugar discreto? - Mordeu o lábio inferior 

- S/n! - Digo repreensivo

- O que foi? Quando você tiver um namorado e der para ele vai saber do que estou falando - Pisca para mim

Garota abusada!

- Eu não te reconheço mais... - A olho fingindo desgosto - Cadê minha garota tímida?

- Acredite Jungkook, a sentanda de uma tímida é a melhor que tem - Taehyung diz abraçando Oh por trás - Bom dia, amor - Beijou o ombro de sua namorada 

- Vocês só pensam em sexo, criem juízo - Balanço a cabeça negativamente 

- E você deveria transar - Taehyung retruca - Eu e S/n vamos na festa de um veterano do campus que vai rolar hoje, você vai? Todos foram convidados.

- Ouvi dizer, mas nem conheço ele...

- Eu também não - A garota diz sincera - Nem gosto de festa, mas parece que vai ter comida de graça e Taehyung gosta de festas e me implorou para ir junto - Dá de ombros  

- Você é a comida - Digo revirando os olhos 

- Uma comida muito gostosa por sinal - Kim sorrio malicioso 

- Já de manhã, pelo amor de deus! - Reclamo

- Vai dar o rabo, Jungkook!

- E você tem que para de dar o seu! 

- Duas crianças brigando por um doce - O azulado, antes moreno, vulgo Taehyung, disse suspirando 

Parece que o casal inverteu os papéis, S/n tem seu cabelo natural no momento, castanho escuro, e Taehyung um azul, que lhe caiu muito bem por sinal.

- Fica quieto cabelo de mar - S/n retruca por sua vez, me fazendo rir 

- Isso é vingaça pelo passado, que maldade - Finge indignação 

- Você vai a festa? - A morena pergunta empolgada 

- Não vou a festa nenhuma - Cruzo as braços

- Você vai sim, senhor - S/n debocha 

- Não!


[.....]


- Eu te odeio, S/n - Bufo sentindo meus ouvidos doerem com todo aquele barulho 

Musica alta, adolescentes bêbados, dançando, outros se pegando, se jogando na piscina, dando PT....Eu preciso sair da qui.

Tenho certeza que Taehyung e S/n vão me dar um perdido e vão transar em algum lugar, vai ser meu momento de sair desse lugar e voltar para o meu pote soverte, a minha cama e a minha decepção amorosa.

Adentrei daquela multidão, seguindo o casal para dentro da casa. Paramos em uma mesa que estava vazia e, logo, me sento em uma das cadeiras.

O som alto da música eletrônica ficou um pouco abafado; amém, meus ouvido agradecem.

- Eu vou pegar uma bebida, quer algo Jungkook? - O azulado pergunta 

- Um suco, nada alcoólico - O azulado assentia 

Olhei ao meu redor e meus olhos pararam novamente na cena que me matar por dentro. Min estava beijando uma garota qualquer que estava em seu colo, enquanto está sentando em um sofá que havia no local.

Suspirei sentindo mais um caco, do meu coração de vidro, cair e se quebra em meus estilhaços. Um nó se formou em minha garganta e uma lágrima solitária escorreu pela minha bochecha, mas logo a limpei.

- Ele está beijando outro alguém novamente, né? - S/n segurou minha mão passando conforto e ganhando minha atenção - Ele é um babaca.

- Um babaca que tem meu coração em sua mão - Sorriso tristonho 

- Se anima Jeon, beija alguém, tenta esquecer ele - Aconselha 

- Não mesmo, apenas estou aqui por sua causa - Suspiro 

Olhei novamente para aquele "casal". No momento eles pararam de se beijar e meu olhos se encontrou com o de Yoongi, obviamente desviei; realmente quero esquece-lo, mas está complicado.


[....]


Dito e feito, S/n e Taehyung me deram um perdido. Apenas fui ao banheiro e quando voltei ambos não estavam mais na mesa.

Suspirei aliviado.

Agora posso ir embora.

Nada tirava na minha cabeça todas as cenas de Yoongi beijando outras pessoas e que aquilo foi apenas um delírio, onde ele quiser brincar comigo. Aquele momento no banheiro não foi nada para ele.

A festa estava mais lotada ainda, não cabe mais, nem sequer, uma formiga nesse lugar de tão lotado.

Passei por algumas pessoas com dificuldade, caminhando até porta de saída e entrada da casa.

Sinto uma mão me puxar para dentro de um quarto. O desespero me bateu na hora e lágrimas se formaram em meus olhos. Será que beberam tanto a esse ponto.

Encarei a pessoa e....Apenas posso estar enxergando errado.

- Y-yoongi? - Minha voz vacila 

- Jungkook...

Deve estar bêbado, só pode.

- O que está fazendo? - Me solto do maior

- Jungkook, são quase três doloroso meses tentando esquecer você - Soou sincero 

Aquelas palavras foram como flechadas de surtos internos em mim...Aquilo  foi sincero e...

Ele está sóbrio....

- O que--

- Que porra! É você quem eu amo e é você quem eu quero!  - Me corta

Meu coração disparou freneticamente e eu engulo seco..

Isso é real ou um delírio do tanto que chorei?

- Eu amo você a tempos, aquele carro tímido com a melhor amiga no fundo do refeitório - Começa a falar - Tentei me convencer durante muito tempo que nunca gostei de você desde que coloquei os olhos em você pela primeira vez. Foram tantas bocas beijei tentando esquecer a sua, tanto a corpos que toquei tentando esquecer o seu, tantos vozes e risadas....Mas é o seu que quero, é você 

Nesse momento eu ja derramo milhares de lágrimas. Não é tudo que se escuta esse tipo de coisa ainda mais vindo da pessoa que você tanto gosta e ama.

Yoongi me beijou e me encostou na porta de madeira.

- A diferença de hoje é que eu não vou parar - Disse sério me fazendo estremecer











Bom, amanhã estarei com pernas trêmulas pelo visto.



Notas Finais


Vejo vocês em outras fanfic's meu amores🧸🍃


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...