História Era pra ser assim. - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Kai, Lay, Sehun
Tags Kai Romance Exo
Visualizações 7
Palavras 430
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 02


Dei uma passada em casa antes de ir pro trabalho, ao entrar vejo minha mãe sentada no sofá, usando moletom com cabelo amarrado é uma chicara de chá na mão, percebo um sorriso bobo em seu rosto, noto que ela estar revirando umas fotos antigas da nossa familia como se tivesse viajando em outra época.
Faz tempo que não havia sorrir assim, ultimamente só a vejo chorando nos cantos na casa, depois que o meu pai nos abandonou minha mãe nunca foi a mesma, ela ainda não aceita que ele tem outra família que não liga mais para nos, odeio ver ela triste, odeio ele por ter feito isso conosco.
Me aproximo dela sem que ela perceba e me sento ao seu lado.

"Minha querida!" Minha mãe me olhava  com olhar doce. "Quando você chegou?" Disse ela me abraçando.
"A pouco tempo!" O que a senhora estar fazendo?"

"Estou vendo umas fotos antigas"
"Hana como você era fofa, olha como seu pai parecia feliz segurando seu irmão no braço". Ela diz apontando empolgada para foto.
"tenho certeza que ele sente falta de nos".

"Falando em irmão onde estar Soo?" Mudei de assunto, não queria falar do  meu pai é nem concordar com as palavras sem sentido da minha mãe.
Como ela pode estar apaixonada por ele depois de tudo que ele fez ?
Pensei comigo mesma , mais sabia que se tocasse no assunto iríamos brigar.

"Estar em seu quarto!" Disse com uma voz seca.
Acho que ela percebeu que eu evitava a todo custo falar do  meu pai , por que pra mim é como se ele nunca tivesse existido, uma ligação ou um dinheiro em uma contar não significa carinho e amor, a verdade é que ele nunca se importou com a nossa família , eu realmente não me importo mais, só que o Soo é apenas uma criança é não merecia passar por isso tão novo.
Me levanto do sofá e vejo as horas no celular, percebo que já estou atrasada para o trabalho.
Depois da separação minha mãe tem entrado cada dia mais em um estado de tristeza é não consegue se estabilizar em trabalho nenhum, e eu tenho que lidar com as despesas da casa.

Subir correndo a escada para trocar de roupa, antes de ir para meu quarto passei pelo quarto de Soo, mas ele estava dormindo notei que havia pegado no sono enquanto estava lendo pois sua revistinha estava servindo como lençol, tudo parecia tranquilo dei um beijo em sua testa entrei no meu quarto troquei de roupa é sair correndo para trabalho. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...