História Era só um amigo.... - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Rodrigo "Saiko" Ximenes
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 34
Palavras 1.050
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


^^ Segundo capítulo.

Capítulo 2 - Olhar diferente...


Fanfic / Fanfiction Era só um amigo.... - Capítulo 2 - Olhar diferente...

* Tinha chegado o grande dia, em que agente iria mudar de cidade, agente arrumou as malas. Enquanto esperavamos o táxi, nós nos despedimos de nossas mães, quando o Táxi chegou entramos no carro, e vimos nossas mães chorando, de orgulho e felicidade, nós acenamos com a mão e elas acenaram de volta. Durante aqueles anos no ensino fundamental e no ensino médio, Ycaro ajudou Saiko a criar um canal. Eles conseguiram inscritos, gravavam várias tags, e vídeos juntos *

* Ycaro olhava para Saiko. Então ele abre a boca e fala.*

Ycaro: -Saiko, como você acha que vai ser lá?..

* Rodrigo olha para Ycaro *

-Ah, eu não sei, mas acho que vai ser divertido!

* Saiko Sorri *

Pensamento de Ycaro: Ele é sempre otimista...

* Ycaro cruza os braços e encosta a cabeça na janela *

* Saiko começa a cantarolar *

* Começa a chover. Ycaro começa a ficar sonolento pelo barulho da chuva, ele acaba caindo de lado, e sua cabeça encosta no ombro de Saiko.*

-Uh, Ycaro?

* Saiko olha para o rosto de Ycaro, em primeira expressão ele se assusta, mas com o tempo ele deixa.*

* Saiko fica Corado, ele percebe e olha para a janela novamente.*

* Ao chegar a porta do apartamento em que eles alugaram, eles retiram as malas de dentro do porta-malas. Saiko pega a chave no seu bolso e abre a porta. Eles entram e deixam as malas no chão *

Ycaro: -O quarto maior é meu! * Ycaro começa a rir daquela situação *

-Não se eu pegar primeiro!

* Ycaro e Saiko começam a olhar os quartos. Ao avistar o quarto maior, eles começam a rir e correr até o quarto. *

-Sei renda! * Saiko faz uma arma com a mão, apontando para a Cabeça de Ycaro *

Ycaro: -Jamais! * Ycaro começa a dar gargalhadas malignas *

-Ah, então é assim?! * Saiko começa a rir e pula em cima de Ycaro jogando eles no chão, fazendo eles ficarem cara a cara *

-Ycaro, seu burro! * Sorri *

Ycaro: -... * Ycaro estava rindo, mas longo olha para aquelas cena e fica Corado, e empurra Saiko *

Ycaro: -V-Você pode ficar com o quarto maior, para mim tanto faz...

* Rodrigo percebe que Ycaro ficou distante, e não fala nada e, só confirma com a cabeça *

* Ycaro entra no quarto que se dizia '' menor'' com suas malas, ele as deixa no chão, e se joga na cama, encarando o teto. Saiko pega suas malas e faz o mesmo, ele entra no quarto, e coloca suas malas em uma cadeira e se joga na cama encarando o teto. *

* Ycaro acabou adormecendo abraçado com seus joelhos. Saiko se levanta da cama, e pega uma mochila, aonde estava seu computador e seus equipamentos, ele empurra a cadeira para longe da mesa, e começa a procurar tomadas.*

-Achei!

* Saiko arruma os fios, coloca o seu monitor, conecta seu teclado e mouse, e depois o liga. Então ele tira de cima da cadeira suas malas, e coloca a cadeira em frente da mesa onde estava o computador. Finalmente ele se senta e liga o computador.*

-Ah, finalmente! 

* E então ele entra no YouTube, ele dá uma olhada em seu canal, e de repente acha um vídeo engraçado, do Ycaro dançando Break. Mas ele sorria para aquele vídeo de um modo diferente, um modo mais carinhoso, afetuoso e fofo. Saiko coloca a mão em sua nuca *

-Ah, Saiko, não pense besteiras... 

* Saiko solta um sorriso, e então ele lembra do rosto do Ycaro, de como ele parecia tão frágil dormindo, tão despreocupado, tão inocente.*

-Ycaro... Seu burro Abestado... * Ele sorri *

Versão do Ycaro 

* Ycaro dorme por cinco minutos mas acorda novamente, colocando a mão em sua cabeça, aparentemente ele estava pensando em Saiko. *

-Ah, pare de pensar nisso Ycaro!! 

* Lembra de quando Saiko jogou ele no chão, e então um leve sorriso frouxo aparece em seu rosto.*

Ycaro: -Ah, aquele olhar... Como ele consegue ser tão otimista?... Ah, não importa. Deve ser só ilusões de minha cabeça... Eu nunca vou gostar dele... Ele é meu melhor amigo, é meu irmão! 

* Ycaro ao falar estás palavras, ele sente um aperto no peito. *

-Er... Ele é sou meu irmão..

* Ycaro adormece novamente. *

* Anoitece e começa a chover, Ycaro acorda com um trovão, e com o cheiro de comida, que vinha da cozinha. Ycaro se levanta todo lerdo. E ele vai até a cozinha, e vê Saiko fazendo dois miojos.*

Ycaro: -Uh, Saiko? * Ycaro coça o olho *

-Uh, Olá, você dormiu demais em? * Saiko pega algo no armário *

Ycaro: -Er... Eu acho que sim * Ycaro puxa uma cadeira e se senta *

* Saiko pega dois pratos, e coloca os miojos na mesa.*

Ycaro: -E-Eu estou sem fome. * Ycaro se levanta da mesa *

* Saiko percebe oque Ycaro falou, e para de comer. Saiko o puxa para a cadeira de novo.*

-Ycaro, eu sei que não cozinho bem, mas não faça desfeita de minha comida.

* Ycaro quase caí, mas se senta na mesa, pegando um garfo e brincando com o macarrão.* 

-Ei, seu burro! Não brinque com a comida. * Saiko Sorri *

Ycaro: -Eu não sou burro! * Ycaro cruza os braços *

-Sim, você é, um neném burrinho. :3

* Ycaro fica Corado. Ele pega seu prato e vai para o quarto. Ele coloca o prato em cima da cama, e corre para a porta e fecha. E escorrega e se senta na frente da porta. Ele abraça seus joelhos *

-N-Não, não quero me apegar a ele!

* Ycaro fica alguns minutos pensando em Saiko *

Versão de Saiko 

* Saiko olha para ele indo para o quarto *

-Uh, ele parece ter ficado pistola... Às vezes ele é tão distante...

* Saiko termina de comer. Ele leva seu prato até a pia, lavando o mesmo. Sua cabeça estava confusa, e estava cheia do Ycaro. Então ele vai até a porta do quarto de Ycaro. E levanta seu punho para bater, mas logo desiste. E então, cabisbaixo, ele toma um banho e se senta em frente a janela para ver a chuva. Logo ele se cansa e deita na cama, e tenta dormir, mas não consegue.*

* A casa fica com silêncio, só com o barulho do sopro do vento, e os pingos de chuva. E os dois se deitam e vão dormir, pois, amanhã era o primeiro dia de aula *

Continua...













Notas Finais


Estou ansioso (a) para o próximo capítulo, espero que vocês também estejam!^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...