História Era só um amigo.... - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Rodrigo "Saiko" Ximenes
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 20
Palavras 803
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Um acontecimento inesperado.


* Quando Ycaro chegou em sua casa, ele entrou em seu quarto apagou as luzes, fechou as cortinas, e se cobriu com a coberta, mesmo se estivesse calor. Em uma noite qualquer, Saiko estava batendo na porta de Ycaro novamente, o motivo? Skii, ela com seus dramas começou a dizer que Saiko gostava de Ycaro. Saiko tentou negar, mas já estava na cara. Então Saiko, logo querendo sair dali, pegou sua bicicleta, e foi até seu antigo apartamento que ele dividia com Ycaro. Quando Ycaro abriu a porta, Saiko estava lá, encostado na parede, olhando para baixo, Saiko sabia que mesmo prestes a chorar, só o Ycaro conseguia fazer ele rir, conhecia seus gostos de musica, sabia tudo sobre ele, ao contrario de Skii. Saiko olhou para Ycaro. Sem saber oque fazer, Saiko só seguiu seu coração, ninguém sabia oque aconteceu realmente, mas eles tinham se beijado.*

Ycaro: ​-S-Saiko?! 

-Ycaro... * Saiko foi chegando mais perto, até colar os seus lábios nos de Ycaro* 

* Saiko sem explicar nada para Ycaro, o empurrou na parede e começou a beija-lo, Ycaro sem se dar conta, se deixou levar. Quando faltou o ar, Saiko se separou de Ycaro, e sem olhar para Ycaro, ele entrou no quarto que se dizia '' maior '' trancou a porta e se jogou na cama, encarando o teto. Saiko não conseguia pensar em nada, além de ter beijado o Ycaro.* 

-Ycaro, acho que te amo...

Visão de Ycaro  

* Quando abri a porta lá estava, Saiko, olhando para baixo, ele parecia triste, mas ele logo foi chegando mais perto de mim, e eu recuando. Mas até que ele me prendeu contra a parede, e começou a me beijar, aquilo foi surpreendente. Não consegui fazer nada, além de beija-lo. Quando eu o vi entrando em seu quarto e trancando a porta, fiquei lá o olhando, paralisado, não consegui me mexer. Quando percebi oque aconteceu, comecei a ficar vermelho, e então me sentei no chão e abracei meus joelhos.*

Ycaro: -Por que? Saiko, porque? você brinca tanto com meus sentimentos assim...

* Ycaro estava se sentindo um lixo, em relação de parecer ser só um substituto. Ele começou a chorar bem baixo.*

Ycaro: -E-Eu sou só um substituto, logo ele vai voltar para Skii... e... * Ycaro não conseguia parar de chorar. * 

* No dia seguinte, Ycaro e Saiko foram para diferentes caminhos para ir até a escola, quando chegaram, ele só entraram na suas salas. Na sala de Ycaro havia uma amiga de Skii. Ela estava espalhando boatos, em que Saiko e Skii dormiram juntos. Ycaro quando ouviu aquilo. Ele não conseguia chorar, ele estava tão abalado com aquilo tudo, ele simplesmente pegou sua mochila, e foi até o banheiro e se trancou lá. Ycaro só conseguiu se ajoelhar no chão e chorar, mais alto e, mais alto. Saiko estava passando pelo corredor, e então ele ouviu um garoto no banheiro, trancado, chorando. Ele encostou seu ouvido na porta.*

Ycaro: -S-Saiko.... eu não quero ser o substituto, seu lugar é comigo! * Ycaro colocou sua mão na boca * 

Ycaro: -Saiko!

* Ycaro, se apoiou na pia e lavou o seu rosto, pegou sua mochila e abriu a porta do banheiro, e quem estava lá? Saiko. Ele deu de cara com Saiko. eles ficaram parados se olhando por alguns minutos. Até Saiko ver que Ycaro estava segurando o seu proprio Braço, onde estava os cortes. Saiko rapidamente puxou o braço de Ycaro, e olhou aqueles cortes, Ele não tinha nenhuma expressão facial, só conseguiu puxar Ycaro para mais perto e abraça-lo como nunca abraçou antes. Naquele momento, Saiko não ligava para quem estava vendo, ele pegou a mão de Ycaro e saiu da escola junto a ele. No meio do caminho Ycaro parou e olhou para baixo, ele estava confuso.*

Ycaro: -Saiko, eu estou confuso... * Ycaro levanta a cabeça*  eu cansei de ser o substituto! Você só liga para porra de você mesmo! Saiko você acha que era fácil?! No ensino médio te esperar todos os dias! Na saída, esperando você ficar com ela na minha frente! Saiko agente se conhece a 12 anos! Você nunca percebeu não é! Talvez você nunca corresponda meus sentimentos mas... mas eu vou continuar te amando! * Ycaro começa a chorar *

* Saiko fica realmente surpreendido com o que Ycaro falou, de repente ele solta um sorriso misturado com choro, então ele fala com a voz de choro.*

-Ycaro, eu te amo! 

* Ycaro levanta sua cabeça e pula nos braços de Saiko.*

- Ycaro, lembra daquele nosso juramento

Ycaro: -Uh, sim... * Ycaro olha paro o rosto de Saiko *

-Desde aquele momento eu sabia que te amava!

* Naquele momento Saiko não conseguiu se conter, e acariciou o rosto Ycaro, limpando suas lagrimas, e então ele o Beijou.*

                              Continua...                                                                                                                                                             


Notas Finais


Espero que tenham gostado. ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...