História Eric é meu filho - Capítulo 70


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 8
Palavras 756
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, LGBT, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 70 - Foragido


Narradora on

Taehyung conta ao Hoseok tudo que aconteceu com ele, desde as torturas no hospital até conseguir fugir da Tailandia. Hoseok conversa com Somchai brevemente e agradece por ter salvado a vida do Tae, e que agora seria filho dele tambem.

A medida que o tempo passava Yoongi ficava mais puto por não encontrar Taehyung em lugar nenhum. Era a sexta reunião que estava fazendo para ver se seus homens tinha alguma coisa para ele. E novamente era decepção. Nada era a resposta de todos.

- senhor - fala Sunan amigo tailandes do Yoongi

- diga

- e se o Taehyyung estiver aqui em Seul

- ele não seria tão tolo de vir parar aqui Sunan

- e se ele veio porque sabia que a gente nunca desconfiaria que ele estaria tão perto de nos?

Yoongi fica em silencio. Sunan poderia ter razão. Taehyung poderia estar em Seul e eles estariam gastando tempo e dinheiro a procura dele na Tailandia. Ele poderia ser mais experto que Min imaginaria.

- mudanças de plano...algguns de voces ficaram aqui em Seul a procura dele

- sim senhor - falam em unissono

De repente o celular de Sunan começa a tocar, ele pede licença para atender o aparelho. Ele troca algumas palavras em tailandes com a outra pessoa do outro lado da linha e desliga o celular logo em seguida

- acabei de conversar com um dos meus homens da Tailandia, e ele acabou de me informar que descobriu que Taehyung junto com um menino veio para Coreia do Sul como assassino de aluguel, mas não sabe o nome do profissional que ele esta se fazendo se passar

- otimo trabalho.....a partir de agora todos os meus homens vão atras desse desgraçado em todas as cidades da Coreia, desde o interior ate as turisticas

- SIM SENHOR

Agora Yoongi não tinha mais duvidas. Taehyung estava na Coreia e ele iria encontra-lo.

Somchai sai do hospital e resolve por trancar a faculdade por enquanto e pedir umas semanas no emprego por conta do trauma,e é claro que ambas as partes entenderam o lado do garoto. Nos ultimos dias Tayhyung tinha matado dois membros de uma facção por roubo e assassinato, ou seja, ela estava devolvendo com a mesma moeda. Agora ele tinha um novo trabalho.

Um homem de 30 anos casado com um homem e tem uma filha.Motivo: ele é um empresario que fez o outro falir por conta da sua empresa. Taehyung poderia muito bem se recusar, mas ele precisava de dinheiro para comprar uma casa e levar a sua familia consigo. Antes dele atirar, ele investiga. As tres horas em ponto Taehyung se encontrava de frente para um condominio esperando o cara sair.

- preste atenção Tae...ele é proximo a sair - fala seu chefe pela mensagem

Tae olha atentamente para o portão e a pessoa que sai é seu amigo. Jeon Jungkook. Lagrimas rolam pela sua face, ele não poderia fazer isso. Não com seu melhor amigo.

- não vou fazer - fala Tae encostado na parede

- por que? - pergunta seu chefe

- assunto pessoal...e nem adianta aumentar o pagamento e nem tente mandar outro, porque se ele morrer eu juro que mato voces

- esta nos ameaçando? - pergunta o cara que contratou os serviços de Taehyung

- isso mesmo

Taehyunga sai da sala e os dois homens ali olham entre si.

- vou mostrar para ele quem manda aqui - seu chefe da um sorriso

O chefe do Tae esparrama para a ficção que ele matou seus dois membros, sendo um irmão do chefe,a foto do Taehyung. Na mesma hora todos os membros começam persegui-lo

- onde vai? - pergunta Somchai

- tenho que ir embora,bem, por enquanto

- vai voltar?

- vou sim, quando as coisas que acalmarem

- e eu? - pergunta Somchai preocupado

- conversei com o Namjoon e ele vai te adotar por um tempo, mas não vai ter nenhum conhecimento com o Yoongi

- ok...vou sentir saudades pai

- tambem meu filho

Tae abraça Somchai

- onde se vai?

- é melhor não saber - responde Tae - arruma as suas malas, amanha se vai para casa do Namjoon e não se preocupe comigo

Taehyung pega as suas duas malas e vai ate o taxi

- vai me ligar?

- vou

Tae dá outro abraço no Somchai e entra no taxi indo em direção ao Aeroporto

Assim que consegue sua passagem logo é chamado ao portão principal ao destino de Veneza- Itália.

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigada por quem leu ate aqui
Comentam e favoritam assim vcs me ajudam
Me seguem tambem
Desculpa qualquer erro de portugues

Bjs....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...