História Erros da minha vida - Criação de um novo amor.(Reescrevendo) - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Error Sans, Flowey, Frisk, Grillby, Ink Sans, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags After X Death, Afterdeath, Cherry X Berry, Cherryberry, Dust X Lust, Dustlust, Emv, Errink, Error X Ink, Errorink, Escolar, Halluciv X Xcellence, Ink X Error, Night X Cross, Nightcross, Racyboots, Shipps, Undertale, Xcluciv, Xclussiv
Visualizações 253
Palavras 1.786
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Magia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii Berry's!!
Pq Berry? Sla, deu vontade de dar apelidos pra vcs meninas
Mas como tem menino tbm¬¬... Vou chamar ele(s) de Cherry's
Na moral
Quem eh garoto ou garota aqui??

E por acaso alguem sabe o meu sexo?;u;



Gostaram da imagem que eu editei? Não? Então ta bom:')



Bom, tenham uma boa leitura.

Capítulo 20 - Flowey... Como isso funciona?


Fanfic / Fanfiction Erros da minha vida - Criação de um novo amor.(Reescrevendo) - Capítulo 20 - Flowey... Como isso funciona?

Iludido[16:20PM]: Ei pessoal, eu e o CC inventamos uma música;u;

Serial killer[16:21PM]: Perai, essa peste ta contigo?

Cecy[16:21PM]: To sim, pq?

Serial killer[16:21PM]: Eu jurava que Vc tinha saido com a Kitten.

Cecy[16:21PM]: Eu tinha, mas acabamos chegando cedo:3

Sonhador[16:22PM]: Então Cross, qual é a música?

Iludido[16:22PM]: Perai.

Iludido[16:24PM]: ▶––––––––1:00

Audio:

Cross – 🎵Partiu meu coração. Ele não me quer mais. Mas hoje eu não, vou ficar pra atrás. Virei otaku só pra você me notar. Estou tão sexy! 🎵

CC – 🎵Não adiata com ela se trancar. Por que eu tenho a chave!🎵

Cross – 🎵Virei otaku só pra você me notar. Estou tão sexy! Por você sou capaz de comer abelhas. E eu vou te fazer me notar.🎵

CC – 🎵Hey!! Heeeey!!! Sua vagabundaaa. Hey!! Heeeeey!!! Sai dai sua puta! 🎵*insira um barulho de vidro quebrando*

Cross – Puta que pariu. Corre Berg!

*Fim do áudio.

Estrupador[16:26PM]: Ai meu kore.

Estrupador[16:26PM]: Cross tu canta muito bemmmmm!

Bug[16:26PM]: pra um iludido até que canta legal.

Iludido[16:26PM]: Vai te ferrar Error:')

Tintado[16:26PM]: Agora fiquei invocado.

Tintado[16:26PM]: Pq tudo junto é separado e separado é tudo junto.

Tintado[16:27PM]: Pergunta errada. Quem daqui é Hetero?

Iludido /2[16:27PM]: Agora que tu falou fiquei curioso também.

Dona morte[16:27PM]: Perai, aquilo foi som de vidro quebrando?!

Pesadelo[16:27PM]: Acho que o Dust é Hetero.

Bug[16:27PM]: Kskkskskkkjjskkkjkskk

Dona morte[16:27PM]:heusheusheushehhshshsjshsh

Tintado[16:28PM]: As vezes eu me pergunto se vcs estão rindo ou morrendo. Qual é a graça?

Dona morte[16:28PM]: se for pra classificas quem é o gay mais assumido aqui seria o Dust kkkj

Serial Killer[16:28PM]: Mas que audácia desse filho da puta...

Sonhador [16:28PM]: Então quem é hetero aqui?

Poste ambulante [16:28PM]: Eu e O Flower horas:/

Bug[16:28PM]: NINGUÉM CHAMOU O TITÃ COLOSSAL!

Tintado[16:29PM]: Depois dessa vou até embora antes que zoem com o meu tamanho.


Ink guarda o telefone, tinha até se divertido com os amigos pelo o celular, mas as vezes a zuera tem limite, e o limite de seu tamanho tem haver com isso. (Ink:Eoq?! )

– Então Ink, vamos? – Perguntou o maior também guardando se aparelho. Ink concordou, e ambos se teletransportaram para a frente da escola.

– Vou mesmo tê que dormir no mesmo quarto que você? – Perguntou Ink já entrando pelo o portão da escola junto com Error.

– Sim, deixa o Eraser passar um tempinho com o Reboot. – Falou. Os dois ao entrar na escola andaram pelo os corredores em direção ao pátio, e quando chegaram seguiram para os dormitórios.

– Podemos passar pela a ala B primeiro?

– Pra quê? – Indagou-o

– Quero pega o Flowey oras, eu não vou ficar sozinho sem ele. Ou você prefere o quê?

– Que simplesmente aquela flor morra no infer--- – Parou de falar assim que viu o olhar ameaçador de Ink. – Que dizer... Que tal nós andar mais rápido?

Entraram pelo o prédio da ala B, seguindo até o quarto 246. Ink sugeriu ir pela as escadas, mas Error com a preguiça mais falsa que menstruação de travestir preferiu ir pelo o elevador. No final os dois foram pela as escadas.

Chegaram em seu destino e foram atrás do quarto. Ao em vez de bater a porta, Ink tenta arromba-la, mesmo não conseguindo a porta foi aberta revelando Fell.

– Aleluia que chegaram! – Fechou a porta, e segundo depois a abriu entregando Flowey que estava com uma cara emburrada. – Não der para o Dream cuidar dele. – Abriu toda a extensão da porta mostrando o esqueleto de veste amarelas deitado em sua cama. – Obrigado, de nada. Voltem nunca! – Fechou a porta com agressividade.

– ... – Nenhum dos dois esqueletos disseram alguma coisa.

– O quê você aprontou? – Perguntou o de cachecol.

– Nada, apenas vamos pro quarto! – Disse a flor.

– Péssima notícia pra você florzinha. – Continuou o de cores negativas. – Você e Ink vão ter que dormir no meu quarto por causa daquele "ocorrido". – Disse fazendo aspas entre os dedos. O menor deles corou ao lembre o que tinha ouvido junto com Error algum tempo atrás.

– Tanto faz, só vamos embora logo! – Falou.

~Quebra de tempo~

Os três já estavam no quarto. Flowey dormia no vaso sobre a cômoda, já Ink que antes usava uma jaqueta sem manga, agora apenas usava uma blusa de manga comprida, suas luvas e uma calça folgada, o mesmo ainda nao tinha tirado o seu cachecol. Já Error que estava em sua cama usava apenas uma camisa aleatória e uma bermuda também folgada.

Ink se preparava para dormir na cama do parceiro de quarto de Error, se jolgou na cama, ficando de barriga pra baixo.

– Vai dormir de cachecol? – Perguntou o maior apoiando as duas mãos por trás cabeça.

– Sim. – Respondeu. Error vendo que Ink não iria tirar aquilo tão cedo, se levantou e andou em direção a cama onde estava Ink. – Error não!

– Error sim. – O maior atacou Ink tentando tirar o cachecol, o dono do mesmo segurava com as duas mãos para que o maior não tirasse. Vendo que não iria funcionar a primeira tentativa, começou a fazer cócegas no menor que ria com o ato.

– Hahahaha p-para Error hahah!!

– Vai tirar?!

– NaHahahhaão! – Exclamou. As risadas acabaram acordando Flowey, ao abrir os olhos a flor achou estranho a situação que estava os dois.

– Mas que poha...– Murmurou. – Hey! Se quiser estrupar ele, não dava pra fazer um pouco de silêncio?!

– Ta doido?! Apenas tou tentando tirar o cachecol dele. – Falou o de ossos pretos, que usou outra mão pra tentar poder arrancar o cachecol do menor. 

– Não Error, essa parte é sensível. – Disso o menor que segurava firmemente o cachecol.

– Isso ta ficando estranho... – Falou a flor.

– Okay! – Error levantou as duas mãos como sinal de rendição. – Vou deixar você dormir de cachecol. – Saiu de cima do menor, desligou o abujo que estava ao lado de Flowey e se deitou em sua cama. – Boa noite Ink.

– *bocejo* Boa noite Error. – Se ajeitou na coberta se preparando para dormir assim como Error. Os dois esperaram Flowey dormir primeiro, e assim deram sorriso travesso quando viram que a flor já dormia.

– Boa noite Flowey! – Exclamaram em uníssono, assustando a pequena flor.

– Vão se fuder!!!! – Depois desse simples dia ajitado, os três foram dormir.

~1 mês e meio depois.~

Mais um dia normal para a diretora, a mesma ainda esperava alguma noticia sobre Geno. Não se preocupava muito com as aulas, já que ela poderia sugerir algumas extras com o que eles haviam perdido, se preocupava mais com Geno, o garoto era um dos alunos que mais surpreendia a maior, já que o mesmo tem um grande sonho de se tornar bibliotecário e tinha uma ótima admiração com os livros, e sempre dividia um pouco do conhecimento para a diretora.
A mesma suspirou, acabou lembrando que um dos alunos que era pra ter aparecido na escola não tinha vido no dia marcado. Andou até a secretária, abriu vendo sua irmã folgando em uma cadeira.

– Que foi? – Perguntou a mais velha de olhos vermelhos.

– Você tem alguma noticia do irmão mais velho do Halluciv?

– O terrorista que tacou fogo em geral na sala de artes? – Frisk assentiu. – Nop, ele sumiu do mapa.

– Estranho... – A de cabelos castanhos escuro se encostou em uma janela que ficava atrás de sua mesa.

– Ainda preocupado com ele. – Frisk concordou. – Ouviu dizer que Flowey tá na escola né? Ele pode saber sobre ele.

– Soube sim. Soube até que ele ta se inturmando com os alunos, principalmente com o Ink. Mas se for pra ele dizer alguma coisa com certeza ele vai ficar calado. – Em sua janela tinha a visão perfeita do patio, podendo ver Ink segurando Flowey em um vazo. O de cachecol estava acompanhado por mais três esqueletos. – Então, acho melhor não arriscar.

– Se você diz...

[...]

Nesse curto período havia acontecido muitas coisas. Eraser e Reboot assumiram o namoro, assim como Blue e Fell. O pequeno plano idiota de Nightmare estava indo bem, e sempre que podia entregava cartas para Cross sem ser percebido, o de olhos roxos agora estava pensando em mais um jeito de se aproximar do híbrido. Cross e Dream vivem um relacionamento neutro, quase toda a escola via que o casal não estava tão feliz por parte do híbrido. Dust não tinha feito nada com os novos casais, já que Fell e Eraser eram seus delinquentes, pois o mesmo estava doente demais e não saia de seu quarto. Desde o ocorrido da enfermaria, Halluciv não tinha falado com Xcellence, e isso deixou o espadachim um pouco inseguro com isso, o menor apenas queria um abraço de seu irmão. Death quando podia sempre visitava escondido Geno no hospital, lógico que fazia tal ato antes de Error. Ink tinha se apegado muito a Flowey, andava com a flor pra lá e pra cá, e isso acabou despertando um sentimento que Error não sentia a muito tempo. Ciúmes.

Ink estava acompanhado não só por Flowey, mas também por Dream, Error e Blue. O último sitado estava tomando uma caixa de suco. Ink estava pensativo demais enquanto caminhava com os amigos, e isso chamou atenção da flor.

– Ei Ink! O que foi? – Perguntou o menor entre os outros.

– Sabe Flowey, eu tive pensando... Flores como você fazem sexo? – A pergunta pegou de surpresa a todos presente, Error começou a travar, Blue se engasgou com o próprio suco e Dream tentava ajudar o de lenço azul.

– M-Mas q-q-que poha de pergunta é essa Ink?! – Perguntou a flor extremante corado.

– Não sei, eu fiquei me perguntando, se você fosse o seme, você usaria as raízes, mas... E se você fosse Uke? Me diz Flowey, como isso funciona? – A pergunta novamente estava deixando Flowey corado em um tom amarelo, que completamente o sol estaria invejado. Blue tento um ataque de afogamento já que o menor queria rir. E Error estava olhando feio para aquela situação. Ao ver aquela situação, Ink começa a rir, suas risadas eram roucas e ao mesmo tempo doces.

– Hahaha, meu Deus, olha pra cara de vocês. – Disse o menor de cachecol marrom entre risos.

– Te deram drogas ou o quê?! – Exclamou Error. – O Blue ta morrendo.

– Alguém me ajuda...

~Horas depois: no hospital.~

– O  que você tem na cabeça pra fazer uma pergunta daquelas? – Perguntou Error que ainda não deixado Ink passar livre daquela situação.

– Deixa de ser chato. – Falou o menor revirando os olhos(?). – Era só uma perguntinha, nada demais.

– Nada demais?! – Exclamou. Ambos estavam no quarto em que Geno estava ainda em coma, seu prazo era de um semana, ou desligariam tudo. – Cara, o Flowey simplesmente ficou travado ali com o papo de ser uke. – Apontou para o criado mudo onde a pequena flor estava com os olhos fortemente abertos, como se o mesmo tivesse se assustado com algo. 

– Nossa, agora ficou simplismente preocupado com o Flowey.

– Perai, o quê?!

– Isso que você ouviu. Eu gaguejei por acaso?!

– Ink eu não to querendo discuti! – Error começou a ficar alterado, não gostava de admitir que sentia ciúmes do menor. – Mas desse jeito você esta começando a passar dos limi----!!!

– Error...? – Uma terceira voz o chamou. E essa mesma terceira voz deixou Ink e Error paralizados.









































– ... Geno...?!


Notas Finais


Agora foi, postei logo pq Quinta e Sexta vou ta ocupado:') kkkk

Até mais gente!^^
To morrendo de sono aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...