História Escada para o Purgatório - Capítulo 19


Escrita por: ~

Visualizações 17
Palavras 668
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shounen, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 19 - Acontecimentos



Já era de noite, Grace continuava a conduzir, procurando um abrigo.

GRACE: Espero que o combustível não acabe agora.

Grace reparou numa sombra ao fundo da estrada. Era um dos membros do Rebanho, mas este era um dos mutantes que têm tentáculos a sair do rosto.

GRACE: (pegando na pistola) Merda...

Enquanto isso, Seth conduzia o grupo ao seu abrigo. Seth conduzia o carro da frente, sendo acompanhado por Jessica,  Baron, Billy e Sandra. O segundo carro ia com Rick, Mia, Nikki, Amanda, Annie e Trevor a conduzir.

SETH: Consegui arrumar um abrigo que Alexander não faz a ideia que uso. É grande e todos cabemos lá.

BARON: Ainda bem. Precisamos de medicamentos... Annie foi atacada por um vampiro e perdeu muito sangue.

BILLY: Que horror.

SETH: Coitadinha. Não se preocupe Baron, tenho muitos medicamentos guardados. 

BARON: Ah, ainda bem... Muito obrigado Seth.

SANDRA: Já pedimos ao idiota do Rick mas ele perdeu os medicamentos que tinha na mochila.

SETH: (rindo) O que é que você esperava do Rick, Sandra?

JESSICA: Baron, você tem a certeza que quer atacar a base daqueles assassinos?

Todos olharam para Jessica.

JESSICA: Seth, eu própria vi você matando os seus colegas sem pensar duas vezes. Eu só estou preocupada com Annie, ela não pode perder o pai dias depois de a mãe morrer.

Baron abanou a cabeça. Seth, Billy e Sandra olharam para ele.

SANDRA: Nós não sabíamos... Lamento muito, Baron...

BARON: É... 

SETH: Baron, você não tem que fazer isso. Se quiser vamos só nós e você fica no esconderijo com Annie. Não tem problema nenhum.

BARON: Não... Eu tenho de me redimir... Minha esposa morreu porque eu não consegui matar o vampiro a tempo... Imaginem, foi Trevor que salvou minha vida e a de Annie... Sou um fracasso como pai.

JESSICA:(pondo a mão no ombro de Baron) Você fez o que pôde, Baron. E agora Annie precisa de você mais do que nunca, ela tem que ter o pai ao lado dela.

BILLY: Concordo.

BARON: Não sei... Tenho de pensar sobre isso.

No outro carro, Rick chateava Trevor.

RICK: Meu Deus, você tem uma sniper rifle tão bonita! Quanto custou.

Rick pegou na arma e a apontou para um zumbi que caminhava na estrada.

TREVOR: (tirando a rifle das mãos de Rick) Larga essa arma, moleque desgraçado! 

RICK: Oh...

Todos riram, exceto Trevor, obviamente.

NIKKI: Para você ver o que suportavamos na escola.

TREVOR: É, eu estou vendo.

AMANDA: Minha nossa, vocês são tão jovens e já percebem tanto de armas e... E coisas de matar... Até tenho medo.

MIA: Uma pessoa tem de sobreviver, Sra. Amanda, temos de aprender o que tem de ser aprendido.

AMANDA: Hum... Percebo.

TREVOR: Cala a boca, Amanda. Eu tinha 12 anos e já caçava leões em Africa. 

AMANDA: Acredito, Trevor... Acredito...

TREVOR: Moleques...

Annie estava abraçada a Amanda, sorrindo levemente. Rick olhou para ela e estranhou o estado da menina. Triste, Amanda tirou o cachecol do pescoço de Annie, mostrando as marcas de dentes de vampiro. Rick ficou em choque, mas disse, calmamente:

RICK: Ei, garotinha. Não se preocupe, quando chegarmos a casa do Seth vamos te por boa, ok?

ANNIE: (sorrindo com os olhos quase fechados) Sim...

Rick sorria, mas estava um pouco perturbado. Nikki e Mia olhavam para Rick, contentes com a atitude de Rick.

ANNIE: O sr. Trevor diz que cortou a cabeça do monstro que me mordeu e que depois a pisou vinte vezes.

AMANDA: Trevor?! Você disse isso à menina?!

TREVOR: Eu?! Claro que não! 

Longe dali, as coisas estavam complicadas para Dean, que ainda estava em cima do telhado, com a horda de zumbis esperando que a sua presa descesse.

DEAN: Merda. Tenho de saltar para o outro telhado... Mas está muito longe... Talvez se eu...

Dean olhou para baixo, estavam uns duzentos zumbis rosnando à volta do prédio. 

DEAN: Bem... Parece que vou ter mesmo de saltar...

Dean recuou um pouco, respirou fundo e correu o máximo que pôde. Quando chegou ao canto do prédio, saltou. Estava quase a alcançar o outro edifício quando uma cauda preta, com espinhos e gigantesca surgiu do nada e furou o corpo de Dean, rebentando os seus órgãos. O corpo do líder caiu por terra, todo esmagado, servindo de refeição aos zumbis...





Notas Finais


A morte mais chocante de todas acontece! O que acontecerá a seguir??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...