História Escola dos games - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bendy and the Ink Machine
Tags Bendy And The Ink Machine, Drama, Fnaf, Romance
Visualizações 7
Palavras 483
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Sobrenatural, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 2 - A meia noite


Fanfic / Fanfiction Escola dos games - Capítulo 2 - A meia noite

Estava já de noite eram oito horas da noite,quando ouço alguém batendo na porta fui ver quem era.liguei a tv no mudo depois olhei as câmeras e avisto o bonnie eu pensei (o que ele ta fazendo aqui?),descia as escadas com cautela abrir a porta e falei:

(Eu):Oi Bonnie,o que vc ta fazendo aqui?

(Bonnie):eu queria conversa um pouco com vc,se isso não te incomodar claro.

Fiquei pensando em conversa um pouco,e seria uma falta de educação deixar ele na rua.Eu falei assim para ele:

(eu):n-não me in-incomoda entre por favor vamos ao meu quarto vem.

(bonnie):ok

Então entramos no meu quarto e ficamos conversando,eu me deitei na cama e ele também nos depois deu longo tempo de conversa ele ficou me olhando eu olhei para ele eu fiquei um pouquinho vermelho depois falei:

(eu):ta com fome?

(bonnie):eu to morrendo de fome.

(eu):então vamos comer.

Fomos a cozinha,peguei dois hambúrgueres e coloquei no micro-ondas,depois retirei do micro-ondas e depois abrimos a caixinha onde estava dentro o hambúrguer a gente comeu tudo,olhei para o relógio e eram dez horas da noite,depois agente foi pro meu quarto e mais uma vez alguém batia na porta,abri a porta e vi o Boris ele perguntou:

(boris): Heitor eu posso entrar?

(eu):claro,a e o bonnie está ai viu.

Eu e ele subimos as escadas e entramos no quarto,ele olhou para o bonnie e desconfiou dele de que algo ia acontecer.Depois eu avisei que pega uns refrigerante para agente.Eles falaram ok.

descendo as escadas vi uma criatura grande preta de olhos bem vermelhos ele estava tentando entra na casa,tranquei tudo na casa não sabia se era uma ilusão ou não,peguei o refrigerante e ouvi um barulho de alguém gemendo esta vindo do meu quarto corre direto e abri a porta o boris estava no banheiro e o bonnie estava na cama dormindo era a coisinha mais fofinha do mundo.

Olho para o relógio era meia-noite arrumei o bonnie na minha cama para cabe os três.O pior é que não havia colchão o único jeito era dormi na mesma cama o boris se deitou na cama estava um frio pois o ar condicionado estava em 17 graus mas eu estava no meio e o boris como ele era peludo usei ele de coberto encostei minha cabeça na barriga dele e o pelo dele era que nem um travesseiro depois acordei uma três horas da manhã para ir pega leite.

Depois fui notar que estava tudo muito escuro fiquei com muito medo descia as escadas bem devagar quando olho para a janela tudo muito escuro quando começo a sentir uma mão tocar em meu ombro.Era o boris quase dei um tapa nele então falei

(eu):caralho boris que susto vc me deu meu coração quase salta da minha boca.

(Boris):desculpa e que estava tão bom vc colocar a sua cabeça em minha barriga,dai não consegui dormir mais,vem vamos para a cama.

 

continua



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...