História Escolhas de uma vida. - Capítulo 80


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Aaron, Alain, Ash Ketchum, Barry (Jun), Bianca, Black, Blue, Bonnie, Brendan, Brock, Calem, Cheren, Clemont, Cynthia, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Drew, Elesa, Gary Carvalho, Grace (mãe de Serena), Hilbert, Hilda, Iris, Korrina, Lucas, May, Misty, Nate, Natural Harmonia Gropius "N", Paul, Professor Carvalho, Professor Sycamore, Red, Ritchie, Rosa, Serena, Shauna, Tierno, Trevor, White, Yellow
Tags Advanceshipping, Amor, Amourshipping, Ash, Ash Ketchum, Dawn Hikari, Discussões, Escolhas, Gary Carvalho, May Hakura, Misty, Pearlshipping, Pokémon, Serena, Serena Grace, Specialshipping, Vida
Visualizações 226
Palavras 1.199
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi pessoa ^-^


Acho que as férias de todos acabaram agora, então é hora de voltar a rotina de antes, estudar ou trabalhar, independente do que seja espero que se saia bem e que quando chegar o natal estejamos felizes ^-^ sim já estou pensando no Natal kkkk

E queria agradecer de coração mesmo aos comentários do capítulo anterior, me senti bem melhor ao ler eles, obrigado ^^


E chegamos ao capítulo 80, alem de ser um número de capítulos significante, eu ainda gosto, pois eu sou uma pessoa que para tudo tem "um favorito", tenho cor favorita, anime favorito, pokemon favorito, e meu número favorito é 8 kkkkkkkkkkkkkkkk
E 80 quer dizer que só tenho mais 20 capítulos........................




Boa Leitura ^-^

Capítulo 80 - Será que fiz o certo?


Fanfic / Fanfiction Escolhas de uma vida. - Capítulo 80 - Será que fiz o certo?

Pov’s Ash

 

- Então N, como eu vou fazer? – Pergunto e ele olha para o lado, percebo que ele se segurou para rir...o que ele quer que eu faça? –

 

- Bem Ash, creio que você deva saber, só garotas podem entrar...e eu tenho duas irmãs, posso conseguir umas roupas e tals...

 

- Espera aí...você quer que eu me vista de mulher!?

 

- Sim.

 

- A RESPOSTA É NÃO! PENSE UM POUCO MAIS! Porque não pedimos a uma garota para nos dizer o que elas falaram lá? – Sugiro e ele pensa. –

 

- Bem Ash, Sabrina, Aria e Erika possuem uma grande capacidade de persuadir alguém, elas podem fazer com que a garota nos conte algo errado, e iremos acreditar pois pensamos que a garota irá fazer certo.

 

- Deixe de ser desconfiado demais, eu sei quem pode nos ajudar... – Tento dizer porém ele me interrompe. –

 

- Ash, é apenas por algumas horas...horas essas que podem definir o futuro do seu clube.

 

- Não precisa ficar me lembrando disso direto....mas...por que eu? Não outro? – Pergunto. –

 

- Bem quando fizemos algumas montagens de como os outros homens ficariam como mulheres, você foi o que mais se pareceu. – Diz N e o Hilbert que estava ali começa a rir. –

 

- Não sei o que acho mais estranho nisso tudo...Você seria perfeito N.

 

- Eu seria perfeito? Como assim? – Ele pergunta. –

 

- Você já tem o cabelo longo, nem precisaria de peruca, só dar uma penteada que dava certo.

 

- Não! Existem poucas pessoas com o cabelo verde, e na escola não tem nenhuma garota com essa cor de cabelo, e sou mais alto que a maioria das garotas, não daria certo.

 

- Sobre a cor do cabelo é só pintar.

 

- Não Ash! Esquece, vai aceitar minha proposta ou não? – Ele pergunta e eu olho ao redor o Aaron parecia querer que eu aceitasse enquanto o Hilbert ria muito. –

 

- ...vão ser quantas horas mesmo?

 

- No máximo umas 2 horas. – Diz N. –

 

- Tem certeza que ninguém vai me reconhecer?

 

- Sim, minhas irmãs são boas em maquiagem, pode confiar que nem sua mãe iria lhe reconhecer.

 

- Certo....aceito....

 

- Que ótimo, então amanhã depois da aula venha comigo.

 

- Ok, vou indo agora. – Digo e saio e o Hilbert vem comigo. –

 

 

 

Saímos do lugar onde estávamos conversando e sinceramente, não sei como aceitei isso...irei manchar minha imagem...é algo vergonhoso demais até para mim, ainda dá tempo de voltar atrás...mas o clube irá acabar se o N não vencer....será que fiz o certo?

 

 

- Não acredito que aceitou aquilo. – Diz Hilbert ainda rindo. –

 

- Aceitei mais pois não quero perder o clube...faço isso apenas por vocês também. – Digo e ele para de rir. –

 

- Sei, boa sorte aí. – Ele diz. –

 

- Sim, terei de tomar muito cuidado, não quero ser notado por ninguém.

 

- Vai ser fácil não se preocupe. E agora que percebi que está sozinho, onde está a Serena? – Ele pergunta. –

 

- Ela já foi para casa, hoje ela teve reunião do clube, só que quando terminou nós ainda estávamos com o N, aí disse que ela poderia ir sem mim.

 

- Ah.

 

- E sobre você, onde está a Hilda?

 

- Sei lá, ela me disse que tinha umas coisas para fazer aí saiu, se não me engano ela ia falar com uns amigos dela de Unova.

 

- Amigos? Você os conhece? – Pergunto. –

 

- Não, mas ela fala pouco deles, só diz que eram seus melhores amigos antes dela se mudar para Kalos. – Diz Hilbert. –

 

- Entendo, agora nossos caminhos são diferentes, tchau Hilbert.

 

- Tchau Ash.

 

 

 

 

Em outro lugar....

 

Pov’s Serena

 

Hoje a Lillie estava um pouco estranha, ela mal estava falando comigo, e estava nervosa com qualquer coisa, e quando eu perguntei sobre o encontro dela, ela quase passa mal de tão vermelha que ficou.

Ela estava deitada na minha cama, e resolvi perguntar de vez o que houve com ela.

 

- Ei Lillie me diz o que aconteceu com você. – Digo e ela me olha um pouco envergonhada. –

 

- Não aconteceu nada Sere, só quero ficar só...

 

- Então é assim mesmo...eu não sou importante para você contar a mim o que sente... – Digo fazendo um drama. –

 

- Não Serena! Eu conto... – Ela diz. –

 

- Então o que houve?

 

- Bem...no encontro com o Sun...eu...e...ele...nos beijamos.

 

- O..o...o que! Aaaaa Lillie que coisa boa! – Digo feliz pois deve ser a primeira vez que ela beija alguém, acho que esse Sun deva ser especial para ela. –

 

- Não Serena! Não é nada bom...

 

- Como assim Lillie? – Pergunto sem entender, desde quando o primeiro beijo com alguém que você gosta pode ser algo ruim. –

 

- Ele me beijou de surpresa...nós estávamos em um parque aqui perto e enquanto estávamos sentados olhando o local, só senti ele com a mão em meu rosto e depois me beijou...na hora eu nem sabia o que fazer, fiquei bastante nervosa, eu nunca imaginaria que ele iria fazer isso, sempre fomos amigos, ele por muito tempo, foi o único que me ajudava na minha antiga escola, e do nada ele faz isso.... – Ela diz nervosa. –

 

- Mas você fez o que em seguida?

 

- Eu disse a ele que não queria isso, quero ele sendo meu amigo apenas, então disse que queria ir embora, só que por algum motivo ele ficou muito mal, e eu fiquei com pena dele, e quando fui consolá-lo ele me beijou de novo...

 

- Nossa, ele é insistente mesmo.

 

- Sim e depois eu falei para ele parar com isso, só que ele disse que queria fazer isso há muito tempo, e que essa foi a primeira vez que ele conseguiu...aí eu saí de perto dele e ele foi me seguindo, só que eu disse para ele ir...então voltei sozinha para casa...

 

- Eita isso tudo. Mas Lillie, você gostou do beijo?

 

- Até que gostei, creio que foi quase o que eu imaginava e queria, em um lugar bonito estando a sós... o único problema é que não imaginei que seria com meu melhor amigo. E Sere você tem alguma ideia do motivo dele ter ficado triste?

 

- Bem Lillie, creio que o Sun gosta de você não só como um amigo, acho que ele possa estar apaixonado por você realmente, então para ele deve ter sido triste, pois criou coragem para sair com você e ainda conseguiu te beijar e depois você dá um fora nele, dizendo que são só amigos, deve ser ruim de escutar isso. Eu mesma já pensei que isso iria acontecer comigo quando disse ao Ash que o amava, eu pensei muito que ele ia dizer ‘não vai dar, somos só amigos”.

 

- Então eu fui cruel com ele?

 

- Não foi cruel, só disse a verdade, e a verdade as vezes pode ser cruel mesmo. Mas não se preocupe, ele não irá te odiar por isso, acho que agora ele irá é dar mais em cima de você. – Falo e ela fica vermelhinha. –

 

- Você acha que ele fará isso mesmo? – Ela pergunta. -

 

- Acho que sim. – Digo e ela fica feliz, mesmo sendo linda e já mais velha, ela é bem inocente e isso e muito fofo nela. –

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigado por ler até aqui ^-^


Esse capítulo foi curto mais por conta do pouco tempo que tive para fazer ele, para ser sincero se eu pudesse uniria no mesmo capítulo o 78, 79 e 80, acho que assim ficaria melhor...


Gostou do capítulo?


Acha que o plano do N vai dar certo?



O Ash está certo em aceitar?



O que achou da Lillie?





Até a próxima pessoa ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...