História Escrito nas Estrelas-Ruggarol - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo, Matteo Balsano, Simón
Tags Amor, Escrito Nas Estrelas, Karol Sevilla, Lutteo, Matteo, Ruggarol, Ruggero Pasquarelli, Simon, Sou Luna, Soy Luna
Visualizações 240
Palavras 887
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 29 - Capitulo 29


Fanfic / Fanfiction Escrito nas Estrelas-Ruggarol - Capítulo 29 - Capitulo 29

​Ruggero

Sai do quarto puxando Mike comigo... Nunca tive tanta vontade de matar ele.  Ao descer as escadas avistei Mama turbo e Ana Jara, mas fiz de conta que nao vi ninguem, dei um de cego na hora...

Parei de caminhar assim que cheguei perto da piscina no jardim. 

-Desgraziato... Perché non hai bussato alla porta? Quasi ha visto karol senza vestiti. Sei un bastardo... Disse falando em Italiano e nem percebi de tao nervoso.

-Calma ai amigao... So entendi a parte do Karol, do vestir, e da porta ...ele fala enquanto coloca a mao na barriga de tanto rir.

-Porque voce nao bateu na porta? Quase viu Karol sem roupa... Disse sentei no banco de madeira .

-Voce acha que eu queria chegar e encontrar meus dois melhores amigos quase transando? Eu cheguei aqui, a Caro disse que voce estava la em cima com Karol, entao eu subi e bati na porta, e como ninguem abriu eu entrei mas assim que vi aquela situaçao eu fechei a porta de novo, mas lembrei da nossa conversa e entrei de novo interrompendo foi isso... Ele diz rápido sem respirar.

-E o que vieste fazer aqui?

-Trazer isso, mal agradecido... Ele diz estendendo minha carteira... -Voce esqueceu la em casa. 

-Obrigado. Falo em um longo suspiro.. -Eu me deixei levar, nao era pra ter chegado naquele ponto. Digo enfim me acalmando.

-Voce esqueceu o plano?

-Si el piano...

-O que? Fala minha lingua pelo amor de Deus...

-Eu nao esqueci do plano! Vou ter minha primeira noite com ela de forma especial... 

-Desculpe amigao... Mas o que significa a ultima frase que voce falou mesmo? Pergunta passando o braço pelos meus ombros... O que me faz rir pela primeira vez depois do flagra.

-Desgraçado/ bastardo. 

-Ah! Ele diz como se estivesse pensando o que me faz explodir em uma gargalhada.

-Boa noite meus meninos... Ouço a voz da caro e congelo no meu lugar sentindo o resto de sangue que me resta drenar do meu rosto.

-Oi Caro... Mike responde e me cutuca com o cotovelo ja que eu estava calado.

-Oiii...ooo..iii.. Mama turbo... Consigo responder gaguejando e ela sorrir balançando a cabeça.

- Agora, eu queria perguntar uma coisa. - Ela falou nos encarando, fazendo com que eu congelasse novamente arregalando os olhos.

- Pode perguntar.  Mike falou dando um apertão de leve na minha mão.

- Quem foi que deu aquele grito fino?   perguntou e eu senti meu corpo relaxar um pouco.

- Aquilo?  Ele disse e  deu um sorriso divertido.  -Fui eu...  Respondeu e eu precisei segurar a gargalhada. -Eu achei que tinha visto uma cobra.  completou, e caro arregalou os olhos.

-Uma cobra? Pergunta incrédula. 

-Sim, uma cobra enorme, mas nao se preocupe foi engano... Mike disse e tive que tossir para impedir a gargalhada de sair.

-Ah, graças a Deus que foi engano... Mas eu vou te contar viu... Que gritinho fino que voce tem. Parece uma moça... Caro completou e ai nao teve jeito eu gargalhei alto.

- Nunca vou esquecer aquele  grito  Mama turbo. - Falei quando consegui me recuperar um pouco da gargalhada.

-E eu nunca vou esquecer aquela cobra? Ele disse me encarando .

- Eu te odeio.

- Impossível me odiar. Mike falou enquanto passava a mão no meu cabelo e abria um sorriso. 

-Minha filha tem razão.  Voces sao malucos... Ele disse sorrindo e se levantou nos deixando sozinhos.

- Voce tinha que dizer que viu uma cobra ? Perguntei assim que caro se afastou o suficiente.

-Foi o que veio na cabeça! 

-Palhaço...

​-Eu so espero que esse plano saia como esperado... Voce ja tem tudo o que precisa? Mike falou e começou a mexer na agua da piscina.

-Eu vou precisar de voce ou da Ana pra me ajudar em uma coisa.

- O que eu vou precisar fazer? -  me perguntou depois de soltar um longo suspiro.

- Que você leve ela para aquele mesmo chalé no hotel spar. Falei sorrindo e ele arregalou os olhos.

-Ruggero, ela vai saber que é voce! Ele respondeu rolando os olhos.

-Entao peça pra pra Ana ​Jara combinar uma noite com as garotas, uma desculpa qualquer desde que seja la... Quem mais sabe de nós? Ah sim, A Valentina Zenere... Diz pra ma​rcar as tres para ir pra esse spar e quando ela estiver la, eu entro em ação com os bilhetes.

- Você ainda parece um menino apaixonado. -  falou negando com a cabeça... Eu apenas sorri.

 

-Oi... Karol aparece de surpresa nos assustando... Espero que ela nao tenha ouvido nada. 

- Oi. - Falei me erguendo e a abraçando e vejo que Mike faz o mesmo com Ana.

-vim te chamar para irmos! Ana Jara diz pra Mike.

-Vamos sim. Ja chega de emoções por hoje... Ele diz e pisca o olho pra mim. O que me faz rir.

Nos despedimos com um abraço e  assim que eles se vão eu aperto a Karol contra meu corpo e em retribuiçao, ela sorriu e ficou nas pontas dos pes para me da um beijo.

- Eu amo você. - Ela falou abrindo um de seus lindos sorrisos.

Me inclinei e selei nossas bocas novamente, não existia coisa melhor do que beija-la... Eu poderia fazer aquilo pelo resto da minha vida, e da minha existência.

-Tambem te amo!

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...