História Especial : Dia dos Pais. - Capítulo 1


Escrita por: e Byunnie_Chan_

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Kai, Personagens Originais
Tags Chanbaek, Chanhun, Kai, Sebaek
Visualizações 56
Palavras 603
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Harem, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Nya, voltei com mais uma fanfic ♡ ela será dividida em dois capítulos.

O casal principal será o " ChanHun ", quê são a otp assumida. E sim, eles são alfas. Achei que ficaria diferenciada se eles fossem assim.

O SeHun terá entre : 26 anos.

ChanYeol : 28 anos.

BaekHyun : 18 anos.

É NinRha primeira fanfic tresome, então espero que gostem e...

FELIZ DIA DOS PAIS!

Capítulo 1 - O início do dia!


Fanfic / Fanfiction Especial : Dia dos Pais. - Capítulo 1 - O início do dia!

Dispertei com os grandes raioz solares em meus olhos, abrindo o mesmo, tento normaliza-lo com a recente iluminação, reparo meu quarto tão grande e claro.

Levantei-me da cama e cobertas quentinhas, um imenso arrepio atingiu-me dos pés a cabeça. Corro rapidamente para o banheiro, despindo-me, ligo o chuveiro sentindo a água morna para quente descer pelo meu corpo de uma forma aprazível; quando termino meu banho, vou rapidamente para o gabinete branco, pegando duas toalhas para me enxugar.

Quando seco, dirijo-me para o quarto iluminado novamente, enrolado ainda na toalha, vou até o guarda-roupa, pegando : uma saia rosa pastel, uma meia calça preta, a mesma que cobria apenas até meu joelho, e, por fim, uma camisa branca um pouco larga.

Saio do quarto rapidamente, indo de encontro a cozinha, nesta encontro meus dois appas. Appa Channy e Appa SrHunnie, sei que pode parecer estranho, mas tenho dois appas alfas, sendo assim, o único ômega presente nessa casa. Os maiores se conhecem desde criança, appa channy sempre se mostrou ser alfa e o appa SeHunnie beta, porém em seu cio descobriram que o mesmo era alfa também, mas claro, isso não foi um problema, pois os mesmo ainda continuam felizes e juntos. Fui adotado com dois anos, mas isso nunca foi um problema para mim, pois amo meus appas.

Quando sentei-me na mesa de vidro, vendo meus dois appa tomando o delicioso café da manhã cheio de beijinhos no nariz e carícia. Era bonito de ver o quão apaixonados eram. Em meio ao pensamento, saio de meus devaneios, ouvindo a voz do appa SeHunnie me chamar.

— Bebê, acho melhor não ir para a escola hoje! Seu cheiro está um pouco forte.

— Appa não precisa se preocupar, meu cheiro é mentiroso, sempre que penso se pode ser o cio, é alarme falso. — Digo com um bico em meus lábios.

— Sabemos amor, mas previnir sempre é bom. — Diz appa Channy.

— Não se preocupem! Bem, agora tenho que ir para a escola.

Levantei-me indo para onde meus appas estavam, dando um selar na testa de cada um.

— Até!

— Cuidado filho, te amamos! — pronuncia appa SeHunnie.

Saio de casa com um sorriso no rosto, no meio do caminho, começo a cantarolar, ouvindo o sinal bater. "Aigoo, estava atrasado." corro até a escola conseguindo entrar na mesma. Vou até minha sala adentrando o ambiente barulhento, sentei-me na carteira e iniciei a aula.

Quando o sinal indicou a entrada o professor de biologia Suho na quinta aula. Minha visão ficou turca, meus lábios tremiam e meu corpo doía. Conforme meu ventre doía, deixei um pequeno gemido escapar, atraindo a atenção dos alunos restantes. Os olhares de luxúria me assustavam, peguei meu material e fui até o professor, o mesmo percebendo o pequeno "problema" me liberou. Saio correndo para casa agradecendo aos deuses por não morar longe. Quando cheguei em casa abro a porta logo caindo no chão.

Vejo um alfa moreno sentado no sofa mexendo em seu celular, logo focando em mim. Seus olhos e lábios eram atraentes e convidativos.

Por instinto, pulo no colo do moreno bonito, logo atacando seus lábios em um beijo afoito. Conforme nós beijavamos, sentia meu corpo ainda mais quente, suas grandes mãos maltratavam minha coxa e cintura.

Tiro minha calça e camisa, sem cessar o beijo.

Sinto suas mãos descerem da minha cintura e irem de encontro ao meu membro disperto, começando uma leve masturbação por cima da calcinha, sentia meu pré-gozo escorrer do meu membro. Quando ia tirar a peça miúda que apertava meu membro, ouço os gritos eufóricos do meus pais.

Continua???  


Notas Finais


Caso tenham gostado, por favor!

✔ Não esquecam dê :

⇨Comentar; ⇨
⇨Favoritar;
⇨compartilhar;

⇨Dicas construtivas e opiniões são sempre Bem - Vindas!

Até o próximo, amores. ♡♡♡♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...