1. Spirit Fanfics >
  2. Espiões de Paris >
  3. Capítulo 20: Anel de Compromisso!

História Espiões de Paris - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura 😘

Capítulo 22 - Capítulo 20: Anel de Compromisso!


Fanfic / Fanfiction Espiões de Paris - Capítulo 22 - Capítulo 20: Anel de Compromisso!

- Quer namorar comigo?

Apesar da escuridão do quarto, Luka pode ver as bochechas da garota mais vermelhas do que nunca, Marinette estava surpresa pelo pedido repentino, ela realmente não esperava por àquilo.

- L-Luka, não precisa me pedir em namoro só por causa do que a Juleika disse, eu acredito em você Luka, não se sinta na obrigação disso!_disso envergonhada.

- Não é só por causa disso Mari, para falar a verdade, eu..._ele faz uma pausa devido ao seu nervosismo_Eu queria fazer esse pedido a algum tempo, mas me faltou coragem!_disse ele desviando seu olhar da garota._Eu gosto muito de você Mari, não! Eu amo você Marinette, eu te amo! Você aceita?

- Mas é claro que sim!_ela sorriu e o beijou.

Luka retribuiu o gesto da sua namorada, ele estava feliz por ter finalmente conseguido pedi-la em namoro depois de tantos anos, ele estava extremamente bravo e magoado com sua irmã caçula, porém ele agradecia por ela te dado aquele empurrão para que ele fizesse o que queria desde os 15 anos de idade.

Eles se separaram não muito ofegante, e se encaram por breves segundos depois Luka puxa Marinette para se deitar novamente sob o peitoral dele, o garoto acaricia os fios azulados do cabelo de Marinette, e assim os dois caem no sono rapidamente.

***

Um novo dia amanhece em Paris, o sol nascera há algum tempo, mas Marinette já estava acordada devido a luz solar que batia em seu rosto, ela não se levantou da cama, preferiu permanecer ali e admirar Luka, que estava com uma expressão pacífica, logo ele acordaria pelo mesmo motivo de Marinette, o sol se aproximava a cada minuto mais seu rosto.

Enquanto encara seu namorado Marinette se lembrava da noite passada, a ficha ainda não tinha caído, estava mesmo namorando Luka? Ou aquilo teria sido um sonho? Não ela sabia que foi real.

Alguns minutos se passaram, então Luka acordou, soltou um bocejo e então olhou para Mari, deu um bom dia com sua voz embargada de sono, o que fez a mestiça rir.

- Bom dia_respondeu ela.

- Como você está? Dormiu bem?_quis saber ele.

- Sim, e você?

- Maravilhosamente bem, ainda mais com essa linda mulher ai meu lado!_disse ele deixando Marinette envergonhada.

- Vamos tocar café?_pediu ela depois de um tempo do mais velho a encarando.

- Você quebra o clima!_ele brincou e depois deu um beijo na bochecha dela._Vamos!_ele se levantou junto dela.

Luka leva Marinette para a cozinha em estilo noiva, e a coloca no sofá, em seguida ele vai para a cozinha começar a preparar o café da manhã dos dois.

- Ei! Eu vou ajudar a preparar!_ela fez bico e com cuidado se levantou e fui até a cozinha americana.

- Nem pensar você tem que descansar por causa da sua perna!_diz ele barrando Marinette.

- Vou ajudar sim!_ela fez bico novamente.

- Ta bom!_desistiu ele.

Luka pegou todos os ingredientes para que eles fizessem panquecas, era o prato preferido de Luka, eles dividiram as tarefas Luka faria o café, ou melhor colocaria o pó de café e a água na cafeteira e a deixaria fazer resto do trabalho, enquanto isso Marinette iria preparar as panquecas no fogão.

Luka fez seu trabalho, e disse a Marinette que iria pegar algo no quarto, ela concordou com a cabeça e continuou a preparar algumas panquecas.

Luka foi até seu quarto, abriu seu guarda roupa e em seguida uma gaveta, dali ele pegou algo que queria dar à Marinette a muito tempos.

Ele volto em silêncio para perto garota e a abraçou em por trás com um dos braços o que assustou um pouco a garota por não ter ouvido-o chegar, logo ele mostra uma caixa de veludo azul para a garota.

- Eu espero que sirva!_disse ele

- O que é isso Luka?_pergunta a azulada curiosa.

- Abra, eu espero que goste!_ele encostou seu queixo no vão entre o ombro e o pescoço da garota.

Marinette pegou a caixinha da mão do rapaz e a abriu se deparando com dois lindos aneis, ela não acreditou naquilo, ela estava realmente em um sonho?

Os anel são todo de brilhante, mas são de cores diferentes, o menor é dourado, enquanto o maior é preto, combinando perfeitamente com o casal, a grossura não era tanta, é médio, Luka havia escolhido com cuidado, mas quando seus olhos viram aquele par, ele viu era perfeito para ele e sua amada.

- Luka... É lindo!_ela estava sem palavras para aquilo.

- Que bom que você gostou!_ele vira ela de frente para si.

Luka pega um dos anéis, o menor dourado, e pediu a mão de Marinette, ela riu, mas deu sua mão à ele, que colocou o anel no dedo anelar da mão direita de Marinete, e depois deixou um beijo ali, o que deixou a azulada com suas bochechas rosadas.

- Coloca na minha também?_pediu ele olhando profundamente para ela.

A mestiça sorriu, e pegou o outro anel da caixinha de veludo, e pegou a mão dele, ela colocou o anel com delicadeza no dedo anelar da mão direita de Luka, e depois sorriu boba.

Em seguida Luka puxou Marinette mais perto de si, e a beijou calorosamente e claro que a mesma retribuiu, mas então um cheiro de queimado invade as narinas de Luka, ele se separa dela que não entende até sentir o cheiro de queimado também.

- As panquecas!!!_gritou ela mais para si mesma do que para qualquer outro.

A garota se virou, para o fogão rapidamente quase se esquecendo de sua perna e diminuiu um pouco o fogo, ela pegou a espátula rapidamente e quase deixado-a cair, mas conseguido pegar no ar quase deixando cair mais uma vez, ela virou a panqueca com pressa vendo que havia queimado muito, o que a deixou frustada.

Ela se virou com cara de derrota para Luka que estava se segurando para não rir, mas ele não conseguiu mais e caiu na gargalhada.

- Do que você está rindo seu bobo? Isso é sua culpa!_disse ela quase rindo junto dele.

- Seu desespero me diverte!

Ela deu um fraco tapa no braço dele e se voltou para o fogão para terminar as panquecas logo, a fome estava começando a dar presença nela.

Depois de tudo pronto eles se sentaram se serviram o café da manhã e conversam, até que Marinette se lembrou que não havia contado para Luka que teria que sair para fazer o trabalho da faculdade com Adrien.

- Luka?_chamou ela.

- O que foi Mari?

- Eu tenho que ir para casa! Adrien vai para lá mais tarde temos que terminar um trabalho da faculdade!_avisou ela.

- Tudo bem e te levo para sua casa mais tarde, mas eu vou ficar junto com você!_disse tentando não demonstrar o ciúmes o que não deu certo.

- Está bem! _ela riu achando fofo da parte dele.


Notas Finais


Espero que tenham gostado deste capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...