História Espontaneidade poética - Poesias - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Fluffy, Lírica, Poema, Poesia, Prosa Poética
Visualizações 10
Palavras 108
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fluffy, Lírica, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bem, sei lá. Sempre odiei poemas, mas agora estou me interessando neles. Espero que gostem.

Capítulo 1 - Sentimentos da partida


A ti, simbólico esbelto da fofura contida, dedico a instrução cordial da saída, a abordagem de tópicos e preceitos daqueles que se esquivam da terna propriedade.

Temo, na não satisfação do encontro me regozijar com a perplexidade da solidão; aposse-me com sua avante presença, crave com teu estar esporádico a instância ventura da seita.

Seita. Senta e sinta, aceita a teima. A resplandecência de sua posse não contida, a ambição da partida. Tido eu estar com ti e reluzir por si só a falência dos corpos presentes, influentes seres inaptos a partir e sentir o intocável, temores espirituais daqueles que não encontram na fuga a esperança do reencontro.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...