História Essa Garota Mudou a Minha Vida - Imagine Park Jimin (Será?) - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Colegial, Romance
Visualizações 143
Palavras 1.032
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


CAAAARRAAAAAA

MDS
SDDS EM

AAAAAAAAAAA

Capítulo 17 - Yoongi e Suas Provocações... FIRE...



     VOLTEI POURRA

DOIS BEJO


GENTE, EU ESTOU VOLTANDO AOS POUCOS, OK?! EU AINDA AMO VOCÊS, MUITO❤❤❤❤❤

sei que perdi muitas de vcs... me desculpem... :-:...


           °🍁P.O.V (S/N)🍁°


Eu não quero que Yoongi vá embora, eu preciso... Preciso me acalmar e conversar.


– Y-YOONGI! – o chamo.


O mesmo para e se vira para mim. Caminho até ele em passos rápidos e o abraço. Ele hesita um pouco, mas logo sinto suas mãos me rodearem. E então, eu apenas choro...


 Choro de frustração.

Choro por agora saber o que realmente meus pais pensam de mim. Pensam que sou uma... Uma vadia!

Pensei que Jooheon estava ao lado... Que podia contar com ele, mas vejo que não, não posso...


              °🍁°🍁°🍁°


– Se sente melhor? – Pergunta quebrando o silêncio.

– Eu... Eu acho que sim...

– Quer conversar sobre o que aconteceu...?

– Tive uma discussão com meu irmão e... E ele me disse coisas que me machucaram... Coisas que... Estou pensando se não são apenas verdades...

– O que ele disse?

– Ele acha que... Que eu transei com vocês, que... Sei lá! E acabei descobrindo que minha mãe acha que sou uma vadia que precisa ser vigiada pelo irmão mais velho!

– Você não é uma vadia, (S/N).

– Estou começando a achar que realmente sou...

– Escute, você não é uma vadia apenas por ficar com alguns caras. Jimin pega várias garotas e nem por isso é uma vadia – deixei escapar um riso – você não é uma vadia, entendeu? E outra, você sabe que não fez nada demais noite passada, apenas bebeu. Deveria estar com sua mente em paz em relação a isso.

– Tem razão, Yoongi... Eu não deveria ficar com a consciência pesada, com algo que não fiz... – sorri – Yoongi... Preciso perguntar uma coisa...

– Pergunte. – diz umedecendo os lábios.

– Eu não me lembro muita coisa da noite passada... E estou com uma dúvida... – ele me olha – o que eu fiz com você?

– Você abriu minha camisa. – disse simples – só isso.


Mas que merda, (S/N)!!!!!


– Eu acho que deveríamos ir. – me levantei. 

– Aish... Estou cansado, (S/N).

– Oh... A princesa está casada? – o provoco.

– Não enche! – me olhou – garota chata... – resmungou.

– O que disse?

– Noite bonita, não é? 

– HaHa! – o bato de leve – idiota... 

– Como ousa me bater, garota?

– Bater como? Assim? – faço novamente.

– Insuportável... Por quê eu vim atrás de você?? Aish...

– Aaah é assim? – o bato novamente e começo a rir.

– Pare, (S/N)! 

– Hum... Não...


Iria dar mais um leve tapa nele, mas o mesmo segurou meu pulso e me puxou para perto de si.


– Eu disse para parar, (S/N).


Tento com a minha outra mão que está livre, mas ele a segura também. Yoongi me empurra sobre a grama, e com uma perna de cada lado de meu quadril, o mesmo segura meus pulsos acima da cabeça.


– Você é tão teimosa... Isso me irrita demais, sabia? – ele me olha – você se lembra daquele dia que lhe encontrei naquele bar? – fico quieta – em, (S/N)?

– Me lembro...

– Lembra o que fez? – diz se aproximando de meu ouvido – você me provocou, (S/N)... – sussurrou – muito...


Ele da selinhos molhados em meu pescoço, fazendo com que eu sentisse um arrepio dos pés a cabeça. Rapidamente Yoongi marca meu pescoço com um forte chupão, e não pude deixar de soltar um gemido.


Yoongi me deixa... Aaaaaaaahh!!!!!!


O mesmo solta meus pulsos e sinto suas mãos frias debaixo de minha camiseta, subindo lentamente por minha cintura, fazendo-me arrepiar mais.


Adentro seus cabelos negros e o trago para perto de mim, o fazendo tirar suas mãos de onde estavam, e agora. sentido sua respiração próxima a minha boca, quase o imploro para me beijar.


– (S/N), (S/N)... Tão fraca... – o solto e largo um suspiro. – precisamos ir, está garoando e não quero pegar chuva. – disse se levantando.


O olhei incrédula. MAIS INCRÉDULA DO QUE NUNCAAAAAAA, AAAAAAAA.


– Você vem, (S/N)? Está em condições de se levantar?

– Você é um desgraçado! – me levanto.

– É... Muitos dizem isso...


Caminho rápido e irritada.


– EI, (S/N)! ME ESPERE! – corre até mim – você ficou brava? – me olha rindo.

– Brava? Brava com o que? Eu não estou brava!

– Pois eu acho que está...

– Está achando errado!


      

        °🍁P.O.V Jimin 🍁°


– Yoongi só estraga as coisas! – disse Jin se sentando em seu lugar na mesa.

– Talvez ele esteja de saco cheio de nós, e quando digo nós, quero dizer Park Jimin.

– Resolveu socializar agora, JungKook? Era melhor ter ficado calado!

– Começou... Vou embora dessa merda. – disse Hoseok suspirando.

– Parem com isso! – Namjoon chama nossa atenção – Aish... Vocês sabem por quê Yoongi não veio? 

– Ele saiu correndo atrás de um cara, dizendo que ele estava com seu moletom... Algo assim...

– Isso é mentira, Hoseok. – TaeHyung entra na conversa – ele viu (S/N) correndo, e chorando... Então foi atrás dela.

– Como assim?? – pergunto – Aish! Ele é um babaca, um babaca! Eu estou cansado de ver ele se mantendo nas minhas coisas! 

– Que coisas? – Jin pergunta – (S/N) não é sua, Jimin!

– Que comece a treta... – TaeHyung sussurra para JungKook – só joguei a lenha na fogueira... E Jimin é a faisca... PAH. FIRE.

– Quer saber, eu irei voltar para casa!

– Ninguém vai sair dessa porra! Que droga! – Hoseok bufa – se te deixa feliz, Jimin, eu ligarei para Yoongi vir, e iremos fingir que não sabemos de nada, estenderam?! Que saco...


Hoseok ficou chateado, ele não consegue controlar suas expressões quando está triste. 


Se controle, Jimin... 


Sei que (S/N) não é minha, mas ela será! Eu a vi primeiro, e Yoongi não passa de um invejoso sem nada de bom pra fazer da vida. Eu o odeio com todas as minhas forças. Não apenas por causa de (S/N), mas por quê sei que ele me odeia, e tem algo contra mim, e eu vejo isso em seus olhos.


– JungKook, vá buscar Yoongi em casa. – diz Hoseok encerrando a ligação.

– Ótimo. Vou aproveitar e ficar por lá mesmo. Até mais tarde.

– Que família unida... – Jin suspira. 


Espere... Não! JungKook não pode ficar lá! Ele vai ficar perto de (S/N), sei que vai, sei que ele tem interesse nela, pois eu percebo o jeito dele, e percebi ontem na boate... 


– Eu vou com você, JungKook. – digo me levantando, e ele riu.

– Você é a última pessoa que quero ao meu lado agora, Park Jimin.


MERDA! 

#VaiJungKook!

°°°SERIA UM SHIIIPP DE MUITAS DE VCS SE REALIZANDO??? HHHNNNMMMM????????? HEUEH JK AND (S/N)??!!???!?!?! N SEI... SÓ DIGO... VAAIIII JUUNNGGKOOOOOOK!!!!°°°





Notas Finais


GENTE... #VaiJungKook


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...