1. Spirit Fanfics >
  2. Esse amor tão errado. >
  3. Bar part.2

História Esse amor tão errado. - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Bar part.2


Luna on.

Estava tudo indo bem, piadas sem graças,lembranças estranhas,desafios malucos e muitas risadas, tinha tudo para ser uma noite normal com os amigos, mais não posso esquecer assim de um dia pro outro o que aconteceu no meu último relacionamento.

Flashback de 1 semana atrás.

Olho pro lado e vejo meu gatinho sem camisa olhando pro teto com um sorriso bobo nós lábios.

Luna:posso saber o motivo desse sorrisinho? - pergunto enquanto me ajeito na cama para poder o ver melhor.

Matteo:todos os meus sorrisinhos bobos pertencem a você meu amor - se ajeita para poder me olhar nos olho.

Luna:então isso me declara uma sortuda? - faço uma cara de consfusa.

Matteo: talvez porém eu já tenho a certeza que eu sou o cara mais sortudo do mundo por estar completando mais um mês de namoro com a morena mais gata que existe. - se posiciona no meio das minhas pernas ficando a centímetros de distância dos meus lábios.

Luna: vamos comerar conversando por acaso? - e incrível como ele consegue despertar os sentimentos mais variáveis em min só com um olhar.

Matteo: literalmente não - foi a última coisa que disse antes de devorar minha boca com um beijo sem demora, era um beijo que dizia direitinho "eu quero amar você de um jeito diferente" eu gostava disso e ele também.

*campainha toca*

Luna:Matteo tem alguem tocando a campainha - digo ofegante enquanto ele beijava deliciosamente meu pescoço.

Matteo:deve ser algum vizinho,nada de importante - volta a me beijar e aperta meu corpo contra o seu me fazendo sentir sua ereção o que me fez perder todo o raciocínio.

*campainha novamente*

Luna:meu amor eu adoraria fazer loucuras nessa cama macia com você - digo me afastando um pouco com dificuldade - mas com essa campainha tocando não dá. 

Matteo:se essa pessoa seja lá quem for disser no mínimo que meu pai ressuscitou e estar vagando por aí - solto uma risada boba ao ouvir isso - eu vou xinga-lá por ter me feito pausar o início da minha comemoração de namoro.

Flashback off

Volto a realidade com Nina e Âmbar me chamando de volta a terra.

Nina: terra chamando Luna.

Ignoro completamente a Nina e olho para o lado ao ver Matteo voltando do banheiro ajeitando seu cabelo, automaticamente tudo ficou em câmera lenta e só percebia o olhar dele conectado com o meu,vários flashbacks dos nossos momentos juntos invadiram minha mente de um vez só, senti alí uma angústia,um aperto no coração, meus olhos já estavam marejados e como um choque de realidade volto ao normal escutando Âmbar perguntando se estou bem.

Âmbar:amiga você está bem? Precisa de algo? - seu rosto claramente mostrava preocupação e curiosidade assim como de todos os meus amigos que estavam alí, eles sabiam que era algo que envolvia o Matteo só não imaginavam ser algo tão sério.

Luna:eu preciso mesmo ir. - pego minha bolsa e com as mãos trêmulas pego a chave do meu carro e corro até ele, Nina e Âmbar correm em minha direção.

Nina: Luna você não está bem. - me puxa antes que eu conseguisse entrar no carro.

Âmbar:Nina tem razão Luna, você não pode dirigir nesse estado. - tenta me convencer.

Luna:eu estou bem, só preciso respirar um ar diferente. 

Nina: tudo bem então,vamos com você. - diz abrindo a porta do passageiro do carro.

Âmbar: Sim vamos com você, só vamos entrar e falar com os meninos. 

Luna:eu espero vocês aqui - digo enquanto Nina e Âmbar caminham em direção ao bar, quando vejo que estão distraídas se despedindo dos seus namorados entro no carro e dou partida nele em direção ao único lugar que me faria bem agora.

Karol on.

INCRÍVEL 

Somente isso que consigo pensar ao ver como a Candelaria mesmo sendo uma patricinha mimada consegue dar um festa que agrade a todos.

Carolina:estamos aqui a 2 horas e não bebemos nem um pouquinho - diz trazendo 3 copos de alguma bebida.

Karol:Carolina você sabe que eu não posso - falo a verdade, não sinto vergonha em fazer parte dos pouquíssimos adolescentes de 15 anos que alí se encontram que nunca bebi nenhum pingo de bebidas alcoólicas.

Valentina:a Kah não mas eu sim - pega um copo e toma um pouco.

Ruggero: olá meninas




Notas Finais


Oq acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...