História Está quente aqui ou é só você? - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Doggo, Frisk, Greater Dog, Grillby, Mettaton, Muffet, Papyrus, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Irmã Do Grillby!leitor, Nao Sei, Quente!leitor, Sans, Sans X Leitor, Undertale, Yuninha
Visualizações 76
Palavras 1.233
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não sei o que estou fazendo da minha vida.
Eu preciso dos meus remédios.
Eu só faço merda.
Boa leitura.

Capítulo 2 - Capítulo - 2


Sans havia tido um dia estranho, os monstros que geralmente estavam no bar de Grillby estavam espalhados pela cidade de Snowdin e Waterfall. O que mais surpreendeu o pequeno esqueleto foram os rumores de que Grillby talvez tivesse uma nova esposa ou algo assim, era estranho isso acontecer nessa redefinição, era para ser mais uma rota pacifista normal, isso nunca havia acontecido, o esqueleto estava preocupado. Era difícil para ele lidar com algo novo, não dava para saber se era bom ou ruim.

“Fiquei sabendo que Grillby derramou leite nele mesmo, será que ele está bem? ”

Um pequeno Snowdrake estava conversando com um urso com um moletom laranja, agora Sans estava preocupado de verdade, seu melhor amigo não pode morrer ainda, nem na rota genocida ele chegava a morrer, apenas quando cometia suicídio.

 A alma de Sans parou, ele caminhou em direção a um beco atrás de uma casa, em um ritmo lento, mas um pouco apressado e logo as paredes familiares e a sensação calorosa de conforto estavam pairando ao seu redor.

  Um suspiro de alivio saiu dos dentes do esqueleto ao ver uma figura de fogo, só que azul? Tentando limpar uma poça de algo liquido, talvez Grillby possa mudar de cor e só faça isso quando está sozinho?

“Ei Grillby, não sabia que você também podia mudar de cor, isso chacoalhou meus ossos aqui heh. ”

Ele falou enquanto colocava a mão no ombro do ser flamejante que se virou assustada largando o esfregão, as orbitas de Sans se arregalaram ao notar que não era Grillby, essa monstra havia mais curvas, um cabelo azul (C/C) e pequenos olhos em anéis (C/O), diferente de seu melhor amigo, ela não usava óculos e seu smoking era mais justo e delicado, as bochechas pálidas de Sans começaram a ganhar uma tonalidade de azul ao perceber que a moça era muito bonita.

“O-oh desculpe, eu pensei que era Grillby. ”

Sans coçou a nuca de maneira envergonhada, o ser flamejante a sua frente apenas encarou o esqueleto o deixando meio desconfortável.

“... .... ....” (Meu irmão está descansando agora.)

Era quase um sussurro mas para o esqueleto foi algo angelical, ele queria ouvir mais e mais dessa pequena voz que ecoava no interior do seu crânio, ele logo se recompôs e voltou a prestar atenção ao mundo ao seu redor, espera, ela disse que Grillby era seu irmão?

“Grillby é seu irmão, pensei que você fosse sua esposa? ”

Sans perguntou confuso, o ser a sua frente apenas pareceu crepitar mais forte e seus ombros pareciam subir e descer como se estivesse rindo, o esqueleto estava hipnotizado com tamanha beleza.

“... ... ... ...” (Eu nunca casaria com meu irmão cabeça oca, eu não sou muito a fim de pessoas quentes.)

As orbitas de Sans brilharam, ele podia jurar que elas haviam virado corações no momento, esse com certeza era um caso de amor à primeira vista. Quando a mulher parou de rir, ela estendeu uma mão ao esqueleto.

“.... .. ..” (Eu sou (S/N))

O esqueleto pegou a mão flamejante sem hesitação e chacoalhou sorrindo de forma feliz.

“Eu sou Sans, Sans o esqueleto, é bom conhecer você. ”

“... ..... .... ...” (Bem Sans, é bom conhece-lo também, mas eu preciso trabalhar agora)

 O sorriso de Sans caiu um pouco ao ouvir essa frase, mas logo ele ficou tenso ao sentir algo quente no topo de sua cabeça, (S/N) estava afagando seu crânio de forma tão suave e gentil que Sans quase se inclinou para a mão como se fosse um gatinho carente, era tão reconfortante e bom.

 A mão recuou do crânio de Sans em poucos minutos, e os olhos de (S/N) pareciam mostrar que não precisava ficar triste, o esqueleto estava meio desapontado, ele por dentro queria que o afago durasse mais algum tempo, mas ao ver a mulher meio que lutando para limpar uma simples poça de leite, fez ele fazer algo que ninguém no mundo imaginava que ele poderia, ele pegou o esfregão e ajudou a monstra a limpar a bebida.

“.... . ... .....! ..... ...” (Oh meu Asgore, não precisa Sans!)

“Heh é só uma pequena mãozinha, não seja tão cabeça quente com isso. ”

“... ..... ..... ....” (Eu apenas posso ser demitida por deixar clientes trabalharem até o osso.)

Os dois caíram em gargalhadas, mais como Sans caiu na gargalhada, o único som que você poderia fazer era um som de fogo crepitando, logo o lugar todo estava limpo, a louça arrumada e Grillby estava dormindo, então Sans resolveu sentar em seu banco habitual te encarando enquanto você trancava o lugar, já era tarde afinal.

“Então, minha senhora, poderia me explicar como eu nunca te vi antes? ”

Sans perguntou de forma curiosa, pegando você de surpresa, se inclinado sobre o balcão para ficar cara a cara com Sans, você suspirou.

“.... ... ..... ...... .....  ...... ....... ....” (Grillby sempre foi muito super-protetor após a guerra, e quando ele finalmente decidiu que era confiável me deixar sair, eu não me importava mais.)

Sans assentiu de forma lenta, entendendo o ponto de vista de Grillby e o seu, ele estava meio bravo com Grillby por não contar que ele tinha uma irmã, mas varreu isso de lado.

“..... ..... ....” (E Eu sou uma senhorita, não sou casada.)

Sans corou um pouco com essa frase, ele quase falou “Por pouco tempo” em voz alta, suprimindo o desejo de abraçar a moça ali mesmo. O que estava acontecendo com ele afinal de contas?

“Desculpe, você é tão bonita que nem pude imaginar que era solteira. ”

As suas chamas ficaram roxas na região onde deveriam ser suas bochechas e logo o esqueleto também estava corando ao notar o que ele mesmo havia dito.

“.... .... ... ...” (Isso foi uma cantada?)

Agora o esqueleto estava mais azul que um mirtilo, suando um pouco enquanto olhava para diversas direções menos os seus intensos olhos.

“T-Talvez? ”

Você crepitou um pouco em surpresa e logo riu suavemente afagando o esqueleto gentilmente, não deixando de notar a forma que ele se inclinava em direção a sua mão.

“.... .... .... .. ... ..... ...” (Eu sou apenas uma monstra velha, não fique preso em mim rapaz.)

Tudo bem, agora Sans estava indignado, você não poderia ser mais velho que ele, e ele não podia mandar na sua alma, ela ansiava por você.

“Heh, você não parece tão velha, está tão quente como qualquer adolescente. ”

Sans piscou de forma galanteadora, fazendo seus olhos revirarem, ele era fofo mas você tinha medo de decepcionar o pobre rapaz.

“.... ....... .....” (Eu e Grillby somos gêmeos.)

  É, definitivamente você era um bocado de séculos mais velha que o esqueleto, ele parecia meio desapontado, mas logo um brilho de determinação brilhou nas orbitas de Sans. Ele não iria desistir tão fácil.

“Por que não dá pelo menos uma chance? ”

Nem Sans sabia o que estava fazendo no momento, o lugar estava tenso enquanto você pensava sobre o assunto, a alma de Sans estava batendo forte sobre sua caixa torácica, ele jurava ver um sorriso malicioso em seu rosto sem mesmo ter uma boca! Ele estava louco, louco por você.

“....... ......... ....” (Tente me conquistar então saco de ossos.)

E pela primeira vez em muitos resets, Sans tinha determinação para fazer algo, e ele não ia desistir tão cedo. 


Notas Finais


LOL
Sans tá com fogo né?
Eu vou deixar o resto para imagination.
Eu realmente sou do mau.
:3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...