1. Spirit Fanfics >
  2. Estou com medo. -Yoonkook- (Reescrevendo). >
  3. "Desculpa."

História Estou com medo. -Yoonkook- (Reescrevendo). - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiii, aqui é Vkookina, então, eu decidi reescrever essa estória aqui, eu gosto demais dela, acho que entre as minhas fics ela é a minha favorita, por isso, decidi corrigir e a reescrever.

Espero que gostem, beijos, beberes! 💜

Capítulo 1 - "Desculpa."


Jk p.o.v

Eu nunca fui um bom garoto, sempre tinha um surto ou era desobediente. Minha mãe nunca deixava eu sair de casa, até ela falecer. Minha tia comprou uma casa para mim no centro da cidade, ela paga as contas e compra a comida. Meu único amigo é Min Yoongi, ele sempre aparece quando eu preciso, ele é o motivo pelo qual eu ainda estou vivo.

Quer dizer, era. Eu não tive uma briga com ele, não. Eu apenas não aguento mais, ele diz que se eu morrer, ele também morre. Eu não entendo o motivo, não queria morrer por ele. Eu sinceramente não aguento mais e aqui estou, em cima do meu prédio, no último andar. Sinto uma presença atrás de mim, era o Yoongi.

-- Jungkook, por favor, não faça isso! --Seus olhos estavam cheio de lágrimas, me doeu o coração ver essa imagem.

-- Me desculpa, Yoongi. Mas é necessário, você sabe disso! --Ele sobe o para peito e fica do meu lado, eu me viro pra ele e ele faz o mesmo, ficamos nos encarando.

-- Kookie, eu sei que você não tem mais esperança, mas porfavor, não faz isso. Por mim!

-- Não dá! --Sinto as lágrimas descerem pelo meu rosto.

-- Kookie, eu estou com medo. --Diz Yoongi.

-- Desculpa! -- falo olhando para baixo dando um suspiro, seu último suspiro.-- Desculpa, mas eu não quero mais isso.

-- Tudo bem, mas saiba que eu te amo, muito!

-- Eu também te amo! --Yoongi deu um abraço em mim e um beijo no meu rosto, logo se desfazendo em meus braços. Começo a chorar, muito. Deixo minhas dores saírem por lágrimas.

Me desculpa mãe, por ter me aguentado todos esse anos, mas continuou do meu lado porque me amava.

Desculpa tia.

Desculpa pai, por ter sido seu filho.

Olho mais uma vez pra baixo, logo colocando força para frente. Agora não tem mais volta, minha queda parece que estar passando em câmera lenta. Hoje, 1 de setembro de 2019. Meu antigo eu estou morrendo, irônico, pois não terá um novo eu. O chão está cada vez mais perto, fecho meus olhos e vejo tudo escuro.

Não estou sentindo dor, tristeza, alegria, não estou sentindo nada. É apenas um vazio, um vasto lugar escuro e vazio.

-- Kookie! --Me viro em direção a voz.

-- Yoongi? --Ele vem correndo até mim e pula em meus braços.

-- Nada vai nos separar, coelhinho. Eu te amo!

-- Eu te amo!

Vejo uma claridade, o que será isso?...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...