História Estrelas sem fim - Capítulo 257


Escrita por: e MyuriMika

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Aventura, Hentai, Overlod, Romance
Visualizações 24
Palavras 2.731
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Seinen, Survival, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 257 - Mistério de eleonor



Zaatar passou a entender porque a familia de Maria sempre se manteve no continente central

Maria é uma bruxa, e devido a raridade do seu sangue e o perigo que ela corre ao ficar muito exposta, Teresa a deixou na casa que Ellen conquistou anos atrás, bruxas são individuos únicos em seu mundo, isso pois elas eram sensiveis a seres de outros mundos, uma bruxa pode sentir um invasor mesmo com a posse da sincronia 

Maria, por conta disso, trabalha em uma federação chamada olhos guardiões, os olhos guardiões é uma equipe compostas por bruxas, e elas identificam criaturas que entraram a força nesse mundo sem o concentimento da consciência planar e tem a sincronia, elas são algo como juizes 

As filhas de maria não são bruxas, sora e porin são alquimistas e são academicas, elas são especialistas na criação de poções e itens, eleonor que é a mais nova, nasceu com uma capacidade muito estranha de acordo com maria

O talento de nascença de eleonor a permite falar com criaturas estranhas

Essas criaturas não necessariamente são invasores e são o resultado da contaminação mágica, é um talento nunca visto e, de acordo com maria, eleonor recebe concelhos dessas coisas que ainda não foram entendidas

Eles conversaram por um bom tempo e zaatar apresentou seu grupo, porém eleonor não saiu do seu colo mesmo quando maria a chamou, eleonor tinha muito cabelo para sua idade então ela parecia uma bola de pelos em seu colo 

"Vamos, venha aqui, depois eu te deixo com tio zaatar" - eleonor ignorou maria completamente e se amontoou em seu manto fazendo maria fazer um rosto confuso 

Quando ela forçou a eleonor sair a puxando a garota começou a chorar com as duas mãos nos olhos fazendo um escandalo enquanto dava com a mãozinha querendo se aproximar fazendo zaatar se sentir confuso

"Vamos para o dirigivel, então qual era o assunto maria, você disse anteriormente eu fiquei curioso"

"Queremos saber se podemos usar parte da sua propriedade para vendermos algumas poções e itens" - zaatar pensou por um tempo e falou

"Saji é responsavel por administrar todo lado interno, eu vou me fechar em pesquisa e cultivo quando eu chegar, maria, por isso não vou poder lhe dar muita atenção, mas resolva com saji" - eles foram conversando normalmente enquanto sora e porin olhavam para eleonor que lambia sua camisa de forma estranha com olhos confusos 

Depois de um tempo as duas começaram a falar

"Eleonor é diferente, ela faz um escandalo por poucas coisas e não se importa com outras, por exemplo" - sora tirou das suas coisas uma pedra de luz e eleonor se escondeu mais em seu manto como se quise-se se proteger

"Eleonor odeia a luz, quando saimos de dia ela se cobre com seu cabelo, e em dias de lua cheia ela desencadeia um poder magico de um individuo no 2 escalão"

"Hm?" - zaatar parou de andar e ficou em silencio enquanto elas pareciam esperar essa reação

"Eleonor tem a alma especial em dias especificos, ela fica muito forte e em outros ela fica fragilizada" - zaatar ficou muito curioso com isso e a observou em silencio

"Vocês duas são atenciosas com eleonor pelo que vejo"

"Sim, mas ela está bem estranha agora, mesmo com a gente temos que trocar de colo a cada 5 minutos pois ela não gosta de ser tocada por pessoas, mas agora ela está até o lambendo" - A garota parecia Ellen falando ate na forma como andava 

E pensar que sua mãe ainda estava presa naquele laboratório concluindo sua pesquisa

Ellen surtou quando pegou o legado de harthur e usou o rugido em chamas, até sua linhagem ficou mais estável, o poder contido naquele legado não era brincadeira, zaatar estimava que o lord das chamas iria enlouquecer assim que perceber isso

Depois que todos entraram cada um foi fazer seus afazeres e zaatar ficou na sala de frente a vasala, ele segurava eleonor ainda que parecia estar namorando sua barriga

"O que achou da minha proposta?" - Vasala fez um rosto complicado e depois disse:

"Eu não achei ruim, voltar no tempo seria excelente, mas ter minha força resetada..tem certeza que isso é possivel em primeiro lugar?"

"Tenho, você voltara a ter 5 anos, porém, sua mente continuará a mesma, eu preciso que você inicie o treino desde criança pois quero ver os resultados, apesar de você ter de começar do zero garanto que vai se tornar muito mais forte"

"E porque? Porque faz isso por mim?" - zaatar sorriu e falou algo que ela queria ouvir por agora, se ele fala-se: "porque você é o único rato de laboratório com o dna parecido com aquela pessoa" ela provavelmente não colaboraria de bom grado

"Porque você é importante para mim e porque preciso de você" - Vasala o olhou por vários minutos e depois de algum tempo concordou com a cabeça, ele sabia que ela estava envergonhada e feliz pela forma que suas orelhas ficavam vermelhas, zaatar pode ver que ela estava ciente do que iria acontecer

"Vou ficar no continente central?"

"Sim, você vai"

"Tudo bem, essa pesquisa vai me deixar forte?"

"Vai sim, porém vai ser doloroso no inicio"

"Eu já senti muita dor devido ao meu treinamento comum, posso lidar com isso"

"Bom.. isso é excelente, você decidiu passar?"

"Sim, estou escrevendo os métodos que usei até agora para essa .. biblioteca adepto"

"Isso é bom" - Vasala olhou para eleonor e depois para zaatar, ela queria pedir algo mas a presença do bebe a impediu, provavelmente era sexo? Vasala se despediu e depois foi para seu quarto, de acordo com saji ela tem estado feliz todas as noites e seu estado mental antes instável estava se adequando 

"Diga pequena, porque esta assim?" - zaatar ergueu eleonor e tirou o cabelo do seu rosto, ele se deitou no sofa de visitas e a colocou em seu peito fazendo ela se sentar, lentamente os cabelos de eleonor se enrolaram ao seu como se estive-se com vida própria, foi algo bonito de ver até que um sorriso apareceu no rosto da garotinha e seus olhos ficaram totalmente escuros

De repente seu corpo parou de respondeu e eleonor caminhou com dificuldade até sua boca, sua lingua se extendeu e ela o beijou

Zaatar sentiu seus olhos virando para cima enquanto a sensação parecida com a queda de um penhasco tomou conta do seu corpo

Seus pulmões pararam de respirar e foi como se ele estive-se bebendo um oceano, sua visão começou a embassar e ele sentiu varias mãos pegando pelo seu corpo, mãos adultas com unhas pontudas

--------------

TIIIIII

Zhang ti entrou na arena seguido de zaatar

Eles trocaram algumas palavras e dessa vez a sua pele estava levemente dourada, era um metal que ela nunca usou até agora, suas unhas eram negras feitas de outro metal que ela nunca usou antes também, todo seu corpo estava dourado e zaatar pode ver que ela se movia com dificuldade como se o metal coloca-se muita pressão em seu corpo 

A luta durou um segundo 

E zaatar teve a cabeça arrancada

O metal de zhang ti criava um campo que inutilizava a magia e dissipava completamente poderes magicos de quem não tinha um feitiço inato

Zhang ti venceu a partida e matou o mago de metal no tempo record de 1 segundo, zaatar sentiu o gelado da morte, os risos da plateia, a forma como saji desceu do 16 andar transformado em sua forma refinada e a forma como ela matou zhang ti a transformando em pedra

Seu corpo sendo levado para uma dispensa e como os magos da terra o sequestraram para fazer experimentos, seu esquecimento.. seu prematuro fim, risadas maleficas soaram em sua mente enquanto ele finalmente abria os olhos

*TIIIIIII

----------

Levantando rápido do sofa zaatar colocou a mão em seu pescoço

Ele ainda sentia o gelado da morte atacando seu corpo e olhou para baixo vendo eleonor abraçada em seu peito 

Zaatar a abraçou forte e começou a respirar com força enquanto o bebe deu uma risada fofa e gentil

Suas mãos suavam e a memoria ainda estava nitida de como ele morreu e até a nitidês daquela lamina ainda estava em seu pescoço, os movimentos e a capacidade de zhang ti, até a forma predatoria, que ela agiu ela parecia um tigre indo em sua direção

Zero mal conseguiu registrar 

Foi uma estocada única e seu campo de força se dissolveu, como se não existi-se sua defesa magica parou de funcionar rapidamente apenas a leve camada fisica o protegeu, mas foi igual a nada, a camada magica inteiramente parou de existir, zaatar olhou para eleonor que ainda lambia seu peito e seus olhos ficaram loucos e brutais

"Mas que porra é essa?" - zaatar disse enquanto erguia eleonor de novo e a beijava mais uma vez foi relamente um beijo apaixonado e ele a apertou como se ela fosse um potinho de ouro

Mas eleonor não fez nada, ela apenas deu risada, a criatura parecia ter adorado, zaatar usou seu poder de alma ao maximo quando acordou alertando saji que literalmente destruiu a porta do quarto, ela tinha uma aparencia cruel agora e seu corpo estava inteiramente coberto de escamas e seu rosto parecia violento enquanto seus cabelos eram bem agressivos e as cobras neles pareciam bem maiores

"Oh pensei que algo tinha acontecido, eu senti uma onda de puro medo vindo de você e sua alma ficou instavel"

"Chame Maria por favor" - Maria provavelmente já estava vindo, já que o barulho que saji fez não foi pouco, apesar de vir andando ela e Teresa não demoraram um minuto para aparecer e encontraram zaatar palido como uma folha, elas iriam perguntar mas ele falou primeiro

"Diga.. eleonor já mostrou alguma coisa anormal ... se é que me entende?" - Maria fez um sorriso um tanto contido e olhou para os cabelos de eleonor e até teresa sentiu algo estranho, era como se alguma energia diferente estive-se no ar, o elemento sombrio circulava estranhamente na atmosfera não como algo espectral mas como algo solido

Teresa se sentou e encarou maria agressivamente junto com zaatar que estava palido segurando eleonr como se ela fosse um potinho e eleonor que estava sorrindo e rindo como se tive-se muito feliz

"Eleonor desencadeia não só aquela habilidade" - maria se sentou enquanto disse:

"Eleonor é na verdade um elemental sombrio puxado de outro plano e nascido naturalmente neste mundo, eu fiz algumas pesquisas e provavelmente ela é um mensageiro da morte, suas ondulações de alma não poder ser sentidas pelo grande 1 e ele sequer consegue vê-la, para ele ela é uma simples mortal, e foi isso que forjei para esconder sua capacidade, para maioria das pessoas eleonor é apenas alguem com um talento esquisito e raro, mas.. ela desencadeia coisas estranhas de vez em quando"

"Isso tem a ver com sua fuga no ataque daquela casa?" - Teresa perguntou fazendo um rosto irritado

"Sim, quando fomos atacados aquela vez, um dia antes, eleonor fez a mesma coisa comigo, e eu pude ver.. essa criança tem capacidades estranhas, porém ela não usa com todo mundo, já deixei indiretamente perto de amigos que morreram dois dias depois, é como se ela escolhe-se quem ajudar, agora o critério não tenho ideia" - Teresa se sentou ao lado de zaatar e tocou a bochecha de eleonor com curiosidade

Em seguida a lambeu a fazendo chorar, sua lingua percorreu toda sua boca e entrou literalmente dentro do seu corpo e Teresa removeu depois

"Entendo, é de fato um elemental da sombra.. o que você viu zaatar?" - Teresa e maria se sentaram enquanto Evans chegou e depois saji, eles obviamente estavam curiosos

"Vi minha morte.. amanhã vou morrer nas mãos de zhang ti" - suas palavras fizeram o rosto de Teresa e maria se contorcer

"O que quer dizer? Explique detalhadamente o que viu" - maria disse enquanto parecia falar em tom de emergencia

"Zhang ti usava um metal novo dessa vez, tanto em suas pernas, braços e peito, o metal no peito dissipa totalmente a magia, e tem propriedades estranhas, já o metal nas pernas aumenta sua agilidade para substituir o elemento vento que ela não conseguiu usar, provavelmente devido ao metal dourado, e as garras era um metal negro com penetração magica pura, foi completamente diferente da outra vez que ela lutou e minha alma não pode fazer nada, eu morri em 1 segundo sem ter a chance de sequer me mecher, meu campo de força simplesmente dissolveu" - zaatar falava enquanto colocava a mão em seu pescoço fazendo o rosto de Teresa ficar azedo e cruel

"Vou pesquisar, volto em duas horas, pense em como lidar com isso" - zaatar concordou com a cabeça e olhou para maria 

"Seria muito te pedir para morar comigo?"

"Han?" - maria ficou confusa e depois zaatar disse

"Venha e more comigo, a ala administrativa dos meus negocios ficara para suas garotas administrar junto com seus produtos alquimicos, saia da casa que está agora e transforme em um side de recursos, vou deixar suas garotas responsáveis por administrar minha venda de linhagens extraidas" - zaatar pretendia aprender mais sobre linhagens de qualquer forma e agora que tinha essa bolinha de pelos ele a manteria por perto

Maria fez um rosto incredulo e depois começou a rir 

"Tudo bem, mas eu quero 5% das vendas das linhagens e você deve pagar o salario das minhas garotas"

"Feito"

Zaatar descobriu algo indispensavel hoje, algo que ele não sabia se foi enviado por alguem, mas foi algo que o faria ter a capacidade de não estar a mercê do destino e da consciencia planar, zaatar olhou para o bebe dormindo ainda com as mãoszinhas grudadas em seu colo e sorriu 

--------
Arisma saiu de mais um ritual do destino, ele estava nu em seu quarto com varias runas rosas em seu corpo e, assim que terminou, o cantico começou a cospir sangue como louco, o preço foi alto desta vez

Ele colocou a mão na esfera de analise e rangeu os dentes

"Eu perdi duas estrelas de alma permanentemente, mas o custo não foi nada, nunca imaginei que riou iria perder para aquele sangue sujo" - Arisma foi para seu banho enquanto tocou o sino, seu rosto estava completamente satisfeito 

Ele recebeu perdas economicas altissimas e precisou apelar para aquele ritual e alterar o destino para concertar as coisas, se o campeonato dos 13 acabar e essa divida não for quitada.. seu destino será horrivel aquela melissa iria tortura-lo por dias sem fim, mellissa era um demonio para qualquer individuo que a provoque, e ele não poderia falir agora e a perca que teve o deixou em xeque, o fazendo ter de apostar, as coisas no continente central eram brutais, um erro poderia fazer uma familia inteira desabar

Assim que seu assistente chegou, ele olhou e disse:

"Quantas plataformas ainda temos?"

"Temos 25 plataformas de suporte e 3 plataformas de guerra senhor"

"Coloque tudo nas apostas, zhang ti mata zaatar amanhã"

"Mas senhor... as apostas jã atingiram numeros exorbitantes e"

"E? Desde quando você tem permissão para opinar em algo? Vá e faça o que eu disse" - Arisma sentiu a consciencia planar pesando mais em seu corpo e outra parte da sua pele foi machada de rosa por aquela runa 

"Ninguem do anel externo vive, não vou permitir sangue sujo contaminando a linhagem real" - arisma saiu depois do seu banho e pegou uma caixa prata que estava em suas coisas tocando novamente o sino fazendo outro servo vir

"Entregue isso para o associado que tenho nos lin, esses metais devem resolver as coisas, se eles o matarem esse metal é deles" - apesar de colocar um peso anormal no corpo daquele assassino esse metal iria satisfazer as demandas para seus desejos, uma morte rápida e uma aposta ganha, ah como ele queria ver a cara de mellissa

Arisma olhou para as marcas em seu corpo 

"Que pariu.. para matar aquilo tive que mover 15 linhas do destino, o guardião planar se apaixonou ou algo do tipo? Mas que porra... de qualquer forma, é melhor do que ter outra melissa com bolas andando por ae, aquele dominio não pode se tornar um feitiço inato e meu pai pode me jogar na areia do tempo para me recuperar se eu conseguir recuperar as dividas"
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...