História "Et, tu doctor?" - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Visualizações 5
Palavras 1.547
Terminada Não
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaa pesoinhas eu to tao feliz por voltar com mais um cap, espero realmente que vocês gostem ❤ boa leitura.

Capítulo 4 - "Idiota, idiota, idiota"


Fanfic / Fanfiction "Et, tu doctor?" - Capítulo 4 - "Idiota, idiota, idiota"

-Mas que merda foi agora?- Suho perguntava aos dois garotos que estavam sendo segurados, Jogin tinha o rosto machucado e sangue escorria do seu nariz , Sehun permanecia com um olhar serio enquanto era segurado por chanyeol e Lay, nem ligava pras dores que sentia no corpo, nem pro olho roxo, queria era matar jogin pelo que tinha dito.

Ja era comum os dois se provocarem, sehun não se perdoava por ter perdido Young Hee e Jogin não o deixava esquecer disso, afinal ela era sua melhor amiga, desde o primário viviam juntos e haviam ate entrado para SM como trainee, ela sempre estava la por ele e ele por ela, ele a amava como uma irmã e por isso não havia perdoado o mais novo.


- Esse imbecil ai fica falando idiotice!-Jogin cuspiu as palavras- você devia se envergonhar, se não fosse por você minha juju estaria aqui! FELIZ, FORTE E SAUDÁVEL.


- Você não acha que me culpo JOGIN? Já basta eu mesmo me odiar a cada dia agora ate você- sehun se soltou dos braços de chanyeol com brutalidade e avançou no moreno agarrando sua camisa- me diz que merda eu fiz pra merecer isso?!!


- Você é a razão pra Young hee estar morta seu canalha- kai se solta e difere um soco em seu rosto, sendo segurado por suho logo em seguida- SUA CULPA SE NÃO TIVESSE FEITO ISSO ELA... E-eela... - sua voz embargada só transparência sua magoa


- Não é culpa do Sehun, nini!- D.O dizia tentando acalmar o moreno- ele não teve culpa daquelas sasaeng terem batido no carro e...


- E OQUE D.O? VOCÊ NÃO SABE DE NADA! VOCÊ É APENAS UM GAROTO DIZENDO PALAVRAS IMBECIS E NUTRINDO UM AMOR IDIOTA POR MIM, ME LARGA - Kai jogou as mãos do mais baixo pro lado e saiu do local batendo com raiva a porta.- eu ainda vou descobrir a verdade Sehun e quando eu souber se considere um homem morto.



A cena adentrou o peito de sehun como uma adaga, se lembrava da ultima vez que falará com young hee, tinha sido uma briga, D.O se encolhia nos braços de xiumin quando o maior se aproximou e o abraçou .


Sehun acariciou os cabelos do pequeno que se encolheu ainda mais. Era comum receber afagos do mais velho, mas aquele tinha sido como um pedido de desculpas.


- vá deitar no quarto, ele apenas está nervoso com tudo isso, apesar de ele tar querendo se enganar, ele te ama...


-Sehun?-o menor ergueu os olhinhos marejados ate o rosto do maior- me desculpa....


Sehun beijou a testa de kyung e levou ele ate seu quarto, Xiumin e chen ficaram com D.O tentando consola-lo, ardia imaginar o quanto a perda de Young hee pesava naquela casa, e todos sabiam da verdade, quase todos os perdoavam, mas Sehun ainda entendia o porquê de não se perdoar.


Flash Back on


-Oppa- Young hee sorria ao contar a novidade- eu sei que é complicado mas também é uma coisa boa não é? 


Sehun encarava o teste em suas mãos, ela estava grávida e ele seria pai, aquilo o Alegrava mas como poderiam criar uma criança no início de carreira? não eles deveriam repensar naquilo!


-Jagya vamos abortar!- ele dizia e o sorriso da menina desapareceu dando inicio a um resquício de choro- jagya estamos no início de carreira se tivermos um filh....


-Oppa? está falando serio? Depois de tudo oppa, você dizendo que queria construir uma família, dizendo que me amava, agora que estou grávida quer que aborte? Que porra é isso que está me falando sehun!!


o choro já tomava conta das emoções, sehun tentava explicar o porque da situação e young hee não queria entender, a discussão durou alguns minutos, até que em um surto Sehun mandou a garota ir embora e nunca mais falar com ele, pois se era pra ser assim que ela se virasse sozinha.


- Vá embora! Vá! VOCÊ não entendeu young ?- bateu na mesa que separava os dois- você escolheu a criança agora vá! estamos novos ainda não podemos ter um filho e...


Um tapa, aquela foi a última vez que sentiu o toque de Young Hee, a última vez que ouviu o choro ou qualquer som vindo dela. Depois ficou sabendo do acidente, e nunca mais se perdoou, a mídia soube da gravidez da cantora, e exigia que a empresa revelasse o pai. Sehun queria assumir, mas Suho e Xiumin o convenceram para não faze-lo, traria problemas pro grupo e pra vida pessoal dele, disso kai não sabia por isso julgava e procurava sempre machucar sehun com alguma lembrança da garota. 


-Hyung isso é errado com a imagem dela- soluços e mais soluços misturado em um ar de armagura rodeavam o maknae- e-eu não sei oque fazer mais.


- Não nada disso, não pode, olha hunnie eu sei que se culpa mas não pode ficar nisso para sempre- Xiumin afagou os cabelos alheios em uma tentativa conforto.

Era de dilacerar o coração ver tanto rancor em um ser só,ainda mais sobre si mesmo. Kai estava em choque, não comia, não socializava, era ausente em tudo, agora estava com olheiras profundas, cheirava mal por conta da pouca vontade de sair da cama e tomar uma simples ducha, cabelo desgrenhados e mal cuidados, ele estava péssimo, tinha começado a beber e sempre passava mal depois, era ridícula aquela situação mas ele não era o único, Sehun começara a fumar e sempre saia para festas e voltava de algum modo machucado, as vezes era por ter caído da escada ou ate mesmo tropeçando na lata de lixo, mentiras obviamente pois algumaa vezes Suho e Lay o seguiam e assistiam o péssimo estado do maknae, por vezes se afogando no próprio vomito e sangue, outras enterrado nos peitos de alguma dama noturna. 

Durou muito para tudo isso passar, o grupo era alvo de fofocas e paparazzi sempre nas mídias por alguma bobagem que sehun cometia, ou pelo desaparecimento repentino de kai das ativades do grupo, foi duro passar por tudo aquilo mas agora(lê-se anos depois) o grupo ja voltava as perfomances e estava tudo bem, exceto pelas brigas.

~ O ~ O ~ O ~


Flash back off


Ja na cozinha, sehun colocava um saco de ervilha congelado no roxo de seu rosto e tomava um copo de suco, em uma tentativa de se acalmar. Suho o observava em silêncio, era frustrante tentar acalmar sehun naquele estado, ele estourava com qualquer um, mas deveria saber o porquê terem começado a discutir.


-Por que?- indagou


-Por quê, oque hyung?- Sehun deixou escapar um soluço dentre os lábios.


- A briga, estavamos tão bem, sehun faz anos que ela se foi, ANOS! por que pensar nisso agora?



-Suho, ele veio me acusando de tar querendo ter algo com a Doutora Louise, veio me lembrando do que fiz com a Juju e com o nosso filho, me culpando por tudo de novo- o choro ja era presente, os soluços eram constantes, sehun se levantou e foi buscar algo na pratileira, Suho observou o garoto engolir 2 comprimidos(calmantes)- eu não fiz nada hyung, me descontrolei e bati nele, por isso brigamos... Hyung eu...


-Sehun pare você não tem culpa, já dissemos pra você, Mas... - suho segurou a mão do mais novo - oque você quer com a Louise? pense bem na resposta por que dependendo eu te darei um soco na fuça.


- Hyung não posso negar que sinto atração por ela, mas eu sei do que ja fiz e não quero fazer mal a ela, o kai não entende isso, sei que ele quer algo com ela, mas ele está se enganando! Enganado o D.O!! isso é maldade!


-Ótimo viu? VOCÊ já não esta mais se enganando! Oque é ótimo agora para com isso e....


-Você oque sehun?- a voz grossa de chanyeol ecoou como um estalo, ele tinha admitido pra suho nem percebendo a idiotice que fizera- repita oque você disse agora.


- Hyung...- sehun escorou no armário - oque você tem haver com isso? por acaso quer algo com ela?


- Aish- chanyeol rosnou entre dentes e encarou o mais novo- eu vou deixar bem claro aqui, ela é nossa Doutora, Psicologa da SM e devemos RESPEITO a ela, pois ela não é um boneco pra vocês estarem brigando, muito menos um osso para dois moleques ficarem disputando, e vocês já estão grandes demais para agirem como babacas do colegial.


Apesar de tudo, aquilo era real pois estavam sendo ignorantes pensando apenas em suas possibilidades, sem se importar com a opinião da menina e além do mais ela é mãe. Aonde Sehun estava com a cabeça? "idiota idiota idiota" ele repetia em sua mente, por que de tudo aquilo? pelo simples fato de estar gostando da mulher.


-Voce não respondeu a pergunta dele Chanyeol!- Suho cortou qualquer pensamento ali presente- você gosta dela?


- eu - "eu oque?!" era a pergunta que rodeava a cabeça de sehun- eu to saindo com ela Suho, ja faz uma semana, como amigos claro mas isso não interessa a vocês, se gostassem dela mesmo estariam tentando ser bons pra ela e não brigando, agora levanta dai Sehun isso não é o fim do mundo assim como você superou a juju, você consegue essa.



"Vocês oque?" 


Notas Finais


Gostaramm??? beijos ate a próxima 💘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...