História ;eterna rosa branca - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Naomi Mayuri Demétrio
Visualizações 40
Palavras 421
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lírica
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - .me desculpe


Suas pétalas caíram pouco a pouco, e o que era eterno acabou por transparecer-se ao seu tom alvo, que era brilhante e blindado contra a tristeza.

Você sempre foi especial, tão quanto um pedaço de pizza sexta a noite quando pegava um pedaço e via sua foto por alguns meros segundos antes de ir me deitar. Foi especial quando se desculpava por não responder minhas mensagens, oras, você não deveria me pedir desculpas de modo algum, mas adoraria ver você fazendo isso por uma única vez.

Você foi minha inspiração por muito tempo e, tão positiva e amável, tudo aquilo que eu não tinha você me passou, agora, parece que esse sentimento foi anulado por uma dor de saber que você transparecia com um sorriso e palavras doces tristeza. Isso me faz chorar por tudo e não poder ter feito nada.

Eu admito que pensei que poderia ser eterno. Eu te amo muito, você foi a pessoa que supriu minhas frustrações quando eu mais precisei, porque ninguém fez isso por mim, ninguém perguntou se eu estava bem como eu pedia, mesmo que não com palavras, mas sim com o olhar. Você sabia que eu não era a melhor pessoa para demonstrar sentimentos ou coisas parecidas, sou meio fria e sempre tento disfarçar isso com a gentileza, mas você me mostrou que não preciso ser assim, só confiar em você, em seu coraçãozinho, que era puro demais.

Gostaria de estar com você, abraçar seu doce corpo da forma mais protetora possível, queria te dizer palavras sensatas e não coisas horríveis que minha boca sempre costuma falar. Gostaria de ser sua protetora por um minuto, sentir seu rosto quente em meu peito e dizer entre lágrimas que tudo vai ficar bem, mesmo que agora não esteja.

Eu sei que não foi sua culpa, mas sim das circunstâncias que a levaram a isso, também sei que não foi minha, mas deveria ter sido mais cuidadosa com você, ter sido o que não fui. Me desculpe.

Espero que me desculpe por todas as vezes que não percebi nada, eu sou uma tola que não conhecia direito a pessoa que alegrava meus dias.

Sempre vou lembrar da rosa branca que me alegrava todas as manhãs, a MeU mais amável que f(x) poderia ter ganhado, a que escrevia tão bem que me fez sorrir por muitas vezes.

Espero que esteja em um lugar melhor, talvez no céu e, eu prometo, hoje vou olhar para ele e lembrá-la como a estrela mais brilhante do céu.

Você vai ser sempre a rosa branca inteira do jardim que encontrei



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...