1. Spirit Fanfics >
  2. Eternal >
  3. Cipher 1

História Eternal - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Bom olá bolinhos, passei um tempão sem postar nada aqui Ne, mais estou voltando com uma nova fanfic e espero que gostem💜

Capítulo 1 - Cipher 1


Fanfic / Fanfiction Eternal - Capítulo 1 - Cipher 1

Autora:

Os raios do sol tocavam na pele da garota deitada em sua cama enorme e espaçosa, aos poucos a garota abria seus olhos com dificuldade por causa da claridade, revelando assim seus olhos castanhos claros,a mesma coloca sua mão a frente de seu rosto procurando assim amenizar a luz que se fazia presente a cada minuto, a garota solta um longo suspiro falando para si mesma:
      
  -Mais um dia, poderia eu acelerar o tempo -falava angustiada por causa de sua coroação, lá no fundo a garota não queria isso, pois isso a afastaria de seu grande amor

A menor se levanta da cama fazendo suas higiene matinais, ouvindo um barulho da porta sendo aberta

Serva-Senhorita o comandante a espera para seu treino diário

         Luna-Sim eu sei muito obrigado pelo aviso, me ajude a terminar de me arrumar, por gentileza-a serva adentra o quarto da bela jovem, que se encontrava com seus trajes de treino e seus longos cabelos pretos soltos,que a essa altura já se encontrava em um rabo de cavalo, para não atrapalhar seu desempenho, em um ato rápido ela sai do seu quarto dispensando a sua serva, a menor se dirige a arena de treinamento, enquanto observa o seu próprio Palácio

Luna/pensamento

"Por que estou estranhando o dia de hoje?
Não passo todos os dias eu por entre os corredores desse enorme Palácio?
Bom talvez seja por que se aproxima o grande dia, não só por isso, nesse dia me casarei com quem não amo, pois quem eu amo não sabe de meu amor, talvez me veja como uma criança mimada, apesar de ser apenas 3 anos mais nova "

Pensamento off

Luna caminha calmamente até chegar a seu destino, uma arena enorme, e no Centro dela o comandante da Guarda Real, que a treina todos os dias para que ela esteja preparada para as lutas que um dia virão, mais para ela, ele era mais que isso, ele era....

          Taehyung -Esta pronta? -Ela e tirada de seus pensamentos, pelo belo homem a sua frente,seus cabelos estavam levemente bagunçados, seus olhos negros e profundos, segurando a espada afiada com uma das mãos, ele olha pra mesma -não se preocupe hoje pegarei leve com você  -o maior fala sorrindo quadrado para garota

        Luna -Me poupe dessa sua arrogância -Ela fala firme, mesmo que o amasse em segredo não demostraria em sequer momento algum

            Taehyung - Arrogância? -Ele a olha fazendo uma cara de deboche, logo a entregando a outra espada que estava em sua outra mão -Bom está na cara que você ainda precisa aprender muito princesinha-Ele da ênfase no "princesinha", a garota pega a espada de sua mão com um pouco de agressividade, taehyung se afasta para ditar seus golpes-Vamos fique em posição de defesa- Ele observava seus movimentos atentamente-Agora ataque o seu adversário-luna movimenta sua espada várias vezes, para ela era como uma dança, irônico não é, ela gira, e faz movimentos ainda mais agressivo, mais por um momento ela se desequilibra e acaba caindo por conta de seus movimentos-E isso que vc chama de concentração, não se engane Luna, se continuar assim, será mascarada no campo de batalha, use sua inteligência, se é que você tem - aquelas palavras eram duras demais para ela, mais a mesma tinha que suportar para se tornar forte, Luna levanta e vai até o autor da voz

             Luna-Não se esqueça que serei sua rainha -a garota fala em um tom de raiva, olhando para taehyung
               Taehyung -enquanto isso não acontece, apenas me obedeça, agora LUTE -Ele grita a ultima palavra, com sua voz imponente e ataca a menor com movimentos precisos e rápidos, fazendo com que a mesma se defenda igualmente, os dois estavam em sincronia, uma dança-isso, nunca deixe seu adversário ficar por cima ou senão...- em um movimento rápido taehyung tira a espada da mão de Luna e a vira a colocando de Costas para ele, assim deixando uma espada perto da barriga e outra no pescoço de luna-ou senão e o seu fim-ela sentia a respiração do maior em seu pescoço, nesse momento ela sente um arrepio correr todo seu corpo

            Luna-p_pode me soltar a_agora
           

 

 

 

 

 

 




 


Notas Finais


Eu sei que foi pequeno esse capítulo, não se preocupem,o próximo será melhor, desculpem os erros, estou começando a voltar a ativa, bom obrigado 😉💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...