História Eternamente 16 - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Irmãs, Terror, Vampiros
Visualizações 3
Palavras 1.423
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Se estao lendo o segundo capítulo, provavelmente gostaram do primeiro, se gostaram agradeço desde já :3

Capítulo 2 - Primeiro dia de aula


Fanfic / Fanfiction Eternamente 16 - Capítulo 2 - Primeiro dia de aula

=Quarto de Victoria=

Deric: Senhorita, é hora de acordar.

Deric: Senhorita, acorde agora ou ira se atrasar para seu primeiro dia

Victoria: Ai droga o que você quer!?~perguntei irritadamente

Deric: Que a senhorita acorde, já se esqueceu de seu primeiro dia de aula?

Victoria: ah que merda, temos mesmo que ir nisso? Porque se você ver bem não faz muito sentido duas vampiras de 266 anos irem a escola.

Deric: jura? Porque sua irmã senhorita Miranda já está lá embaixo lhe esperando pra ir

Victoria: argh, tá já estou descendo~(porque ela quer ir nisso)

Deric: suas roupas estão naquele closet.~disse apontando para um quarto

Victoria: espera, oq-o que é um closet?

-Deric saiu pela porta ignorando a minha pergunta. Então apenas fui até onde ele indicou com o dedo, quando entrei pela porta tinha tantas roupas quanto eu podia vestir, as roupas mudaram bastante desde aquela época. Agora, qual eu visto?...

=Enquanto isso na sala=

Deric: senhorita Victoria já vai descer senhorita Miranda.

Miranda: tá, obrigada.

Deric: senhorita posso perguntar o porque de a senhorita ter tanto interesse de ir a escola?

Miranda: é que, eu só quero recomeçar e esquecer tudo o que aconteceu, mas não comente nada com Victoria tá?

Deric: como quiser senhorita

Então vamos partir para nossa nova “escola” ~gritou Victoria enquanto descia pelas escadas

Victoria: então como fiquei nessas roupas?

Miranda: ficou linda!

Victoria: ótimo, você também não está mal, bom vamos então

=20 minutos de limusine depois=

Deric: chegamos senhoritas

Victoria: UAU Deric as carruagens de hoje sem em dia são muito confortáveis, minha bunda nem está doendo!

Miranda: Victoria!!Vem vamos logo! E não são carruagens, Deric já disse que são carros

~(tinha esquecido esse lado da Victoria)

Deric: lhes acompanharei até sua sala

Victoria: (As pessoas não paravam de nos olhar, até parecia que sabiam que nós éramos vampiras, se não pararem de Ilha vou atirar uma flecha no olho de cada um deles)~ei deric porque esse povo fica nos olhando?

Deric: provavelmente porque são alunas novas senhorita

Miranda: vai demorar muito pra chegarmos á nossa sala Ainda?

Deric: não muito senhorita, porque?

Miranda: é.. que a Victoria precisa usar um buraco

Victoria: eu não pre-Miranda me da disfarçadamente um beliscão

Deric: e pra que se usaria um buraco?

Miranda: voce sabe...pra fazer aquilo.

Deric: aquilo..oque?

Miranda: cocô ~disse bem baixinho

Deric: não ouvi senhorita, poderia repetir?

Miranda: cocô! ~disse irritadamente

Deric: ora senhorita Victoria se queria fazer coco era só ter dito.

Victoria: o que eu nem dis~Miranda me da outro beliscão

Victoria: claro, na próxima vou me lembrar

Deric: então vamos senhoritas vou lhes mostrar o banheiro

=No banheiro=

-Enquanto Miranda defecava igual um porco, eu fiquei esperando por ela encostada na parede quando uma garota entra, passa por mim e pisa em meu pé~(foi de propósito, só pode ter sido)

Victoria: EI, VOCÊ PEÇA DESCULPAS AGORA!

Pelo que?~disse arrogantemente a desconhavida

Victoria: você pisou no meu pé!!

Oh, desculpe é tão grande que pensei que fosse parte do chão.

Sua va-

Nossa, me sinto até mais leve-disse Miranda enquanto sai pela porta do banheiro

Miranda: vamos Victoria, Deric está nos esperando

Victoria: tá!!~enquanto olhava com raiva para a desconhecida

Então saímos, e Deric nos levou até nossa sala

Deric: senhoritas, boa sorte, e tentem não falar coisas estranhas

Miranda: como o que?

Deric: como precisar usar o buraco

Miranda: o-Oh, c-claro nós já sabemos disso

Então eu e Miranda entramos dentro da sala, sentamos no fundo perto da parede

Eu automaticamente odiei a professora

Depois de 3 aulas

Meninas estão gostando da aula?

Victoria: claro!(como se fosse possível gostar disso)

Miranda: mais ou menos

Oh e porque?~perguntou a professora

Miranda: nossos antigos professores eram melhores, você não tem conhecimento o bastante para me ensinar

Quem pensa que é?~perguntou a professora

Victoria: (ela é Miranda, A melhor aluna da classe, ensinada pelos melhores professores do nosso século)

-Todos da classe ficaram olhando

-Enquanto Miranda encarava a professora e a professora encarava Miranda, um sinal tocou e todos saíram, então peguei Miranda pelo braço e sai também

Victoria: o que foi aquilo?

Miranda: não me julgue

Victoria: não estou te julgando, isso só não é sua cara ,é meio que mais a minha

Miranda: eu sei, é só que eu estou com saudade do Arthur

Victoria: ah claro como pude me esquecer do seu caso com nosso querido professor Arthur

Miranda: não era um caso! A gente ia se casar!

Victoria: ah claro que ia, fala sério, acha mesmo que papai permitiria? Teve sorte o bastante de ele não ter descobrido. Agora vamos ao banheiro, que quem vai usar agora sou eu.

-Fomos até o banheiro, quando chegamos lá a desconhecida de antes estava marcando de encontrar com alguém em uma coisa que parecia uma telha

-Então eu e Miranda nós escondemos para tentar ouvir a conversa.

Hoje as 9 horas aqui na escola pode ser?📱

Claro📱

-Então ela saiu do banheiro após terminar a conversa

Miranda: então ela vai invadir a escola.

Victoria: é e a gente também

Miranda: você vai se vingar por mais cedo não é?

Victoria: você ouviu?

Miranda: claro eu estava basicamente do lado

Victoria: então você vai me ajudar?

Miranda: vou

Victoria: ótimo

9 HORAS

-Pedi a Deric para que nos trouxesse aqui, até porque ele falou que nos ajudaria em qualquer coisa

-Entramos na escola pela janela do banheiro do primeiro andar e fomos subindo as escadas até ver luzes acesas, fomos até lá e vimos uma coisa que com certeza não esperávamos, flagrada a desconhecida transando com o professor

Victoria: Miranda você pegou o que te pedi com o Deric?

Miranda: peguei, aliás ele falou que o nome disso é câmera, e onde você viu isso?

Victoria: vi uma garota usando mais cedo, agora tira umas foto deles

Miranda tirou várias fotos onde dava claramente para ver seus rostos

Miranda: podemos ir agora?

Victoria: não, Deric me disse que quando ah um incêndio na escola um alarme começa a tocar

Miranda: não Victoria, a gente não vai colocar fogo na escola

Victoria: calma, é claro que não, você sempre anda com o esqueiro do papai né?

Miranda: claro, agora é a única coisa dele que tenho

Victoria: ótimo me empresta

-Então eu subi em uma cadeira e acendi o esqueiro quando a fumaça tocou o teto começou a fazer um barulhão e a molhar tudo, então eu e Miranda saímos correndo pra sair dali, quando vimos por onde eles entraram, então saímos por lá e após sairmos trancamos com um cadeado que estava no chão, entramos na limusine e ficamos observando de um pouco longe dali

Victoria: quero ver ela sair dessa!

Miranda: ela só queria ficar com o professor, isso é errado?

Victoria: olha Miranda você é uma pessoa Boa e ficava com o professor Arthur porque gostava dela

Mas aquela ali, é uma vaca, e deve estar com ele por notas, vocês duas são diferentes, entendeu?

Miranda: tá

Wiiiu wiiiiu wiiiiu wiiiiu wiiiu 🚒

Os bombeiros chegaram disse Deric

Deric: vocês incendiaram a escola?~perguntou meio assustado

Victoria: claro que não

-Então os bombeiros entraram na escola, mas não acharam fogo algum, apenas encontraram dois safados, a vadia desconhecida e o professor trouxa

-No dia seguinte ela não apareceu, nem no outro, nem no outro, resumindo não apareceu por uma semana deve ter sido dispensada e o professor demitido e preso

Na semana seguinte

-Novamente encontrei ela no banheiro da escola

Victoria: flagrada a vadia dando para o professor por notas melhores

Foi você!! Claro, não tinha como ninguém descobrir~disse furiosamente a desconhecida

Victoria: se eu fosse você tomava mais Cuidado quando falar no celular.

Então alguém gritou de fora do banheiro

NATALLY!

Victoria: uh, acho que tem alguém te chamando “Natally”, porque não vai ver quem é? Será que é um namorado?

Então natally sai pra fora e pede pra conversarem depois

Natally: você não pode me ameaçar, não perto do meu namorado, você não tem nem provas

Victoria: Eu não contaria com isso, tenho o seu filme pornô aqui em diversos ângulos, quer ver?

Victoria: você se achou malvada com aquele pisão no meu pé não é? Espero que tenha aprendido o que é ser má de verdade, agora suma da minha frente

Então Natally saiu correndo chorando do banheiro

-já estávamos no fim da aula então o sinal tocou e fomos embora

-Quando chegamos em casa, Deric disse que havia uma visita nós esperando, mas quem seria essa visita se nem conhecemos ninguém desse século, não importa o quanto pensasse não vinha ninguém a minha cabeça

■□■□CAPITULOFINALIZADO□■□■



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...