História Eternamente seu - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Hoseok, J-hope, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Namjin, Namjoon, Seokjin, Sope, Taehyung, Vhope, Yoongi
Visualizações 398
Palavras 613
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem novamente pela demora, eu fiquei com um bloqueio gigante, mas consegui fazer esse capítulo depois de muito tempo tentando fazer ele.

Preparem o coração !

Capítulo 14 - Não pode ser verdade


Fanfic / Fanfiction Eternamente seu - Capítulo 14 - Não pode ser verdade

Autora P.O.V

Enquanto Jungkook e Jimin passavam um tempo juntos, no hospital, a rainha tinha acabado de comer e estava indo em direção ao quarto de Hae.

- meu rei, eu... - a rainha parou de falar assim que viu o que estava acontecendo. O rei e Hae estavam se beijando e pararam assim que viram a rainha na porta. Hae não sabia aonde enfiar a cara.

- minha rainha, perdoe-me, eu... - Hae tentava se desculpar quando é interrompida pelo rei.

- não precisa se desculpar - o rei deu um selinho em Hae e voltou a encarar a rainha que tentava achar uma explicação para aquilo.

- eu finalmente a encontrei - o rei estava com um sorriso enorme e a rainha não pode deixar de sorrir também, até porque ela a cima de tudo, era amiga do rei e viu de perto a dor e sofrimento que ele passou para encontrar a ômega.

- fico feliz que tenha a encontrado depois de tantos anos de sofrimento e arrependimento. - a rainha olhou para a ômega afim de conhecer mais o rosto daquela que tanto ouviu falar e nunca viu. A ômega a olhava surpresa e assustada.

- você... Você não tá com raiva ou algo do tipo ? Ele é seu marido e... - mais uma vez a ômega foi interrompida.

- e eu tenho certeza que o rei já te explicou sobre nosso casamento e sobre nossa real relação, então se acalme e voltem a fazer o que estavam fazendo, eu vou comer - a rainha falou andando em direção a porta.

- mas você acabou de comer - o rei falou e a rainha riu.

- é, eu sei - a rainha saiu do quarto deixando os dois a sós novamente.

- depois disso creio que você irá aceitar morar comigo - o rei falou sugestivo fazendo Hae sorrir.

- sim, eu aceito - o rei a beijou novamente.

Em uma praça próxima ao hospital...

- vamos amor, já está ficando tarde - Jungkook tentava convencer o ômega a ir para casa, mas o ômega estava muito ocupado brincando no balanço que havia na praça.

- mas eu quero ficar mais um pouco - Jimin estava com um bico nos lábios e Jungkook não sabia se iria resistir a vontade de fazer o que o ômega queria por muito tempo.

- meu amor, eu quero muito ficar aqui mais um pouco com você, mas está ficando tarde e a praça está ficando vazia, outro dia nós voltamos. - jungkook falou torcendo para ter conseguido convencer o ômega dessa vez.

- está bem - Jimin falou se levantando do balanço e indo para os braços de jungkook. - mas você vai ter que passar o resto da tarde comigo. - Jimin apertava os braços ao redor do alfa.

- se depender de mim, eu vou passar o resto da minha vida com você - Jungkook olhou para baixo para encarar o ômega e o viu corado e sorriu em seguida.

- vamos para casa - Jungkook levou Jimin de volta para o hospital e pediu para o motorista os levar para o palácio.

***********

Jungkook tinha acabado de tomar banho e se trocado no quarto de hóspedes quando voltou para o seu próprio quarto, onde o ômega tinha tomado banho, quando o viu se encarando no grande espelho que havia no closet do seu quarto.

- chimchim, você está bem ? - perguntou ao ver a expressão confusa do ômega no reflexo do espelho.

- eu não sei... Estou sentindo calor e eu estou quente - Jimin falou e Jungkook se aproximou do ômega e logo sentiu o cheiro forte que seu ômega exalava.

- amor... Você está entrando no cio - jungkook falou e Jimin arregalou os olhos.

"Isso não pode ser verdade"



Notas Finais


Desculpem qualquer erro ortográfico. Espero que gostem.

Beijos e até a próxima 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...