História Eternamente seu - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Hoseok, J-hope, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Namjin, Namjoon, Seokjin, Sope, Taehyung, Vhope, Yoongi
Visualizações 498
Palavras 1.280
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Só quero avisar que essa fic não vai ter enrolação ou mais tretas já que todos já sabem o final dela (ela é baseada na one shot "alfa supremo" para quem não sabe), então não vou ficar enrolando e criando tretas para uma história que, creio eu, a maioria já sabe, então essa fic não vai ter muitos capítulos.

Capítulo 8 - Completos


Fanfic / Fanfiction Eternamente seu - Capítulo 8 - Completos

Autora P.O.V

Depois de dar a boa notícia ao ômega, o alfa se deitada na grama do pequeno jardim do seu tio Hoseok com o ômega deitado de frente para si enquanto trocavam beijos e carinhos.

- pequeno, eu estava pensando e... Achei uma boa ideia você vim morar comigo no palácio. - o alfa falou fazendo o ômega olhar para ele.

- não posso, eu tenho que cuidar da minha mãe e ainda tem o meu trabalho. - Jimin falou desviando o olhar do alfa. 

- você não precisa desse trabalho, pelo que vi quando estava no restaurante, seu chef é bem explorador e um lixo como alfa, não tem motivos para continuar lá. Sobre sua mãe, ela teria um ótimo acompanhamento médico e você não precisaria trabalhar Naquele restaurante de merda. Você é a futura rainha dos lobos, não deve estar se submetendo a isso. - jungkook não queria ver seu ômega se submetendo a esses tipos de coisas desnecessáriamente.

- eu tenho sim meus motivos para continuar naquele restaurante, depois que fui embora e fiquei longe de você, eu fiquei muito triste, não brincava mais, não queria ir para a escola, tava prestes a entrar em depressão, mas a omma arranjou uma forma de me distrair. Ela passou a cozinhar comigo todos os dias e quando percebi já aflorava um sonho dentro de mim. - Jimin olhava fixamente para o céu que não estava mais com o sol quente, dando sinais de em breve ia anoitecer.

- e que sonho seria esse ? - jungkook perguntou virando o rosto do ômega para si.

- ser um grande chef de cozinha e ter um restaurante 5 estrelas - falou fazendo o alfa ficar surpreso.

- então quer dizer que além de lindo, fofo, delicado e amoroso meu ômega é um ótimo cozinheiro que pretende ser um grande chef ? Eu tenho muita sorte então. - Jeon falou vendo o ômega corar.

- eu posso te ajudar, posso contratar os melhores chefs para te dar aulas, posso pagar a melhor escola de culinária e abrir um restaurante em seu nome. - Jeon falou e viu o ômega negar.

- não, não precisa fazer isso - o ômega falou achando que seria um grande abuso o alfa fazer tudo isso por ele.

- anjo, apenas me deixe te ajudar, você já é bom no que faz, você apenas precisa de um empurrão, mas saiba que mesmo que eu faça isso, você só vai conseguir as estrelas e ser um grande chef por conta própria, então apenas me deixe te ajudar. - falou vendo ele morder o lábio inferior como se estivesse pensando.

- me dá um tempo para pensar em todas essas propostas - Jimin falou vendo jungkook assentir feliz.

- kookie, posso te fazer uma pergunta ? - jimin olhou para jungkook que apenas assentiu.

- por que você diz que sou seu ômega se não sou seu namorado ou sou marcado por você ? - jimin perguntou vendo jungkook sorrir docemente.

- porque você é meu pequeno ômega, desde que nasceu você já era meu. - jungkook falou puxando Jimin para mais perto de si e colocando sua mão na parte de trás da esquerda de Jimin colando sua perna esquerda em cima da sua.

- como ? - Jimin perguntou um pouco tímido devido a posição atual deles.

- nossos lobos escolherem um ao outro e isso significa que somos alma gêmea - jungkook falou fazendo carinho na coxa do ômega vendo o mesmo corar novamente antes de responder.

- ah...  - o pequeno ômega estava muito envergonhado. Nunca esteve em um relacionamento e muito menos quando se é alma gêmea de uma pessoa e nunca teve toques tão íntimos como os toques que Jeon dava a ele, mesmo que não fosse nada demais.

O alfa puxou o ômega pelo queixo delicadamente e juntando os lábios em um beijo lento e carinhoso. As línguas não brigavam por espaço, apenas acariavam uma a outra, deixando o beijo mais gostoso e um tanto quente, devido aos carinhos que as línguas faziam uma na outra e os apertos que Jeon dava na coxa farta de Jimin, que suspirava pesado. Depois de um tempo naquele beijo jungkook se separou do jimin enquanto fazia carinho na bochecha do mesmo.

- sobre minha marca, não se preocupe, eu não pretendo demorar muito para te marcar e deixar claro para o mundo que você é meu, mas vou fazer isso na hora certa. - jungkook falou passando seus carinhos da coxa para o bumbum dando um leve aperto, escutando em seguida um gemido baixo e manhoso do ômega que ficou corado levando a mão esquerda até a boca.

Jeon não evitou em dar um sorriso malicioso seguido de mais um aperto, só que dessa vez mais forte, vendo o ômega fechar os olhinhos com força.

- sabe qual vai ser a hora certa de deixar minha marca em você, jiminie ? - perguntou vendo o ômega negar meio atordoado em um mar cheio de sensações novas, causadas pelo alfa.

- no seu cio... - olhou para o ômega que agora tinha a mão esquerda apertando a blusa do alfa em suas mãos e com os olhos ainda fechados. - ah jiminie... Não vejo a hora disso acontecer. - confessou apertando mais forte o bumbum do ômega e colando mais ainda seu corpo no do ômega.

- acho... Que está tarde... Vamos entrar - Jimin falou meio atordoado se afastando o alfa em seguida.

- claro - o alfa concordou com um sorriso sapeca no rosto vendo o quão mexido o ômega ficou com alguma palavras e toques. Ele ficou extremamente feliz ao saber o quanto mexia com o ômega.

O resto da tarde e noite foi regada a risadas e histórias engraçadas conta das por hoseok, algumas sobre o quão difícil foi conquistar Taehyung.

Antes de ir dormir jimin foi falar com jungkook que estava na cozinha bebendo água.

- jungkook - chamou o alfa que não demorou em dar atenção ao ômega.

- acontece alguma coisa, pequeno ? - Jungkook perguntou preocupado indo até o ômega e abraçando o mesmo.

- não, apenas quero avisar que preciso ir para casa amanhã cedo, minha Omma precisa muito de mim e eu tenho trabalho amanhã. - falou apertando o alfa pela cintura.

- eu entendo você ter que cuidar da sua mãe, mas continuo não concordando com você continuar trabalhando naquela espelunca, já falei que te ajudo, não quero ver você sendo maltratado por aquele bosta mais conhecido como seu chef. - falou vendo o ômega sorrir pela preocupação.

- prometo que amanhã vai ser meu último dia, tá bom ? - perguntou fazendo o alfa sorrir.

- acho bom mocinho - falou apertando as bochechas do ômega.

- ah, tenho mais uma coisa para te falar... Meu cio está próximo - jimin falou escondendo seu rosto no peito do alfa na tentativa de não encarar o mesmo.

- não precisa ficar com vergonha, amor e não se sinta pressionado com o que falei mais cedo, não ache que agora que sabe que somos alma gêmea você é obrigado a passar o cio comigo, entenda que só vou passar o cio com você e te marcar quando você estiver pronto, tudo no seu tempo. - Jungkook fazia carinhos nos cabelos de Jimin que apenas assentiu para o alfa.

- vamos dormir, amanhã vai ser um dia longo. - jungkook falou levando o ômega para as escadas.

- dorme comigo ? - Jungkook perguntou ao ômega que pensou um pouco e assentiu seguindo o alfa até o quarto do mesmo.

Jungkook fechou a porta do quarto apagando a luz em seguida e levando o ômega até cama deitando de conchinha com o mesmo que não demorou em cair no sono.

Depois de muitos anos eles se sentiam completos ali, nos braços um do outro.



Notas Finais


Espero que tenham gostado e desculpem qualquer erro.

Beijos e até a próxima 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...