História Eu afundei - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Angst, Escorpião É Assim Mesmo, Jackbam, Jackbum, Jaegyeom, Jjp, Markbum, Menção Suicídio
Visualizações 15
Palavras 239
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu deveria estar dormindo, mas tô aqui.
Quantos anos a gente não se via, gente? nossa, anoooosss.
Mas cheguei para dizer que amo GOT7 e que tô sofrendo, é isto.

Capítulo 1 - . Único


Naquele instante, antes de me jogar rumo a imensidão azul, eu me senti afundar, mas dessa vez não foi na intensidade dos seus lábios.

Eu me senti despedaçar aos poucos, como se cada parte de mim se afastava e entrava em conflito, senti meu corpo afundar no mar e meu pulmão implorar por ar. Eu não podia mais conviver com essa dor, não a da sua partida que era tão clara quanto a água do mar e você sempre deixou explícita no seu olhar que sempre estava sempre grudado na janela do meu quarto, você buscava liberdade e não era isso que eu tinha a oferecer, mas minha dor não se resumia em você e nem em ninguém, minha dor se resumia em mim.

Mas quando você se foi eu não me despedacei, eu já estava despedaçado, Jaebum, não tinha mais pedaços para serem destroçados, eu já estava em pedaços antes mesmo de você ir, mas digamos que você foi só a meia gota d'água que bastava para o oceano dentro de mim transbordar e inundar as cidades que são meus sentimentos.

Não pense que eu me joguei daquela ponte sem pensar, pois eu pensei e essa foi a minha única saída para me libertar dessa dor que me prende e me sufoca.

Sinceramente, eu não sei o que tem do outro lado, mas mesmo se for uma tela escura eu já estarei liberto da prisão que é minha mente.


Notas Finais


não ficou tão booomm assim, mas entendam meu bloqueio criativo
beijos e até ano que vem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...