1. Spirit Fanfics >
  2. Eu escolho aquela garota. >
  3. Capítulo 2

História Eu escolho aquela garota. - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capítulo 2


Literatura era um saco eu podia dominar tudo menos a arte dos livros, não que eu não tenha essa capacidade de sentar e ler, a questão e que tudo era tão entediante que me fazia querer fechar os olhos e dormir:

- Underhill pode nos resumir ou apenas contar o enredo do Sol e para todos? - O professor diz batendo com a mão na minha carteira, acordo com um salto e encaro seus olhos pretos furiosos - Estamos esperando.

- Um cara preso ou algo do gênero?.

A sala ri alto o professor fica mais irritado ainda pedi silencio e em uma forma de desafio faz outra pergunta.

- Algo mais facil " o morro dos ventos uivantes?".

- Eu não sei algo como uma garota branca que se apaixonada pelo empregado.

- Favorita?.

- Jane Austin?.

- Acabou de sepultar a propria cova mocinha - Ele sussurrou se afastando - Com esse gancho da nossa capitã do time de basquete iremos montar as equipes para o proximo trabalho.

- Não leu nem um deles, leu? - Amira pergunta em susurros - Era os livros do semestre.

- Odeio romances - Sussuro de volta.

- Tudo bem como um bom livro de estratégia irei fazer uma agora - Avisa o professor olhando para mim e logo depois para Star.

Balanço a cabeça tentando evitar o que estava por vir mas já era tarde de mais, o professor sorrio.

- Já que está tão empenhada em estabelecer uma trêgua na guerra femina desta escola Zoe, você vai fazer seu trabalho com a Star.

- Como? - Ela pergunta me encarando.

- Bem não e o primeiro encontro já que Underhill vai tocar na festa dela - uma das alunas provocam.

- Passaram mais tempo juntas entao.

Encaro o olhar assasino de Star e uma de suas meninas para mim e o olhar sarcastico do professor.

- Oh droga.

(...)

- Isso e culpa sua - Nora grita fechando a porta do meu armario em um estrondo, me assusto e me afasto.

- Minhas mãos são muito importante ok? - Digo as colocando no bolso.

- Sabe que Star tinha que estar na minha equipe.

- Qual e Nora eu não tenho controle sobre isso.

- Não tem? Você e sua equipe  vivem alfinetando ela e agora mágicamente esta no grupo dela?.

- Precisa parar com essa obsessão pela Star, des do que Jardim de infância?.

- Zoe...

- Ola parceira de literatura e Nora - Star aparece ao nosso lado, agora com roupas diferentes ela sorri com os dentes brancos, não parece tão irritada como na aula.

- Estava falando com a Zoe sobre pedir para trocar de equipe - Nora mente me olhando nos olhos.

- Olha Star se isso te aborrece...

- Esta ligando para meus sentimentos agora Zoe?.

- Eu so não quero confusão.

- Não vai ter - Ela se aproxima de mim proxima o bastante para ouvir sua respiração - E so um um trabalho ZoZo.

Meus pelos do pescoço se arrepiam e eu respiro fundo para conter toda a tensão.

- Eu te pego depois do seu treino para começarmos. - Avisa se afastando.

Nora sai me olhando mesmo enquanto ela e puxada pela garota.

(...)

- Cesta de três de novo, qual é Underhill não está na retaguarda esta?- O treinador grita comigo.

- Sinto muito treinador - Peço desculpas enquanto Amira passa por mim de novo e lança de fora da area.

- E como jogar com...

- Uma pedra - Joana termina.

- Onde esta sua cabeça Zoe? - Amira pergunta com um meio sorriso.

- As meninas querem uma pausa para bater um papo? - O treinador pergunta irônico.

- Não senhor.

- Ótimo, Underhill linha de defesa se deixar essa bola passar vai cançar as pernas, Joana no ataque.

Joana lança um sorriso para mim e lança um desculpa irônico, me preparo e ela vem, quando gira perco a vantagem que tinha e a cesta dela e feita.

- Redor da quadra agora.

Reviro os olhos e começo a correr o nervossismo de me juntar a Star estava me desconcentrando e aparentemente eu estava criando algo a mais que antipatia pela lider de torcida.

Ja na terceira volta meu folego acabou assim como o resto do treino depois de levar, uma bronca sobre minha distração o treinador nos liberou, Amira correu ate mim.

- O que aconteceu Zoe?.

- O trabalho de literatura.

- Esta pilhada com isso?.

- Não o trabalho a parceira.

Amira segurou o riso e me deixou vermelha quando soltou a risada sonorica.

- Esta nervosa com a Star?.

- Não

- Pensei que odia-se ela.

- Eu não a odeio só não me simpatizo

- E está nervosa por quê vai passar um tempo com ela, isso e tão fofo - Amira aperta minhas buchechas afasto sua mão com um tapo e ela ri mais.

- Não tem graça, Nora me ameaçou por quê vou fazer o trabalho com ela.

- Se eu fosse você, corria para as montanhas ou para irmãzinha.

- Amira leva a serio.

- E estou, a proposito estou te diagnosticando com paixonete pelo inimigo.

Dou um empurrão nela e ela quase cai mas se mantém em pé, caminhamos ate o vestiário e sou interrompida:

- Underhill - Star grita meu nome quando viro a encaro na entrada - Vamos?.

- Falando no diabo.

Ela estava usando um vestido rosa florido com os cabelos enrolados e mascando um chiclete cada detalhe nela era estupendo, e incrivelmente ativava meu lado sexual.

- Preciso me trocar.

- Pode se trocar em casa.

A garota ao meu lado sorri ela da de ombros quando me afasto com a minha mochila e vou até Star.

- Então teve um bom treino?.

- Estava um pouco distraida.

- Não imagino o por quê.

- E nem eu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...